Questões da Prova do BANRISUL - Escriturário (FCC - 2019) Página 1

Ao longo do texto, o autor sustenta a ideia de que a infinitude

  • A do universo acalenta nossa confiança na infinitude da espécie humana.
  • B dos espaços cósmicos refreia o nosso anseio de imortalidade.
  • C do tempo universal impede-nos de usufruir o tempo de nossa finitude.
  • D dos espaços ou do tempo não garante a vantagem de uma suposta imortalidade.
  • E das coisas nunca representou alguma restrição à nossa sensação de liberdade.

As ideias de Pascal e as de Frank Ramsey referidas no texto

  • A convergem para o ponto comum de fazer temer a enormidade dos enigmas que nos cercam.
  • B divergem frontalmente quanto às percepções que têm diante da vastidão ou infinitude do universo.
  • C divergem quanto à infinitude do universo, mas convergem quanto ao temor que sentimos diante da morte.
  • D são complementares, uma vez que a convicção de um pensador dá força à convicção do outro.
  • E são de todo independentes, pois não tratam de qualquer tema que estabeleça contato entre elas.

Considerando-se o contexto, traduz-se adequadamente o sentido de um segmento do texto em:

  • A circunscrevem o nosso breve espasmo (1º parágrafo) = retificam nosso rápido incômodo
  • B misto de assombro, reverência e opressão (1º parágrafo) = contrição de susto, desassombro e restrição
  • C responde à questão com lucidez e bom humor (2º parágrafo) = elucida a pergunta com irreverência imaginosa
  • D renderiam (...) os seus segredos? (3º parágrafo) = revelariam os seus mistérios?
  • E teria o dom de aplacar de uma vez (3º parágrafo) = traria o mérito de retribuir no ato

Está clara e correta a redação deste livre comentário sobre o texto:

  • A Diante do infinito do tempo e do espaço, o homem tem experimentado diferentes sensações, que vão da angústia existencial à confiança na marcha civilizatória. 
  • B Por conta do infinito, que se antepara a ele, os homens temem ou confiam, segundo à variedade de suas índoles e de seus momentos históricos.
  • C Durante a história observa-se fatores distintos que conduzem a humanidade a sentimentos diversos, em cujos há enorme diversidade de propósitos. 
  • D Muitos julgam constituir-se como nosso principal deslise o fato de sermos mortais, o que não significa que o contrário pudesse reverter em algo melhor.
  • E Para muitos de nós não há de faltar inúmeras justificativas para ver que antes de sermos imortais, talvez precisássemos aprimorar o que já somos. 

Há pleno atendimento às normas de concordância verbal na frase:

  • A O tempo de antes de nascer e o de depois de morrer constitui incógnitas indevassáveis à percepção humana.
  • B A imensidão do universo, com suas incontáveis estrelas, aturdem e atemorizam a muitos de nós, sejam crentes ou ateus
  • C Caso lhes faltasse a imaginação, não teriam os homens qualquer preocupação com a vastidão do espaço que alcançam perceber.
  • D Milhares ou milhões de anos pouco, de fato, representa para aquele que tira os olhos do universo e os interiorizam em si mesmos.
  • E Fôssemos todos imortais e provavelmente haveria de experimentarmos o tédio de não sentir o limite das grandes aventuras.