Questões da Prova do Ministério Público do Estado do Rio Grande do Sul (MPE-RS) - História (2015)

Limpar Busca

Com relação à historiografia moderna, considere as seguintes afirmações.

I. Leopold von Ranke, um dos principais expoentes do historicismo alemão no século XIX, considerava a história uma forma de ciência ocupada em relatar o passado tal como efetivamente ocorreu, desconsiderando os elementos artísticos em sua narrativa.

II. Jules Michelet, pertencente à chamada "escola metódica" francesa iniciada na Terceira República, preconizava a distância entre passado e presente e o apagamento dos traços subjetivos do historiador na elaboração do seu relato histórico.

III. Estudioso da história da civilização na Inglaterra, Henry Thomas Buckle defendia a incorporação de elementos das ciências naturais no estudo da história por considerar a influência exercida pelas “leis físicas” sobre a organização das sociedades.

Quais estão corretas? 

  • A Apenas I.
  • B Apenas II.
  • C Apenas III.
  • D Apenas I e II.
  • E Apenas II e III.

Assinale a alternativa que preenche corretamente as lacunas das linhas 2, 26 e 40, nesta ordem.

  • A exceção – enterinamente – estupim
  • B exceção – interinamente – estopim
  • C exessão – interinamente – estupim
  • D exessão – enterinamente – estopim
  • E exeção – interinamente – estupim

Assinale com V (verdadeiro) ou com F (falso) as afirmações abaixo, conforme estejam, ou não, de acordo com o texto.

( ) O exílio dos inconfidentes foi uma manobra política do príncipe regente para contornar a crise da mineração.

( ) Os inconfidentes foram enviados ao continente africano com a finalidade de exercer cargos na administração pública de colônias portuguesas.

( ) Na África, alguns inconfidentes foram recebidos com regalias e até com certa distinção pelos governantes locais.

( ) Alguns inconfidentes deportados para a África conseguiram retomar suas vidas profissionais ou iniciar novas atividades ocupacionais.

A sequência correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é

  • A F – F – V – V.
  • B F – V – V – V.
  • C V – F – F – V.
  • D V – F – F – F.
  • E F – V – V – F.

Acerca da formação estrutural da palavra Inconfidência (l. 2), é correto afirmar que

  • A ela tem como base a palavra confim.
  • B ela contém prefixo que significa 'movimento para dentro'.
  • C ela é formada através do acréscimo do prefixo in- à palavra confidência.
  • D ela contém sufixo que significa 'que pode ser'.
  • E seu sufixo é formador de substantivos abstratos oriundos de substantivos.

Considere as seguintes afirmações sobre regência verbal e nominal.

I. O uso de crase em à África (l. 3) justifica-se porque o verbo chegar rege a preposição a, e o substantivo África é determinado por artigo definido feminino.

II. A ausência de crase em a Angola (l. 16) justifica-se porque, embora o verbo chegar reja a preposição a, o substantivo Angola rejeita o uso do artigo definido.

III. O uso de crase em à vida do país (l. 38) justifica-se porque o adjetivo integrado (l. 38) rege a preposição a, e a expressão vida do país (l.38) é determinada por artigo definido feminino.

Quais estão corretas?

  • A Apenas I.
  • B Apenas II.
  • C Apenas III.
  • D Apenas I e III.
  • E I, II e III.