Questões de História das Relações Públicas no Brasil (Relações Públicas)

Limpar Busca

Considere as asserções abaixo:

I. As Relações Públicas, nascidas na primeira quadra do século XX como práticas profissionais e organizacionais, construindo técnicas comunicacionais em processos até então típicos da administração, estão se consolidando no século XXI também como uma área do conhecimento, uma ciência social aplicada.
PORQUE
II. As Relações Públicas têm sido institucionalizadas na academia, tanto para formação de profissionais de nível superior quanto para produzir conhecimento em diálogo com outras áreas da comunicação, como a Publicidade e o Jornalismo, sendo estudadas de forma autônoma à luz de teorias da comunicação para oferecer técnicas e instrumentalização para solução de problemas práticos das organizações.

A respeito dessas asserções, é correto afirmar que:

  • A As asserções I e II são proposições falsas.
  • B As asserções I e II são proposições verdadeiras, mas a II não é uma justificativa da I.
  • C A asserção I é uma proposição verdadeira, e a II é uma proposição falsa.
  • D A asserção I é uma proposição falsa, e a II é uma proposição verdadeira.
  • E As asserções I e II são proposições verdadeiras, e a II é uma justificativa da I.

Em uma síntese cronológica, a função de relações públicas no Brasil ganhou força e valorização com a chegada das multinacionais na década de 1960. Sobre a linha do tempo que identifica as primeiras décadas da função no país, analise as assertivas abaixo e assinale V, se verdadeiras, ou F, se falsas.
( ) Eduardo Pinheiro Lodo se tornou patrono dos relações públicas no Brasil. Ele estava à frente da criação do departamento de relações públicas da São Paulo Tramway Light and Power, em 1914. ( ) O primeiro departamento de relações públicas autenticamente nacional, criado em 1951, foi chefiado pelo percursor da linha administrativa da profissão, Evaldo Simas Pereira. ( ) Em 1953, a escola de Administração da Fundação Getúlio Vargas iniciou o primeiro curso regular de relações públicas, integralmente nacional e com professores nativos do Brasil. ( ) Para esclarecer e difundir o real significado e a importância da profissão, em 1954 foi fundada a Associação Brasileira de Assessores de Imprensa, com foco na atividade de relações públicas. ( ) Com o desenvolvimento industrial, na década de 1960, pesquisas de opinião e de mercado dão mais força para a área de relações públicas instalar-se na atividade empresarial.
A ordem correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é:

  • A F – V – V – F – V.
  • B V – F – F – V – F.
  • C F – V – V – F – F.
  • D V – V – F – F – V.
  • E V – F – F – V – V.

Os processos de comunicação contribuem para a construção da realidade social e, por esse motivo, requerem uma reflexão dos profissionais da área sobre a responsabilidade dessa atividade. A partir dessa informação, julgue o item.


A partir do século XX, os meios de comunicação em massa colocaram‐se como um componente cultural importante na teoria das representações sociais e, assim, passaram a ser reconhecidos por seu papel na construção social da realidade.

  • Certo
  • Errado

Os processos de comunicação contribuem para a construção da realidade social e, por esse motivo, requerem uma reflexão dos profissionais da área sobre a responsabilidade dessa atividade. A partir dessa informação, julgue o item.


A partir do século XX, os meios de comunicação em massa colocaram‐se como um componente cultural importante na teoria das representações sociais e, assim, passaram a ser reconhecidos por seu papel na construção social da realidade.

  • Certo
  • Errado

Os processos de comunicação contribuem para a construção da realidade social e, por esse motivo, requerem uma reflexão dos profissionais da área sobre a responsabilidade dessa atividade. A partir dessa informação, julgue o item.


Os códigos de ética aplicados às profissões ligadas à comunicação não são considerados como deontológicos, uma vez que não possuem caráter jurídico nem prescritivo sobre normas e condutas.

  • Certo
  • Errado