Questões de Parênteses (Português)

Limpar Busca

“Os autores africanos que não escrevem em inglês (e em especial os que escrevem em língua portuguesa) moram na periferia da periferia, lá onde a palavra tem de lutar para não ser silêncio.” Os parênteses foram usados para:

  • A a retificação de uma ambiguidade.
  • B a explicação de um termo anterior.
  • C a particularização de um significado
  • D a inclusão de uma ideia não explícita.
  • E a ratificação de uma ideia anterior.

Assinale a alternativa em que a pontuação pode ser modificada de acordo com a norma-padrão e sem alterar o sentido do texto.

  • A Ponto e vírgula em: Num rápido exercício intelectual; concluí que, não tendo necessidades especiais…
  • B Parênteses em: … você pensa duas vezes antes de (se abaixar) para pegar o lápis que deixou cair…
  • C Travessões em: … o singelo ato de dar o laço no pé esquerdo do sapato equivale – segundo o João Ubaldo Ribeiro – a uma modalidade…
  • D Ponto final em: “Voltando da farra, Ruy.”
  • E Reticências em: “Que nada… Estou voltando da farmácia…”

Considerando o emprego correto dos sinais de pontuação, analise as assertivas a seguir:
I. Nas linhas 10 e 12, o emprego das aspas deve-se à inserção de uma citação direta. II. Nas linhas 14 a 19, o emprego dos parênteses deve-se à inserção de expressões explicativas. III. Na linha 34, a vírgula é empregada para separar uma oração subordinada adjetiva restritiva.
Quais estão corretas?

  • A Apenas I.
  • B Apenas II.
  • C Apenas III.
  • D Apenas I e II
  • E Apenas II e III.

Em “Martha conclui a crônica (outro momento crucial) dizendo que, a partir daquele título simplório, o leitor pulou para dentro do texto.” (4º§), os parênteses têm como finalidade:

  • A Exemplificar.
  • B Expressar repulsa.
  • C Representar dúvida.
  • D Inserir um comentário.

A mãe foi indiciada por homicídio culposo (quando não há intenção de matar), abandono de incapaz, maus-tratos e negligência. (linhas 6 a 8)


O uso de parênteses no período acima se justifica por

  • A apresentar uma observação da autora, de caráter pessoal.
  • B não interromper a sequência dos crimes listados desde o começo do período.
  • C trazer uma explicação no plano extratextual acerca do sentido da expressão imediatamente anterior.
  • D apresentar a interpretação que o Ministério Público deu ao ato praticado.
  • E justificar um dos motivos por que ela deve ser solta na audiência de custódia.