Questões da Prova do COBRA Tecnologia S/A - Técnico - Operação (2015)

Limpar Busca

Após a leitura do texto julgue as afirmativas.

I. O pergaminho hebraico encontrado há 1500 anos só pôde ser decifrado no ano de 1970, quando as novas tecnologias finalmente permitiram esse acontecimento.

II. Apesar de o pergaminho hebraico só ter sido descoberto na década de 70 do século passado, sua decifração só foi possível depois de quase meio século.

III. Recentemente descoberto, o pergaminho hebraico possibilitou que os especialistas reavaliassem o texto bíblico do livro de Levítico, consideravelmente diferente do encontrado.

IV. Com a descoberta do pergaminho, os especialistas israelenses puderam alterar muitos dos versículos da Bíblia até então conhecidos.

Quantas delas estão corretas?

  • A Nenhuma.
  • B Uma, apenas.
  • C Duas, apenas.
  • D Três, apenas.
  • E Todas.

Assinale a alternativa que contenha uma afirmação correta a respeito da ortografia ou da acentuação, considerando as palavras utilizadas no texto.

  • A No título da notícia, há um equívoco na grafia de “hebraico", já que essa palavra não se inicia por h.
  • B No trecho “15 séculos de idade", não se deveria acentuar a palavra “séculos", já que se trata de vocábulo paroxítono.
  • C A palavra “cinzas" deveria ter sido grafada com s, assim como “razão".
  • D No penúltimo parágrafo, as palavras “centímetros", “versículos" e “bíblico" são acentuadas pelo mesmo motivo.
  • E Na frase “A instituição desenvolveu um programa de imagem digital", há dois erros de ortografia.

Analise o período a seguir:

"A mais avançada tecnologia nos permitiu desvendar o pergaminho, que fazia parte de uma Bíblia de 1.500 anos de idade".

Agora, assinale a alternativa que contenha apenas informações corretas a respeito das orações que compõem esse período e dos termos que as constituem.

  • A Há três orações, o que se justifica pela presença de três verbos: “permitiu", “desvendar" e “fazia". O primeiro exige um objeto direto, que é representado pela oração formada a partir do segundo verbo. Já o terceiro constrói uma oração subordinada adjetiva explicativa.
  • B Há duas orações, o que se justifica pela presença dos verbos “permitiu" e “fazia". O primeiro exige um objeto indireto, que é representado pelo pronome “nos", e um objeto direto, que é representado pela oração formada a partir do segundo verbo.
  • C Há três orações, o que se justifica pela presença de três verbos: “permitiu", “desvendar" e “fazia". O primeiro está conjugado no pretérito perfeito do indicativo; o segundo está conjugado no futuro do subjuntivo; o terceiro está conjugado no pretérito imperfeito do indicativo.
  • D Há uma única oração, já que existe uma única forma infinitiva, “desvendar". Os outros verbos que aparecem, “permitiu" e “fazia", não constituem orações, uma vez que estão subordinados ao referido infinitivo.
  • E A oração “que fazia parte de uma Bíblia de 1.500 anos de idade" classifica-se como subordinada subjetiva objetiva direta. Nela, há um adjunto adnominal, “de 1500 anos de idade", ligado ao substantivo “Bíblia".

Analise as afirmativas a seguir.

I. No contexto em que aparecem, os verbos “encontrar" e “decifrar" – assim como seus derivados – são empregados como sinônimos.
II. No quarto parágrafo do texto, a preposição “em" introduz a causa por que o pergaminho não havia sido lido.
III. No último parágrafo do texto, podemos dizer que há uma incoerência entre os termos “departamento" e “instituição".

Está correto o que se afirma em:

  • A nenhuma.
  • B I, somente.
  • C II, somente.
  • D III, somente.
  • E todas.

Releia o penúltimo parágrafo e, a seguir, assinale a alternativa que contenha apenas informações corretas a respeito da palavra “que".

  • A Nas duas ocorrências da palavra, no referido parágrafo, o “que" classifica-se morfologicamente como conjunção.
  • B Na primeira ocorrência da palavra, no referido parágrafo, o “que" poderia ser substituído por “cujo".
  • C Nas duas ocorrências da palavra, no referido parágrafo, o “que" classifica-se sintaticamente como objeto direto.
  • D Na segunda ocorrência da palavra, no referido parágrafo, o “que" poderia ser substituído por “pois".
  • E Nas duas ocorrências da palavra, no referido parágrafo, o “que" introduz orações subordinadas adjetivas.