Questões de Formação do imperativo (Português)

Limpar Busca

No título do livro de Lisa Guernsey mencionado no texto, os verbos estão no:

  • A Infinitivo pessoal.
  • B Presente do indicativo.
  • C Particípio.
  • D Presente do subjuntivo.
  • E Imperativo.

Considerando as orações “o número de trabalhadores precoces corresponde a 5%” e “Ajude a diminuir essa porcentagem”, é correto afirmar que as formas verbais sublinhadas estão conjugadas, respectivamente, no

  • A presente do modo indicativo e no imperativo afirmativo.
  • B futuro do presente do modo indicativo e no pretérito imperfeito do modo subjuntivo.
  • C pretérito perfeito do modo indicativo e no infinitivo impessoal.
  • D pretérito imperfeito do modo indicativo e no pretérito perfeito do modo indicativo.
  • E presente do modo subjuntivo e no pretérito mais-que-perfeito do modo indicativo.

Assinale a alternativa que indique corretamente a sequência de ações ordenada pelos grilos, quando passada para a forma de tratamento “vós”.

  • A Escovei os dentes. Não mintai. Respeitai os mais velhos. Sedes cortês. Rezei antes de comer.
  • B Escovai os dentes. Não mintais. Respeitai os mais velhos. Sede cortês. Rezai antes de comer.
  • C Escovai os dentes. Não menti. Respeitai os mais velhos. Sejai cortês. Rezai antes de comer.
  • D Escovais os dentes. Não mintas. Respeiteis os mais velhos. Sejais cortês. Rezeis antes de comer.
  • E Escoveis os dentes. Não mentis. Respeiteis os mais velhos. Sejais cortês. Rezais antes de comer.

Com base na norma culta da língua portuguesa, quanto a aspectos gramaticais de termos presentes no texto, assinale a alternativa correta.

  • A Na linha 30, o vocábulo “prisioneiro” refere-se à palavra “vício”.
  • B Na oração “Ajude quem mais precisa!” (linhas 37 e 38), a forma verbal sublinhada está conjugada no imperativo afirmativo.
  • C Na oração “O poder da meditação também já foi comprovado por meio de pesquisas” (linhas 22 e 23), o termo sublinhado pode ser corretamente substituído por através.
  • D O trecho “Sentir-se útil para outra pessoa, sem esperar nada em troca” (linhas 38 e 39) pode ser substituído por Se sentir útil para outra pessoa, sem nada esperar em troca, sem que haja prejuízo quanto à correção gramatical.
  • E Em “e não é necessário mergulhar fundo nesse universo” (linhas 23 e 24), o trecho sublinhado foi empregado em sentido denotativo.


Na gravura, alterando-se o sujeito dos verbos do período para “nós” (1ª pessoa do plural), tem-se a seguinte modificação das formas verbais:
  • A Saiais desse facebook e vades estudar.
  • B Saímos desse facebook e vamos estudar.
  • C Saiamos desse facebook e vamos estudar.
  • D Sairemos desse facebook e iremos estudar.
  • E Quando sairmos desse facebook e formos estudar.