Questões da Prova do Tribunal Regional Eleitoral do Mato Grosso do Sul - Técnico Judiciário (2013)

Limpar Busca

Nas opções a seguir são apresentados trechos adaptados de Os Novos Atores Políticos, de Vladimir Safatle, texto publicado em Carta Capital. Assinale a opção em que o trecho apresentado está gramaticalmente correto.

  • A A interpretação das leis não pode ser feita sem apelo a interpretação das demandas políticas que circula no interior da vida social de um povo.
  • B Interpretar uma lei é se perguntar sobre, o que os legisladores procuravam realizar?
  • C Um dos fatos mais relevantes de 2012 foram a transformação dos juízes do Supremo Tribunal Federal em novos atores políticos.
  • D Há algum tempo, a Suprema Corte virou protagonista de primeira grandeza nos debates políticos nacionais.
  • E Que juízes se vejam como atores políticos, não deveria ser visto como um problema.

No que se refere às normas para elaboração de correspondência oficial, assinale a opção correta.

  • A O expediente adequado para que um ministro de Estado submeta um projeto de ato normativo à consideração da presidenta da República é a exposição de motivos.
  • B Apesar da recomendação para que se empreguem os fechos Atenciosamente e Respeitosamente, nas redações oficiais, admite-se também o uso de Cordialmente, Saudações e Com meus cumprimentos, se o conteúdo do documento for solene.
  • C Na comunicação entre um tribunal regional eleitoral e o Tribunal Superior Eleitoral, deve-se utilizar um memorando.
  • D Em correspondências enviadas a deputado, juiz, embaixador e diretor-geral de agência reguladora, deve-se empregar o pronome de tratamento Vossa Excelência.
  • E Aviso é o expediente adequado para a comunicação entre o gestor máximo de qualquer órgão da administração e outras autoridades de mesma hierarquia.

Nas opções a seguir são apresentados trechos adaptados de Os Novos Atores Políticos, de Vladimir Safatle, texto publicado em Carta Capital. Assinale a opção em que o trecho apresentado está gramaticalmente correto.

  • A Que juízes se vejam como atores políticos, não deveria ser visto como um problema.
  • B A interpretação das leis não pode ser feita sem apelo a interpretação das demandas políticas que circula no interior da vida social de um povo.
  • C Interpretar uma lei é se perguntar sobre, o que os legisladores procuravam realizar?
  • D Um dos fatos mais relevantes de 2012 foram a transformação dos juízes do Supremo Tribunal Federal em novos atores políticos.
  • E Há algum tempo, a Suprema Corte virou protagonista de primeira grandeza nos debates políticos nacionais.

Ainda em relação à correspondência oficial, assinale a opção correta.

  • A A mensagem de correio eletrônico não tem valor documental, uma vez que não há forma de confirmar a autenticidade da assinatura do seu remetente.
  • B O documento adequado para a comunicação entre setores da mesma instituição é o memorando.
  • C Nos documentos do padrão ofício, o signatário deve ser identificado pelo nome, seguido do nome da instituição.
  • D Em documentos endereçados a um ministro de Estado, deve-se empregar o vocativo Excelentíssimo Senhor Ministro.
  • E O telegrama é a forma de comunicação mais utilizada em situações de emergência, dados seu baixo custo e a celeridade por ele proporcionada.

No que se refere às normas para elaboração de correspondência oficial, assinale a opção correta.

  • A Aviso é o expediente adequado para a comunicação entre o gestor máximo de qualquer órgão da administração e outras autoridades de mesma hierarquia.
  • B O expediente adequado para que um ministro de Estado submeta um projeto de ato normativo à consideração da presidenta da República é a exposição de motivos.
  • C Apesar da recomendação para que se empreguem os fechos Atenciosamente e Respeitosamente, nas redações oficiais, admite-se também o uso de Cordialmente, Saudações e Com meus cumprimentos, se o conteúdo do documento for solene.
  • D Na comunicação entre um tribunal regional eleitoral e o Tribunal Superior Eleitoral, deve-se utilizar um memorando.
  • E Em correspondências enviadas a deputado, juiz, embaixador e diretor-geral de agência reguladora, deve-se empregar o pronome de tratamento Vossa Excelência.