Questões da Prova da Prefeitura Municipal de Taubaté - Técnico - Contabilidade (2019)

Limpar Busca

Analisando-se o trecho destacado abaixo do texto e seu contexto, é CORRETO concluir que: “A proposta de reforma da Seguridade Social ora em pauta bate sistematicamente na tecla de que vem para pôr fim a velha e persistente dimensão das nossas desigualdades: iniquidades de renda na inatividade.” (linhas 1 a 5)

  • A Há muito se discute a arbitrariedade da Seguridade Social no país.
  • B Uma das searas da desigualdade no país é a não determinação da renda de inatividade levando-se em conta o que é considerado justo.
  • C A proposta de reforma da Seguridade Social promete acabar com as desigualdades no país de forma sistemática.
  • D A equidade das rendas de inativos é utópica, sendo a Seguridade Social uma forma de dimensionar as desigualdades.

“Ou seja, retornamos a um nível de desigualdade que prevalecia em tempos de milagre econômico sob um regime autoritário (...)” (linhas 21 a 23). No trecho acima, há um verbo conjugado no pretérito imperfeito do indicativo, o qual é empregado para:

  • A Denotar uma declaração que acontece habitualmente.
  • B Indicar uma ação que ocorreu antes de outra ação já passada.
  • C Fixar e enquadrar a ação dentro de um espaço de tempo determinado.
  • D Transportar-nos mentalmente a uma época passada e descrever o que então era presente.

A forma verbal no trecho “... quando o PIB atingia taxas de crescimento invejáveis (...)” (linhas 26 e 27) encontra-se transformada para a voz passiva na seguinte alternativa:

  • A “eram atingidas”
  • B “iam sendo atingidas”
  • C Não é possível a transformação para a voz passiva.
  • D A locução já se encontra na voz passiva.

Sabe-se que, no texto, há um caso em que a crase deveria ter sido utilizada e não o foi, ocasionando erro gramatical. Para corrigi-lo, é necessário efetuar a seguinte alteração:

  • A “a velha” (linha 3) por “à velha”.
  • B “a marteladas” (linhas 6 e 7) por “à marteladas”.
  • C “a desigualdade” (linhas 12 e 13) por “à desigualdade”.
  • D “a um nível” (linha 21) por “à um nível”.

Analise a palavra sublinhada no seguinte trecho: “... de que vem para pôr fim a velha e persistente dimensão das nossas desigualdades (...)” (linhas 3 e 4). Sobre o acento existente, é CORRETO afirmar que:

  • A Não é mais utilizado segundo o Novo Acordo Ortográfico.
  • B Seu acréscimo altera o tempo verbal de presente para pretérito perfeito.
  • C Sua supressão altera a classe gramatical da palavra.
  • D O acento é utilizado na conjugação do verbo em todos os tempos verbais.