Questões de PCN's - Parâmetros Curriculares Nacionais e Temas Transversais (Pedagogia)

Limpar Busca

De acordo com os Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs) de Língua Estrangeira, em salas de aulas específicas, o professor saberá determinar conteúdos mais apropriados, principalmente no que se refere ao conhecimento de mundo dos alunos. Os conteúdos referentes ao conhecimento de mundo podem estar relacionados aos seguintes aspectos:
I.À convivência entre meninos e meninas na cultura da língua estrangeira, à vida na escola em outro país, aos direitos conseguidos pelas mulheres em outros países, à organização das minorias em outras partes do mundo, à visão da cultura da língua estrangeira como múltipla, à organização e à ética políticas em outros países, às campanhas de esclarecimento sobre a Aids em outras partes do mundo, à questão da opção sexual em outros países etc. II.À determinação da divisão do trabalho em casa, com base nas identidades sociais de meninos e meninas, à convivência entre meninos e meninas, ao respeito às diferenças entre as pessoas (do ponto de vista étnico ou de tipo físico, por exemplo), a problemas ecológicos na cidade em que vivem, aos direitos e responsabilidades do aprendiz e do cidadão. III.À vida das crianças na escola, aos problemas de locomoção até a escola, à vida em família, às atividades de lazer com os amigos, aos problemas da cidade, do estado e do país em que vivem.
Está (ão) CORRETA(S) as seguintes proposições:

  • A I, II e III.
  • B Apenas II e III.
  • C Apenas I e III.
  • D Apenas I e II.

Os Parâmetros Curriculares Nacionais trouxeram para o educador a sugestão de um caminho a ser traçado no desenvolvimento do seu trabalho, distanciando o ensino da matemática de um processo tecnicista, para assumir um papel transformador na realidade do estudante. De que forma os PCNs possibilitam esta mudança?

  • A Através de um ensino baseado na preparação para o mercado de trabalho.
  • B Propondo a liberdade de escolha por parte do estudante, sobre a área de conhecimento a qual pretende se dedicar.
  • C Por meio da divisão do currículo em eixos e com a proposta de habilidades e competências como objetivos a serem alcançados no desenvolvimento de cada conteúdo.
  • D Limitando a educação a um processo de aprendizagem para a vida, sem se preocupar com o desenvolvimento de uma proposta curricular.

Os Parâmetros Curriculares Nacionais nascem da necessidade de se construir uma referência curricular nacional para o ensino fundamental que possa ser discutida e traduzida em propostas regionais nos diferentes estados e municípios brasileiros, em projetos educativos nas escolas e nas salas de aula. E que possam garantir a todo aluno de qualquer região do país, do interior ou do litoral, de uma grande cidade ou da zona rural, que frequentam cursos nos períodos diurno ou noturno, que sejam portadores de necessidades especiais, o direito de ter acesso aos conhecimentos indispensáveis para a construção de sua cidadania.

http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/introducao.pdf


Sobre os Parâmetros Curriculares Nacionais é CORRETO afirmar:

  • A são documentos normativos.
  • B são documentos criados pela BNCC 2018.
  • C são documentos que normatizam a Educação Infantil.
  • D são documentos orientadores.
  • E são documentos do ECA, elaborados em 1990.

Os PCN de Língua Portuguesa têm a finalidade de:

  • A “utilizar as diferentes linguagens – verbal, musical, matemática, gráfica, plástica e corporal – como meio para produzir, expressar e comunicar suas idéias”.
  • B “conhecer e valorizar a pluralidade do patrimônio sociocultural brasileiro, bem como aspectos socioculturais de outros povos e nações”.
  • C “saber utilizar diferentes fontes de informação e recursos tecnológicos para adquirir e construir conhecimentos”.
  • D “contribuir com técnicos e professores no processo de revisão e elaboração de propostas didáticas”.

Com base nas críticas negativas ao ensino tradicional de Língua Portuguesa constantes dos PCN, observe este enunciado, extraído de CEGALLA, D. P. Novíssima gramática da língua portuguesa. São Paulo: Editora Nacional, 1979, p. 169: “Conjugue no presente do indicativo e no imperativo afirmativo os verbos PRECAVER-SE e REMIR, suprindo com sinônimos as pessoas em que são defectivos”. Considerando os aspectos a seguir relacionados, a crítica a esse tipo de exercício sobre o estudo dos verbos baseia-se:

  • A na “desconsideração da realidade e dos interesses dos alunos”.
  • B na “excessiva escolarização das atividades de leitura e de produção de texto”.
  • C na “excessiva valorização da gramática normativa e a insistência nas regras de exceção”.
  • D no “uso do texto como expediente para ensinar valores morais e como pretexto para o tratamento de aspectos gramaticais”.