Questões de Semiologia Psiquiátrica e Critérios de Normalidade (Psicologia)

Limpar Busca

Sobre a psicopatologia leia os contextos abaixo:
[1]A psicopatologia é o estudo sistemático do comportamento, da cognição e da experiência anormais; o estudo dos produtos de uma mente com um transtorno mental. Isto inclui as psicopatologias explicativas, nas quais existem supostas explicações, de acordo com conceitos teóricos (p. ex., a partir de uma base psicodinâmica, comportamental ou existencial, e assim por diante), e a psicopatologia descritiva, que consiste da descrição e da categorização precisas de experiências anormais , como informadas pelo paciente e observadas em seu comportamento, psicopatologia descritiva consiste, portanto de duas partes distintas: a observação do comportamento e a avaliação empática da experiência subjetiva. [2]Na psicopatologia descritiva a observação acurada é extremamente importante e um exercício muito mais útil do que simplesmente contar os sintomas; às vezes o uso servil de listas de sintomas, para a verificação de sua presença ou ausência, tem impedido a observação clinica genuína. A objetividade é crucial, mas existe também a necessidade de observar-se mais do que apenas o comportamento.
Assinale a alternativa CORRETA.

  • A Apenas o primeiro contexto está correto.
  • B Apenas o segundo contexto está correto.
  • C Os dois contextos estão corretos.
  • D Os dois contextos estão incorretos.

Sobre a psicopatologia leia os contextos abaixo:
[1] A psicopatologia é o estudo sistemático do comportamento, da cognição e da experiência anormais; o estudo dos produtos de uma mente com um transtorno mental. Isto inclui as psicopatologias explicativas, nas quais existem supostas explicações, de acordo com conceitos teóricos (p. ex., a partir de uma base psicodinâmica, comportamental ou existencial, e assim por diante), e a psicopatologia descritiva, que consiste da descrição e da categorização precisas de experiências anormais , como informadas pelo paciente e observadas em seu comportamento, psicopatologia descritiva consiste, portanto de duas partes distintas: a observação do comportamento e a avaliação empática da experiência subjetiva. [2] Na psicopatologia descritiva a observação acurada é extremamente importante e um exercício muito mais útil do que simplesmente contar os sintomas; às vezes o uso servil de listas de sintomas, para a verificação de sua presença ou ausência, tem impedido a observação clinica genuína. A objetividade é crucial, mas existe também a necessidade de observar-se mais do que apenas o comportamento.
Assinale a alternativa CORRETA.

  • A Apenas o primeiro contexto está correto.
  • B Apenas o segundo contexto está correto.
  • C Os dois contextos estão corretos.
  • D Os dois contextos estão incorretos.
Sobre a compreensão dos limites entre os conceitos de normalidade e anormalidade na saúde mental, NÃO podemos afirmar que:
  • A O estado patológico significa ausência de uma norma, um desvio da normalidade.
  • B Cada indivíduo tem sua concepção do que é normal para si.
  • C Estar saudável é ser capaz de se ajustar às exigências do meio.
  • D O patológico não possui uma existência em si, só podendo ser concebido numa relação.
  • E O estado patológico também é uma forma de se viver.
Qual conceito mais se aproxima da Psicopatologia?
  • A É um campo clínico e de investigação teórica da psique humana independente da Psicologia, com origem na Medicina.
  • B É uma área do conhecimento que objetiva estudar os estados psíquicos relacionados ao sofrimento mental. É a área de estudos que está na base da psiquiatria, cujo enfoque é clínico.
  • C É uma abordagem específica, ágil e orientada no problema atual do paciente.
  • D Dá ênfase às interações entre as emoções, pensamentos, comportamentos e estados fisiológicos.

Há vários critérios para se definir o conceito de NORMALIDADE em psicopatologia. Entre eles, temos o critério de “normalidade como ausência de doença”. A alternativa abaixo, que se relaciona com esse critério, é:

  • A Normal é aquilo que se observa com mais frequência.
  • B Normal é o indivíduo que não é portador de nenhum transtorno mental existente.
  • C Normal é aquilo que não produz sofrimento para o próprio indivíduo ou para o seu grupo social.
  • D Normal é o indivíduo que se adapta às normas morais, sociais e políticas.
  • E Normal é o indivíduo que possui o completo bem-estar físico, mental e social.