Questões de Gimnospermas e Angiospermas (Biologia)

Limpar Busca

Na caracterização dos grupos vegetais, existem algumas separações em dois grupos dos organismos fotossintetizantes. Faça a correta correlação entre as descrições.
Coluna1 I.Possuir vaso condutor de seiva. II.Formar sementes. III.Produzir flores.
Coluna 2 A.Traqueófita. B.Espermatófita. C.Antófitas.
Após análise, assinale a alternativa que CORRESPONDE com as descrições citadas acima:

  • A I.B, II.C, IIII.A.
  • B I.A, II.B, IIII.C.
  • C I.B, II.A, IIII.C.
  • D I.C, II.A, IIII.B.
Muitas espécies de angiospermas apresentam mecanismos que favorecem a polinização cruzada, adotando uma estratégia alógama, já outras são autocompatíveis, sendo denominadas de autógamas. Sobre essas distintas estratégias reprodutivas, não podemos afirmar:
  • A Autoincompatibilidade (autoesterilidade) é um mecanismo que pode ocorrer no estigma.
  • B Na protandria o androceu amadurece antes do gineceu.
  • C Dicogamia é quando há uma separação espacial entre o androceu e o gineceu.
  • D Barreiras morfológicas que impedem a autopolinização estão presentes em casos de hercogamia.
  • E Algumas espécies podem apresentar flores com morfologias (morfos) diferentes quanto ao tamanho dos estames e estiletes (longistila e brevistila).

Maior grupo de plantas do mundo, as angiospermas, também tratadas como divisão Magnoliophyta, têm seu nome derivado do grego angio = urna e sperma = semente. Esses termos juntos fazem alusão à presença do fruto envolvendo as sementes. Além da presença de carpelos desenvolvidos protegendo as sementes, há uma série de apomorfias definindo o grupo, tais como o desenvolvimento de ápice caulinar com túnica-corpo em duas camadas, estômatos com as bordas das células-guarda no mesmo nível do poro, flores perfeitas (bissexuadas), óvulos marginais, anátropos, bitegumentados e tegumentos com duas a três células de espessura, pólen bicelular ou eventualmente tricelular no momento da liberação da antera, presença de sifonogamia, tubo crivado (floema) alongado com paredes de calose, dupla fecundação e endosperma triploide e celular (APG III 2009, citado por FORZZA, RC., org., et al., 2010). De acordo com as características reprodutivas apresentadas abaixo, identifique o mecanismo de reprodução sexuada utilizado pelas espécies A e B e assinale a alternativa correspondente a estes.



  • A Espécie A: polinização cruzada / Espécie B: autopolinização.
  • B Espécie A: Polinização cruzada / Espécie B: Dupla fecundação.
  • C Espécie A: autopolinização / Espécie B: polinização cruzada.
  • D Espécie A: Dupla fecundação / Espécie B: Polinização cruzada.
  • E Espécie A: Polinização cruzada / Espécie B: Polinização cruzada.

Na maioria das angiospermas, a gema apical inibe o crescimento e o desenvolvimento das gemas laterais. A remoção da gema apical provoca o brotamento das gemas basais, o que evidencia esse tipo de inibição correlativa, observada, por exemplo, quando se efetuam podas na planta.
Internet: <https://www.ufjf.br/fisiologiavegetal> (com adaptações).
O texto apresentado descreve o fenômeno da dominância apical, comumente realizado pela ação do fitormônio conhecido como

  • A ácido abscísico.
  • B giberelina.
  • C citocinina.
  • D auxina.
  • E etileno.

FRUTO X FRUTA

A fruta é um nome popular dado a determinadas partes comestíveis de uma planta, geralmente flores ou ovários das plantas. Já o fruto é um termo biológico para um estrutura que é originada a partir do ovário modificado da flor. Um fator importante nos frutos é que o processo de amadurecimento ocasiona a maior produção do açúcar frutose em determinados tipos. Esse fator está diretamente associado a:

  • A atração a animais polinizadores.
  • B proteção a semente.
  • C dispersão da semente.
  • D transporte de seiva.
  • E facilitar a fecundação.