Questões de Coma (Medicina)

Limpar Busca

Paciente de 68 anos, tabagista e hipertenso dá entrada no Pronto Socorro com história de cefaleia e confusão súbita associada a desvio de rima. Familiares negam história de trauma recente. Ápresenta Pressão Arterial 220x160mmHg,, abertura ocular ao estímulo doloroso, decorticação ao estímulo e emite sons inespecíficos. A pontuação da Escala de Coma de Glasgow do paciente nesse momento é:

  • A 5
  • B 6
  • C 7
  • D 8
São causas metabólicas de coma, exceto:
  • A Hipoglicemia.
  • B Meningite.
  • C Hiponatremia.
  • D Hipocalcemia.

Assinale a alternativa que apresenta o achado fundoscópico que seria o mais precoce indicador de retinopatia hipertensiva aguda em um paciente comatoso cuja pressão arterial é de 206/104 mmHg.

  • A transudatos periarteriolares intrarretinianos focais
  • B manchas algodonosas
  • C cruzamento arteriovenoso difuso
  • D fios de cobre e prata nas arteriosas da retina
  • E hemorragia retiniana

Um paciente politraumatizado apresenta escala de coma de Glasgow igual a 6.
Com base nessa situação hipotética, a conduta imediata seria

  • A passar SNE para proteção de via aérea.
  • B intubação orotraqueal para proteção de via aérea.
  • C cateter nasal de oxigênio e vigilância.
  • D traqueostomia.
  • E expectante.

Quanto ao ACLS 2018, assinale a alternativa correta.

  • A Pacientes com bradicardia sintomática e sinais de instabilidade devem receber atropina na dose de 1 mg.
  • B Nos casos de PCR em assistolia, as compressões torácicas devem ser iniciadas imediatamente e a primeira medicação a ser administrada é a amiodarona, na dose de 150 mg.
  • C Hipovolemia, hipóxia, acidose metabólica e tromboembolismo pulmonar fazem parte das causas reversíveis de parada cardiorrespiratória.
  • D Para pacientes com taquicardia supraventricular (QRS alargado) sem sinais de instabilidade, deve‐se administrar amiodarona, na dose de 150 mg.
  • E Metoprolol e bloqueador do canal de cálcio estão indicados em casos de taquicardias ventriculares.