Questão 4 do Concurso Câmara Municipal de Anápolis - Goiás - Analista Administrativo - Ciências Jurídicas (2017)

Leia o Texto para responder a questão.

Texto

“Carlos Nuzman é fantástico”

(Juca Kfouri)

Carlos Nuzman jamais imaginou aparecer, como acaba de acontecer, durante tanto tempo, no “Fantástico”. Além de ver e ouvir todas as acusações que pesam contra ele como intermediário de compra de votos para a escolha do Rio como sede da Olimpíada de 2016, teve a honra do destaque de uma frase sua na abertura dos jogos “Aqui é o melhor lugar do mundo”. Era mesmo. Para quem imaginava impunidade eterna. Ricardo Teixeira também disse a mesma coisa em entrevista recente à “Folha de S. Paulo”. Parece que está deixando de ser. E eles precisam aproveitar o tempo que lhes resta por aqui mesmo, porque não podem mais sair do “melhor lugar do mundo”. Nuzman ainda teve o direito de aparecer na mesma reportagem com referências aos malfeitos de José Maria Marin e Marco Polo Del Nero. Minutos intermináveis, imagens expostas, visita forçada à Polícia Federal. Jesus! Difícil, agora, tamanha popularidade, ir ao restaurante preferido, ao cinema, teatro, a um simples jogo de vôlei. Maracanã? Nem pensar! Pobres cartolas milionários do esporte brasileiro. A mão que afagava é a mesma que apedreja.

Disponível em: <http://blogdojuca.uol.com.br/2017/09/carlos-nuzman-e-fantastico/>. Acesso em: 10 set. 2017.



O intertexto com o verso “A mão que afagava é a mesma que apedreja”, de Augusto dos Anjos, corrobora a ideia de que

  • A Carlos Nuzman e Ricardo Teixeira deixaram de ser amigos por defenderem pontos de vista divergentes a respeito das Olimpíadas.
  • B as mesmas pessoas que festejaram as Olimpíadas agora têm razões para condenarem-na.
  • C Carlos Nuzman foi ovacionado pela mídia por ocasião do lançamento das Olímpiadas no Brasil.
  • D os cartolas do futebol brasileiro sempre foram eticamente rejeitados pela população com um rigor exacerbado.