Questões de Concursos do Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE-RO)

Limpar Busca

No texto CB1A1-I, o trecho “quanto mais cresce a riqueza, mais aumenta a péssima distribuição dos bens” (R. 16 e 17) expressa uma relação de

  • A comparação.
  • B oposição.
  • C proporcionalidade.
  • D conformidade.
  • E alternância.

Segundo o Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC – Estrutura Conceitual para Elaboração e Divulgação de Relatório Contábil-Financeiro), os relatórios contábeis-financeiros “objetivam fornecer informações que sejam úteis na tomada de decisões econômicas e avaliações por parte dos usuários em geral, não tendo o propósito de atender finalidade ou necessidade específica de determinados grupos de usuários”. Ainda que destinados a usuários em geral, esses relatórios destinam-se prioritariamente à tomada de decisão por parte

  • A dos administradores e gestores em geral.
  • B do fisco.
  • C dos governos em geral.
  • D dos órgãos supervisores.
  • E dos investidores existentes e potenciais.

O sistema de custos do governo federal é um mecanismo de fomento à transparência pública. O gestor público, ao utilizar as informações geradas pelo sistema de custos, tem subsídios para tomar decisões a respeito de
I produzir ou terceirizar. II descontinuar ou permanecer com as atividades. III comprar ou alugar bens. IV contratar ou demitir servidores. V comparar custo realizado com custo orçado.
Estão certos apenas os itens

  • A I e IV.
  • B I e V.
  • C II, III e IV.
  • D I, II, III e V.
  • E II, III, IV e V.

Nos processos de controle, o objetivo fundamental da amostragem estatística consiste em

  • A estimar como uma mudança na variável independente influenciará o valor da variável dependente.
  • B garantir que um subgrupo selecionado represente, de forma adequada, a população de interesse.
  • C aferir resultados médios com bases em possíveis cenários futuros, que podem ocorrer ou não
  • D identificar os fatores que podem influenciar variáveis específicas de um processo em desenvolvimento.
  • E calcular, por meio de iterações, estimativas de custos ou cronogramas, usando valores de entrada aleatórios.

O atributo de auditoria em que a quantidade e a qualidade das evidências obtidas devam convencer o gestor público de que os achados, as conclusões, as recomendações e as determinações da auditoria estão bem fundamentados denomina-se

  • A relevância.
  • B exatidão.
  • C validade.
  • D confiabilidade.
  • E suficiência.