Questões de Plano Inclinado e Atrito (Física)

Limpar Busca
A preservação do movimento pela Natureza consiste de uma lei enunciada por Galileo Galilei na primeira metade do século XVII, identificada sob o nome de Lei da Inércia e que consiste de uma das leis da Física na teoria sobre o movimento de Isaac Newton, desenvolvida na segunda metade do século XVII.
Analise o fato experimental abaixo.
Fato experimental: Um objeto que se desloca (sem rolar) contra uma superfície está submetido à fricção (atrito) que resulta no surgimento de uma força oposta ao deslocamento do corpo ao longo do tempo. Essa força retira gradualmente movimento do corpo até pará-lo completamente em relação à superfície. Quanto mais lisas as superfícies do corpo e a superfície sobre a qual ele se desloca, verifica-se que um mesmo impulso resulta em um maior deslocamento total do corpo em relação à superfície até ele parar.
Considere o argumento abaixo construído por uma pessoa a partir deste fato experimental.
Argumento: se forças de atrito cada vez menores permitem deslocamentos cada vez maiores do corpo sobre a superfície, se fosse possível eliminar o atrito completamente, então o corpo nunca pararia, seguindo com velocidade constante.
Se, em experimentos, se conseguir produzir atritos progressivamente menores, sem nunca conseguir eliminar por completo, assinale a alternativa que corretamente identifica o tipo de raciocínio que caracteriza o Argumento apresentado (lei da Inércia).
  • A Dedução
  • B Indução
  • C Reiteração
  • D Paradoxo

Um bloco de 200 kg de massa está sobre a carroceria de um caminhão. O coeficiente de atrito estático entre o bloco e a carroceria do caminhão é 0,5. Podemos afirmar:


Considere g = 10 m/s2

  • A O bloco se movimentará em relação à carroceria do caminhão para qualquer aceleração do caminhão.
  • B O bloco permanecerá parado em relação à carroceria do caminhão para qualquer aceleração do caminhão.
  • C O bloco permanecerá parado em relação à carroceria do caminhão para uma aceleração do caminhão ≥ 5 m/s2.
  • D O bloco permanecerá parado em relação à carroceria do caminhão para uma aceleração do caminhão ≤ 5 m/s2.
  • E O bloco permanecerá parado em relação à carroceria do caminhão para uma aceleração do caminhão ≤ 10 m/s2.

Um bloco A de massa 5,0 kg está sobre um plano inclinado como mostra a figura. Uma corda de massa desprezível, passando por uma roldana ideal, liga o bloco A ao bloco B. Considere que a força de atrito estático máxima entre o bloco A e o plano inclinado é 13 N e que inicialmente os blocos estão parados. Que massa máxima o bloco B pode ter para que o sistema permaneça parado? Considere g = 10 m/s2, sen30o = 0,5 e cos30o = 0,87.

  • A 2,2 kg
  • B 2,5 kg
  • C 3,8 kg
  • D 5,0 kg
  • E 6,0 kg

Um bloco, de massa m, desliza, sem atrito, numa distância d, ao longo de um plano inclinado, que forma um ângulo θ em relação à superfície horizontal.
Sendo o módulo da aceleração da gravidade local igual a g, o trabalho realizado pela força-peso é igual a

  • A mg d senθ
  • B mg d cosθ
  • C mg d tgθ
  • D mg d cotgθ
  • E mg d

Duas forças horizontais atuam sobre um bloco material, uma força para a direita e uma força para a esquerda, como mostra a ilustração abaixo.
Desprezando-se o atrito, o valor e o sentido da força resultante sobre esse bloco são, respectivamente,

  • A 20 N para a direita.
  • B 20 N para a esquerda.
  • C 80 N para a direita.
  • D 80 N para a esquerda.