Questões da Prova da Prefeitura Municipal de Ipumirim - Auxiliar Administrativo (2022)

Limpar Busca

Sobre os componentes estruturais do (7º§), marque a alternativa INCORRETA.

  • A No segmento: "nem semideuses, nem santos." - temos elementos coesivos alternativos.
  • B No trecho: "E embora nossa alma" - o elemento coesivo conjuntivo destacado equivale a "já que".
  • C Os componentes linguísticos de: "A gente faz o que pode." - comprovam o descontentamento da voz do texto e exemplifica discurso indireto livre.
  • D No trecho: "Devemos é confessar humildemente nossa frágil condição humana," temos exemplo de sujeito elíptico identificado pela desinências verbal (mos).
  • E No segmento: "no comportamento falhamos como pobres bichos frágeis" - temos ideia de comparação, similaridade.

Sobre os componentes linguísticos estruturais do texto, marque a alternativa INCORRETA.

  • A A numeração no período: "E¹ foi daí por¹ diante que¹ eu² comecei a perceber então³ que de nada vale decorar máximas que² ficam gravadas na memória, mas não ficam no coração³". - identifica (1) termos monossílabos invariáveis, (2) termos monossílabos pronominais, (3) termos oxítonos sem acento gráfico que justifique a tonicidade, porque til só serve para marcar a nasalização da vogal.
  • B No período: "Sim, diariamente, eu lia poemas antes de sair." - as vírgulas separam advérbios com sentidos diferentes, deslocados na oração.
  • C No trecho: "Eu devia conservar serenamente a minha ". - destacamos, respectivamente: uma locução verbal, advérbio de modo e pronome possessivo.
  • D O período: "Se me batessem num lado da face, imediatamente ofereceria outro..." está escrito com elementos coesivos conjuntivos com ideia concessiva.
  • E O trecho: "E quando estourassem aquelas greves políticas que eu tanto amava - a escola ferveria em pleno clima revolucionário sob o tacão da ditadura ..."- está estruturado, respectivamente, com ações: em tempo pretérito imperfeito do modo subjuntivo, em tempo pretérito imperfeito do modo indicativo, em tempo futuro do pretérito do modo indicativo.

Marque o parágrafo que infere o momento em que a narradora começa a entender que não adianta assimilar pensamentos, conceitos sem trabalhar o emocional.

  • A Segundo.
  • B Terceiro.
  • C Primeiro.
  • D Quarto.
  • E Quinto.

Analise as assertivas com V, para verdadeiro, ou F, para falso:

(  )O título do texto está escrito com ideia condicional.
(  )A preposição usada na frase: "A longa lista de desafios" é imposta pela regência nominal.
(  )A frase: "A gente faz o que pode". - está escrita com verbos de segunda conjugação na terceira pessoa do singular do presente do modo indicativo.
(  )A expressão: "intimidava-me" tem o mesmo sentido de "causava-me medo".

Marque a alternativa com a série CORRETA.

  • A V, F, V, V.
  • B V, V, V, V.
  • C F, V, V, F.
  • D F, F, V, F.
  • E V, F, V, F.

Analise as assertivas seguintes:

I.O período: "Se me batessem num lado da face, imediatamente ofereceria outro" - enuncia ideia hipotética através dos tempos verbais: "batessem" (imperfeito do modo subjuntivo) e "ofereceria" (futuro do pretérito do modo indicativo).
II.O (4º§) inicia com um advérbio que faz antônimo com "Não".
III.A palavra destacada na frase: "E, muitas vezes, ficava a sonhar com feitos assim tão extraordinários" - tem o mesmo sentido de "atitudes", "condutas", "práticas", "façanhas".
IV.A oração: "Mas eu disse, às vezes!" - é simples, tem os termos essenciais dispostos na ordem direta, inicia com conjunção coordenativa adversativa, tem pontuação exclamativa e expressão adverbial de tempo.
V.As palavras: "injustiça", "políticas", "serenamente" - se identificam por terem a mesma quantidade de sílabas gramaticais, por todas serem escritas com derivação prefixal e por pertencerem à mesma classe morfológica.
VI.No (6º§), temos frases pontuadas com exclamação e frase pontuada com ideia de questionamento.

Estão CORRETAS, apenas:

  • A I, II, IV e V.
  • B I, II, III e IV.
  • C II, III, V e VI.
  • D I, III e V.
  • E III, IV, V e VI.