Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro - Professor - Inglês (2010) Questão 51

TEXTO 1

A leitura do mundo precede a leitura da palavra, daí que a posterior leitura desta não possa prescindir da continuidade da leitura daquele. (...)

Este movimento dinâmico é um dos aspectos centrais, para mim, do processo de alfabetização. Daí que sempre tenha insistido em que as palavras com que organizar o programa da alfabetização deveriam vir do universo vocabular dos grupos populares, expressando a sua real linguagem, os seus anseios, as suas inquietações, as suas reivindicações, os seus sonhos. Deveriam vir carregadas da significação de sua experiência existencial e não da experiência do educador. A pesquisa do que chamava universo vocabular nos dava assim as palavras do Povo, grávidas de mundo. (...)

De alguma maneira, porém, podemos ir mais longe e dizer que a leitura da palavra não é apenas precedida pela leitura do mundo mas por uma certa forma de “escrevê-lo” ou de “reescrevê-lo”, quer dizer, de transformá-lo através de nossa prática consciente.

(FREIRE, Paulo. A importância do ato de ler em três artigos que se completam - texto adaptado)



Com base no TEXTO 1, responda à questão.

A proposta de Paulo Freire comentada no TEXTO 1 evidencia que ele acata os princípios teóricos de:

  • A Wallon, no que diz respeito à zona de desenvolvimento proximal
  • B Vygotsky, no que diz respeito à aprendizagem significativa
  • C Freinet, no que diz respeito à escola do trabalho
  • D Piaget, no que diz respeito aos estágios de desenvolvimento cognitivo