Questões de Defesa Sanitária (Veterinária)

Limpar Busca
Sobre a febre aftosa, doença que acomete animais do casco fendido, é correto afirmar que:
  • A Causada por um Vírus, gênero Aphtovirus família Aphtoviridae;
  • B Existem sete diferentes sorotipos: A, O, C, Sat 1, Sat 2, Sat 3 e Asia 1;
  • C Primeiros sintomas são febre persistente por 6 a 8 dias, depois, aparecimento de pápulas na língua;
  • D Existem 6 esquemas vacinais no Brasil, preconizados pelo MAPA, dependendo da região;
  • E Principal forma de transmissão é iatrogênica, por meio de fômites naturais;
Sobre a Anemia Infecciosa Equina, assinale a alternativa INCORRETA:
  • A Causada por um RNA vírus, do Gênero Lentivirus, família Retroviridae;
  • B A transmissão ocorre através de picada de mutucas (tabanídeos), e das moscas dos estábulos materiais contaminados com sangue infectado como agulhas, esporas, freios, embocaduras, etc.;
  • C Tratamento se dá através de uso de antibióticos ainda na fase aguda, pra debelar os sintomas;
  • D A doença também afeta asininos (jumentos) e muares (burros e mulas);
  • E Após resultado positivo do exame, o animal deverá permanecer isolado, aguardando contato do Serviço Veterinário Oficial;
De acordo com a IN Nº 45, de 15 de Junho de 2004, que Aprovar as Normas para a Prevenção e o Controle da Anemia Infecciosa Equina - A.I.E, em caso de FOCO, são tomadas as seguintes medidas, EXCETO:
  • A Interdição da propriedade após identificação do equídeo portador, lavrando termo de interdição, notificando o proprietário da proibição de trânsito dos equídeos da propriedade e da movimentação de objetos passíveis de veiculação do vírus da A.I.E.;
  • B Realizar investigação epidemiológica de todos os animais que reagiram ao teste de diagnóstico de A.I.E., incluindo histórico do trânsito;
  • C Marcação permanente dos equídeos portadores da A.I.E., por meio da aplicação de ferro candente na paleta do lado esquerdo com um "A", contido em um círculo de 8 (oito) centímetros de diâmetro, seguido da sigla da UF;
  • D Sacrifício ou isolamento dos equídeos portadores;
  • E Realização de exame laboratorial, para o diagnóstico da A.I.E., de todos os equídeos existentes na propriedade e em propriedades localizadas num raio de 3 quilômetros do foco;
Encefalopatia Espongiforme Bovina - EEB, comumente conhecida como "doença da vaca louca", é uma enfermidade degenerativa fatal e transmissível do sistema nervoso central de bovinos, com longo período de incubação, cerca de 5 anos. Sobre esta enfermidade, assinale a alternativa INCORRETA:
  • A A introdução da EEB num país ou região livre da doença pode ocorrer pela importação de produtos de origem animal contaminados (principalmente farinhas de carne e ossos) ou pela importação de bovinos infectados;
  • B Caracterizada clinicamente por nervosismo, reação exagerada a estímulos externos e dificuldade de locomoção.
  • C A EEB é uma das doenças do grupo das Encefalopatias Espongiformes Transmissíveis - EET
  • D O agente causador da EEB é um vírus do Gênero Prion, que modifica uma proteína encontrada no tecido nervoso de animais infectados;
  • E A principal via de transmissão é através da ingestão de alimentos contendo farinhas de carne e ossos provenientes de carcaças infectadas;
Sobre a Peste Suína Clássica, assinale a alternativa INCORRETA:
  • A É causada por um vírus da família flaviviridae, gênero pestivirus;
  • B O vírus é encontrado em todas as secreções e excreções do animal infectado e pode ser transmitido pelas vias direta (contato entre animais, aerossóis e suas secreções e excreções, sangue e sêmen) ou indireta (água, alimentos, fômites, trânsito de pessoas, equipamentos, materiais, veículos, vestuários, alimentos de origem animal), entrando no organismo por via oral e nasal;
  • C A PSC se manifesta de forma Aguda, Crônica e Congênita;
  • D O período de incubação é de 2 a 22 dias;
  • E O diagnóstico laboratorial consiste na detecção de anticorpos pelo ensaio de neutralização viral; detecção do RNA viral por RT-PCR em tempo real; e isolamento viral em linhagem celular;