Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente de São José do Rio Preto - São Paulo - Conselheiro Tutelar (2019) Questão 33

JCS, 16 anos, mora com a família, na periferia de uma grande metrópole. A mãe, trabalha como diarista; o pai, desempregado há 2 meses, recebe seguro desemprego, entretanto não consegue suprir as necessidades familiares. Dependente de álcool, frequenta reuniões do AA, porém, reiteradas vezes, dada a abstinência, mostra-se agressivo e violento com a família. Por sua vez, JCS falta constantemente à escola, tem seu rendimento prejudicado e vive às voltas com sua turminha, sem motivação para os estudos. Ao tomar conhecimento dessa situação, seu pai, acometido de forte crise, agride-o até que desfaleça. É nesse momento que chega sua tia e depara-se com a cena. Entre sentimento de pânico e de ajuda, carrega o adolescente, com o apoio da vizinhança, e o conduz ao Conselho Tutelar. Lá chegando, de imediato, foi atendida, e o conselheiro de plantão, conforme atribuições que lhe são devidas,

  • A requisitou serviços públicos na área de saúde.
  • B procedeu sua colocação em família substituta.
  • C aplicou medida socioeducativa em meio aberto.
  • D permaneceu no aguardo de ambulância.
  • E determinou imediata apreensão do pai.

Encontre mais questões

Voltar