Questões de NR 4 - Norma Regulamentadora n° 4 - Serviços Especializados em Eng. de Segurança e em Medicina do Trabalho - SESMT (Segurança e Saúde no Trabalho)

Limpar Busca

De acordo com o estabelecido na NR-04, NÃO compete aos profissionais integrantes do SESMT:

  • A Prevenir os trabalhadores de acidentes e doenças decorrentes do trabalho, de modo a tornar compatível permanentemente o trabalho com a preservação da vida e a promoção da saúde do trabalhador.
  • B Analisar e registrar em documentos específicos todos os acidentes ocorridos na empresa, com ou sem vítimas, e todos os casos de doenças ocupacionais.
  • C Promover a realização de atividades de conscientização, educação e orientação dos trabalhadores para a prevenção de acidentes do trabalho e doenças ocupacionais, tanto por meio de campanhas quanto de programas de duração permanente.
  • D Aplicar os conhecimentos de engenharia de segurança e medicina do trabalho no ambiente de trabalho e a todos os seus componentes, inclusive máquinas e equipamentos, de modo a reduzir e eliminar os riscos ali existentes à saúde do trabalhador.

(CONCURSO CRATO/2021) Analise as afirmações a seguir e assinale a alternativa correta:

I. a NR 4 estabelece a obrigatoriedade da criação dos SESMT nas empresas;

II. a NR 8 estabelece a obrigatoriedade de elaboração e implementação do PCMSO;

III. a NR 15 vem estabelecer as atividades e operações perigosas que oferecem perigo ao trabalhador e ao ambiente de trabalho;

IV. a NR 35 estabelece os requisitos mínimos e as medidas de proteção para o trabalho em altura.

  • A I e III estão corretas
  • B II e IV estão corretas
  • C I, II e III estão corretas
  • D II e III estão corretas
  • E I e IV estão corretas

Em uma empresa que disponha do serviço de engenharia de segurança e medicina do trabalho (SESMT), a elaboração do mapa de risco é

  • A prevista no programa de controle médico de saúde ocupacional (PCMSO) e designada à CIPA.
  • B atribuição do SESMT, com a colaboração dos trabalhadores e a assessoria da CIPA.
  • C atribuição da CIPA, com a participação dos trabalhadores e a assessoria do SESMT.
  • D prevista no PPRA e designada ao SESMT e à CIPA.

As interfaces existentes entre as atribuições da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes – CIPA e do Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho – SESMT previstas na legislação vigente permitem afirmar que

  • A cabe à CIPA coordenar a participação dos trabalhadores subcontratados, que atuam no estabelecimento, nas discussões promovidas pelo empregador para avaliar os impactos de alterações no ambiente e processo de trabalho, relacionados à segurança e saúde dos trabalhadores.
  • B constitui atribuição da CIPA participar, em conjunto com o SESMT, onde houver, ou com o empregador, da análise das causas das doenças e acidentes de trabalho e propor medidas de solução dos problemas identificados.
  • C aos membros da CIPA cabe a paralisação de máquina ou setor onde considere, por motivos razoáveis, haver risco grave e iminente à segurança e saúde dos trabalhadores que atuam no estabelecimento.
  • D a CIPA deve identificar os riscos do processo de trabalho e elaborar o mapa de riscos com a participação do maior número de empregados do estabelecimento, afixando-o em local de grande circulação após obter a aprovação do SESMT onde houver.
  • E à CIPA cabe requerer ao SESMT, onde houver, ou ao empregador, as informações necessárias à investigação e análise das causas das doenças e acidentes de trabalho, propondo medidas para solucionar os problemas identificados.
Não corresponde às competências dos profissionais integrantes dos Serviços Especializados em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho.
  • A colaborar, quando solicitado, nos projetos e na implantação de novas instalações físicas e tecnológicas da empresa.
  • B responsabilizar-se tecnicamente, pela orientação quanto ao cumprimento do disposto nas NR aplicáveis às atividades executadas pela empresa e/ou seus estabelecimentos.
  • C promover a realização de atividades de conscientização, educação e orientação dos trabalhadores para a prevenção de acidentes do trabalho e doenças ocupacionais.
  • D descartar mensalmente os dados atualizados de acidentes do trabalho, doenças ocupacionais e agentes de insalubridade.
  • E esclarecer e conscientizar os empregadores sobre acidentes do trabalho e doenças ocupacionais, estimulando-os em favor da prevenção.