Resumo de Antropologia - Cultura Chinesa

Diversidade e complexidade fazem parte dessa cultura

Com um território extenso, a China está entre as quatro civilizações mais antigas que existem, ao lado da Babilônia, Egito e Índia. E justamente por conta desse histórico tão rico e cheio de informações, a cultura chinesa é uma das mais diversas. Atualmente, a China tem uma população de mais de 1,4 bilhão de habitantes, dimensões continentais compostas por lagos, montanhas, desertos, rios e é um dos países mais desenvolvidos do mundo. 

Por ser a nação mais importante da Ásia oriental, a China tem atraídos milhares de visitantes de todas as partes do globo. Os turistas que frequentam o país são atraídos por sua diversidade cultural, paisagens naturais, crescimento econômico e tecnológico, arquitetura e arte. 

Principais elementos da cultura chinesa


Apesar de ter sofrido algumas interferências por conta do processo de globalização, a cultura chinesa ainda mantém aspectos muito tradicionais e que podem ser evidenciados no idioma, escrita, religião, arquitetura e culinária. A seguir você vai conhecer cada uma delas.
Idioma e Caligrafia
A caligrafia está entre um dos elementos mais tradicionais da cultura chinesa. Esse modo de escrever teve início na dinastia Shang, há mais de 3 mil anos. Essa tradição que também influenciou outros países da Ásia é dividida em cinco categorias: selo, oficial, formal, corrida e cursiva. Cada uma delas faz parte de um contexto histórico ou da política do país. 
A base desse sistema de escrita são os pictogramas, um símbolo que representa um objeto ou um conceito. Ainda hoje, os chineses utilizam ao menos 60 mil caracteres ou símbolos para escrever. O mandarim é uma das variações da língua chinesa mais utilizadas, porém não é a única. No país também são usados os dialetos wu, cantonês, jin, min, xiang, keija, gan e muitos outros.
Religião
A maioria dos habitantes do país dize não ter religião, mas as religiões tradicionais como o budismo, confucionismo, e taoísmo são predominantes. O taoísmo, fundado por Lao Tse Tung, é uma religião milenar que prega a harmonia entre o ser humano e a natureza. Também conhecida como daoismo, a relação com os elementos naturais podem nos guiar até o equilíbrio. O confucionismo ou Escola dos Eruditos criado por Confúcio. O sistema pregava a ética, bem comum, moral, responsabilidade social e ensinamentos da sabedoria.
Já o budismo, religião que tem origem na Índia, é muito popular na China. Os budistas pregam a pureza espiritual, a necessidade de meditação para transcender os limites do corpo e da mente e a busca pelo fim do sofrimento humano. Apesar das perseguições, o cristianismo tem ganhado cada vez mais adeptos na China. Estima-se que há mais de 50 milhões de cristãos no país. O islamismo também está presente na nação chinesa, alcançando mais de 20 milhões de pessoas. 
Arquitetura
Palácios com lagos artificiais e templos grandiosos que fizeram parte da arquitetura da China Antiga estão presentes até hoje. Na Cidade Imperial ou Cidade Proibida, as construções datadas de 1406 são marcadas por terrações, jardins exuberantes e pavilhões grandiosos. Um dos grandes exemplos da imponência da arquitetura do país e também da cultura chinesa é a Muralha da China. Construída há mais de 2 mil anos, o monumento fica localizado ao norte do país, tem 21,1 mil quilômetros e pode ser visto até da Lua. Vales e montanhas compõem a paisagem da Muralha que foi projetada para proteger o comércio do país e evitar invasões. 


Culinária


A culinária chinesa é a bastante exótica. Embora alguns pratos tenho sido incorporados nos países do ocidente, como o yakissoba, os rolinhos primavera, os molhos como o shoyu e o tofu recheado, muitas iguarias não são muito populares, a exemplo da carne de cobra, de cachorro, animais como escorpião, besouros. Exceto por estes últimos, a maioria dos pratos consumidos pelos chineses são feitos com carnes vermelhas, legumes, arroz, peixe, e são acompanhados com biscoito e rolinhos. 


Outras manifestações culturais


A música também é um elemento muito particular da cultura chinesa. Elas são compostas com a utilização de vários instrumentos de corda, pratos, flauta e gongos. Na arte destacam-se os vasos em cerâmica pintados artesanalmente, a arte em seda, os quadros que retratam as paisagens naturais da china e os seres mitológicos que fazem parte da cultura do país.

Voltar

Questões