Questões de Hanseníase (Enfermagem)

Limpar Busca

Hanseníase é uma doença infecciosa transmissível presente na humanidade há milhares de anos e que ainda hoje prevalece e deve ser vigiada e controlada nas unidades básicas de saúde. Os sinais e sintomas da doença são característicos. Assinale a opção INCORRETA.

  • A Dormência ou formigamento nas mãos ou pés.
  • B Lesões hipocrômicas ou avermelhadas na pele.
  • C Aumento da sensibilidade numa lesão cutânea.
  • D Presença de edema ou nódulos no rosto ou orelhas.
De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), para fins operacionais de tratamento, os doentes são classificados em paucibacilares, quando:
  • A Apresentam até cinco lesões de pele com baciloscopia de raspado intradérmico negativo, quando disponível.
  • B Apresentam mais de cinco lesões de pele com baciloscopia de raspado intradérmico negativo, quando disponível.
  • C Apresentam até duas lesões de pele com baciloscopia de raspado intradérmico negativo, quando disponível.
  • D Apresentam até dez lesões de pele com baciloscopia de raspado intradérmico negativo, quando disponível.
A hanseníase indeterminada (paucibacilar) acomete todos os doentes inicialmente, entretanto, ela pode, ou não ser perceptível. Geralmente esse tipo da doença afeta qual público?
  • A Adultos com comorbidade existente.

  • B Adultos imunossuprimidos e gestantes, a partir do 2º trimestre.
  • C Crianças de 5 a 10 anos, podendo se estender até o final da adolescência.

  • D Crianças abaixo de 10 anos, ou mais, raramente adolescentes e adultos, que foram contatos de pacientes com hanseníase.
(CONCURSO CRATO/2021) Em visita domiciliar, Agente Comunitária de Saúde (ACS) Laura questiona dona Márcia quanto à presença, em sua face, de lesão única, mais clara do que a pele ao redor, não elevada, com bordas mal delimitadas e seca. Dona Márcia responde que há alguns anos tem essa lesão, relatando que a mesma não a incomoda, havendo, no entanto, redução de sensibilidade térmica e dolorosa no local. ACS Laura lembra que dona Márcia conviveu anteriormente com paciente diagnosticado com Hanseníase. Assim, frente à Hanseníase, assinale a alternativa CORRETA:
  • A A hanseníase é uma doença crônica, infectocontagiosa, cujo agente etiológico é o Mycobacterium leprae, sendo uma doença de evolução bastante rápida;
  • B A bactéria causadora da Hanseníase é transmitida pelas vias respiratórias (pelo ar), e não pelos objetos utilizados pelo paciente;
  • C Todas as pessoas que entraram em contato com a bactéria causadora da Hanseníase irão adoecer e apresentar os sintomas da doença ao longo do tempo;
  • D A vacina BCG é altamente eficaz contra a Hanseníase e todas as pessoas que convivem com alguma pessoa diagnosticada com a doença, deve ser vacinar;
  • E A Hanseníase é uma doença dermatológica (atinge a pele) e não afeta outras partes do corpo.
No esquema Paucibacilar (PB) do tratamento da Hanseníase, considera-se uma pessoa de alta por cura aquela que completa o esquema de tratamento poliquimioterápico (PQT) em qual prazo?
  • A 18 doses mensais supervisionadas de rifampicina, em até 24 meses, mais a clorpromazina autoadministrada e a clofazimina autoadministrada e supervisionada.
  • B 15 doses mensais supervisionadas de dapsona, em até 18 meses, mais a sulfona autoadministrada e a rifampicina autoadministrada e supervisionada.
  • C 6 doses mensais supervisionadas de rifampicina, em até 9 meses, mais a sulfona autoadministrada.
  • D 12 doses mensais supervisionadas de rifampicina, em até 15 meses, mais a sulfona autoadministrada e a clindamicina autoadministrada e supervisionada.
  • E 6 doses mensais supervisionadas de clofazimina, em até 12 meses, mais a sulfona autoadministrada e a rifampicina autoadministrada e supervisionada.