Questões de Tipos de Planos de Ensino (Pedagogia)

Limpar Busca

O planejamento escolar é uma tarefa docente que inclui tanto a previsão das atividades em termos de organização e coordenação em face dos objetivos propostos, quanto a sua revisão e adequação no decorrer do processo de ensino. O planejamento é um meio para programar as ações docentes, mas é também um momento de pesquisa e reflexão intimamente ligado à avaliação. Há três modalidades de planejamento, articulados entre si o plano da escola, o plano de ensino e o plano de aulas.

http://www.aecep.com.br/artigo/o-planejamento-escolar–jose-carlos-libaneo.html - acesso dia 18 de abril de 2021.


O planejamento tem assim as seguintes funções:


I. Explicar os princípios, diretrizes e procedimentos do trabalho docente que as segurem a articulação entre as tarefas da escola e as exigências do contexto social e do processo de participação democrática. II. Expressar os vínculos entre o posicionamento filosófico, político-pedagógico e profissional e as ações efetivas que o professor irá realizar na sala de aula. O planejamento escolar é uma tarefa docente que inclui tanto a previsão das atividades em termos de organização e coordenação em face dos objetivos propostos, quanto a sua revisão e adequação no decorrer do processo de ensino.

III. Assegurar a racionalização, organização e coordenação do trabalho docente, de modo que a previsão das ações docentes possibilite ao professor a realização de um ensino de qualidade e evite a improvisação e a rotina.

IV. Prever objetivos, conteúdos e métodos a partir de consideração das exigências postas pela realidade social, do nível de preparo e das condições sócio-culturais e individuais dos alunos.

V. Assegurar a unidade e a coerência do trabalho docente, uma vez que torna possível inter-relacionar, num plano, os elementos que compõem o processo de ensino: os objetivos (para que ensinar), os conteúdos (o que ensinar), os alunos e suas possibilidades (a quem ensinar), os métodos e técnicas (como ensinar) e avaliação que intimamente relacionada aos demais.

VI. Atualizar os conteúdos do plano sempre que for preciso, aperfeiçoando-o em relação aos progressos feitos no campo dos conhecimentos, adequando-os às condições de aprendizagens dos alunos, aos métodos, técnicas e recursos de ensino que vão sendo incorporados nas experiências do cotidiano.

VII. Facilitar a preparação das aulas: selecionar o material didático em tempo hábil, saber que tarefas professor e alunos devem executar. Replanejar o trabalho frente a novas situações que aparecem no decorrer das aulas. Para que os planos sejam efetivamente instrumentos para a ação, devem ser como guia de orientação e devem apresentar ordem seqüencial, objetividade, coerência, flexibilidade.

  • A II e VI estão incorretas
  • B VII está incorreta
  • C I e V estão incorretas
  • D V está incorreta
  • E Todas estão corretas

A atividade docente, como toda atividade humana, necessita ser planejada, a fim de atingir seus objetivos. Um importante instrumento do planejamento docente é o Plano de Aula. Considerando os componentes básicos de um Plano de Aula, relacione a coluna da direita com a da esquerda.


1 Conteúdos

2 Objetivos

3 Métodos e Técnicas

4 Avaliação


( ) Caminhos escolhidos pelo professor para conduzir a aula.

( ) Foco da atividade pedagógica, norteador de toda a prática educativa.

( ) Constatação sobre em que medida os objetivos de aprendizagem foram alcançados.

( ) Descrição clara do que se pretende alcançar como resultado da atividade do aluno.

( ) Valores, conhecimentos, habilidades e atitudes a serem desenvolvidos pelo estudante.


A opção que contém a sequência correta, de cima para baixo, é:

  • A 3, 2, 4, 2, 1.
  • B 3, 4, 4, 1, 2.
  • C 1, 4, 1, 2, 3.
  • D 2, 2, 4, 3, 1.

Ao planejar, temos a possibilidade de:


I. Organizar e unificar recursos disponíveis.

II. Determinar prazos para executar atividades.

III. Realizar avaliação diagnóstica para intervenção na realidade.


Quais estão corretas?

  • A Apenas I.
  • B Apenas I e III.
  • C Apenas II e III.
  • D I, II e III.

O planejamento das ações coletivas exercidas pela escola supõe que os sujeitos tenham clareza quanto, EXCETO:

  • A Aos princípios e às finalidades da educação, além do reconhecimento e da análise dos dados indicados pelo Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) e/ou outros indicadores, que o complementem ou substituam
  • B À irrelevância de um projeto político-pedagógico concebido e assumido colegiadamente pela comunidade educacional, respeitadas as múltiplas diversidades e a pluralidade cultural.
  • C À riqueza da valorização das diferenças manifestadas pelos sujeitos do processo educativo, em seus diversos segmentos, respeitados o tempo e o contexto sociocultural.
  • D Aos padrões mínimos de qualidade (Custo Aluno-Qualidade Inicial – CAQi).
O Planejamento Educacional orientado pela intenção de assegurar o acesso e a permanência com aprendizagens significativas para todos os alunos, deve privilegiar ações educativas que propiciem possibilidades e oportunidades de:
I. Classificação dos alunos de acordo com seu desempenho, o que assegura a qualidade do processo e êxito dos resultados.
II. Uso das horas de trabalho pedagógico coletivo como recurso que permite o acompanhamento das ações propostas.
III. Interação entre as vivências dos alunos fora da escola e os conteúdos curriculares desenvolvidos em sala de aula e outros espaços da Universidade.
IV. Desenvolvimento de procedimentos pedagógicos e uso de recursos didáticos coerentes com objetivos pretendidos.
As afirmativas conforme a proposta de Planejamento Educacional do enunciado são:
  • A II, III e IV
  • B I, II e III
  • C I, III e IV
  • D II, IV e V