Questões de FUNDEP (Gestão de Concursos) Página 1

O botão , disponível no Microsoft PowerPoint para Office 365, tem como funcionalidade inserir um(a)

  • A comentário.
  • B novo slide.
  • C tabela.
  • D caixa de diálogo.

Observe a figura a seguir.




O número que substitui corretamente o símbolo na figura é:

  • A 11.
  • B 19.
  • C 21.
  • D 31.

Releia este trecho.


“[...] que dá às bactérias uma alta resistência [...]” Em relação ao acento indicativo de crase nesse trecho, considere as afirmativas a seguir e a relação proposta entre elas.


I. O acento é regido pelo verbo “dar”,


PORQUE


II. esse verbo, no trecho, é transitivo indireto.


Em relação a essas afirmativas e a relação proposta entre elas, assinale a alternativa correta.

  • A Ambas as afirmativas estão corretas, e a II justifica a I.
  • B Ambas as afirmativas estão corretas, mas a II não justifica a I.
  • C A I é uma afirmativa verdadeira, e a II é falsa.
  • D A II é uma afirmativa verdadeira, mas a I é falsa.

O número de matrículas de estudantes negros e pardos nas universidades e faculdades públicas no Brasil ultrapassou, pela primeira vez, o de brancos. Em 2018, esse grupo passou a representar 50,3% dos estudantes do ensino superior da rede pública, segundo a pesquisa Desigualdades Sociais por Cor ou Raça no Brasil, publicada nesta quarta-feira (13/10/19) pelo IBGE. Embora representem hoje mais da metade dos estudantes nas universidades federais, esse grupo ainda permanece sub-representado [...]
Disponível em: <https://brasil.elpais.com/brasil/2019/11/13/ politica/1573643039_261472.html>. Acesso em: 14 nov. 2019.

Os dados da pesquisa do IBGE revelam que a

  • A existência de uma política de redução da população branca permite à população negra e parda, estável, ocupar vagas ociosas no ensino público superior.
  • B miscigenação racial no Brasil favorece a ascensão econômica da população negra e parda, levando-a a ocupar as universidades públicas brasileira.
  • C população negra e parda do Brasil representa mais da metade da população total – 55,8% de acordo com o IBGE – por isso ela ainda está sub-representada.
  • D taxa de 50,3% de negros e pardos nas universidades públicas brasileiras revela a não existência de desigualdades sociais e raciais em seu interior.

Em seu texto Reflexões sobre o Serviço Social e o projeto ético-político profissional, a autora Maria Lúcia Martinelli afirma que o projeto ético-político que se tem hoje no âmbito do Serviço Social, cuja base de sustentação é a teoria social marxista, é uma construção coletiva.

Dessa construção não participaram os seguintes sujeitos:

  • A Profissionais de campo.
  • B Estudantes de Serviço Social.
  • C Usuários das políticas sociais.
  • D Pesquisadores.