Resumo de Espanhol - Interpretação de texto em espanhol

Dicas para quem busca se dar bem nas provas 

A leitura e interpretação de texto em espanhol fazem parte do principal processo seletivo para a entrada em universidades públicas e privadas de todo o país, a prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio), são exigidas em concursos e nas avaliações escolares. 
Sabemos que nem sempre é fácil explicar aquilo que foi lido. Como envolve uma opinião subjetiva e que requer certo repertório cultural, histórico, musical e acadêmico, pode se tornar um grande empecilho para aprovação de alguns estudantes, ainda mais quando o idioma usado no texto é diferente do nosso.
Pensando nisso, preparamos umas sugestões para ajudá-lo na hora da interpretação de texto em espanhol. No entanto, antes de começarmos, vale lembrar que não existem regras específicas para o entendimento de um texto. Cada pessoa encontra seus próprios caminhos. O importante é chegar ao final sabendo o que ele quer dizer. 

As regras gramaticais 

Aqueles que estão estudando para o Enem, por exemplo, já devem ter percebido que a parte de língua estrangeira é formada apenas por textos. A gramática não é cobrada diretamente nas questões, como acontecem nas provas escolares. Contudo, para conseguir realizar a interpretação de texto em espanhol ou inglês é importante conhecer as regras gramaticais. 
Por isso, a seguir, vamos relembrar algumas normas da língua espanhola. Essas ferramentas são muito úteis para compreensão dos textos. Confira:
Falsos cognatos
 
Também chamados de “falsos amigos” ou heterossemânticos, os falsos cognatos no espanhol são palavras com grafia ou pronúncia parecida com as de outros idiomas. Porém, apesar da semelhança na escrita e fonética, elas apresentam significados totalmente diferentes. Entre os muitos exemplos estão:
  • Aceite (azeite, óleo)
  • Aderezo (tempero)
  • Basura (lixo)
  • Ciruela (ameixa)
  • Despido (demissão)
  • Embarazada (grávida)
  • Jubilado (aposentado)
  • Taller (oficina)
Artigos definidos e indefinidos 
Os artigos definidos e indefinidos em espanhol são usados na identificação de gênero (masculino/feminino) e quantidade de substantivos. O artigo masculino no singular, “el (los)”, por exemplo, sempre aparece na presença de substantivos. Já o artigo neutro e invariável “lo” deve ser acompanhado por adjetivos, advérbios, preposições e do pronome relativo “que”. 
Advérbios e adjetivos
Assim como as formações verbais, substantivos e pronomes, os advérbios e adjetivos em espanhol sempre aparecem nos textos. No primeiro caso, indicam diversas circunstâncias, como tempo, lugar, modo, intensidade e ordem. Já no segundo, atribuem características aos objetos, pessoas e coisas nomeadas pelos substantivos. 


Dicas para interpretação de texto em espanhol

Para se dar bem no momento da interpretação, conheça algumas dicas que podem servir para qualquer tipo de avaliação, especialmente a do Enem.
  1. Leia o texto, o enunciado da questão e as opções de resposta com calma. Volte ao texto quantas vezes achar necessário para escolha da alternativa correta. 
  2. Durante a interpretação de texto em espanhol prefira a leitura das frases completas. Além de não perder tempo com a tradução de cada palavra, poderá entender o sentido daquelas que ainda não fazem parte do seu vocabulário. 
  3. Fique atento para as expressões idiomáticas, advérbios, adjetivos, conjunções e preposições. Além dessa parte gramatical, identifique as palavras que induzem ao erro na interpretação do enunciado da questão ou são como pegadinhas, a exemplo de con excepción de (com exceção de)/ en negrita ( em negrito) / señalado (assinalado) / palabra destacada del texto / correcta / incorrecta. 
  4. Tenha muito cuidado com os falsos cognatos também na interpretação de texto em espanhol. Como vimos, algumas palavras parecem, mas não são iguais ao português. 
Voltar

Questões