Questões de Neurologia (Medicina)

Limpar Busca

Analise as afirmativas abaixo que indica a cefaleia em salvas:


I) É a cefaleia trigêmino autonômica mais frequente, acometendo 1 em cada 1.000 indivíduos (85% das pessoas afetadas são do sexo masculino).

II) É a mais frequente das cefaleias primárias, com pico de prevalência na quarta década.

III) Em geral, as crises têm duração limitada, de 15 a 180 minutos, quadro clínico típico com dor excruciante, unilateral e alterações autonômicas (hiperemia conjuntival e/ou lacrimejamento, congestão ocular e nasal, rinorreia, edema palpebral, rubor facial, miose e/ou ptose ipsilaterais) associados a sensação de inquietude e agitação.

IV) Em geral surge , no final da tarde, relaciona-se com estresse físico (cansaço, exagero de atividade física, especialmente no calor e sob o sol), muscular (posicionamento do pescoço no sono ou no trabalho) ou emocional. Por vezes, há hiperestesia e hipertonia da musculatura pericraniana que pode ser percebida com a palpação cuidadosa.

V) A doença evolui em surtos de um a três meses de duração , quando o paciente experimenta de uma a oito crises por dia e frequentemente é despertado à noite pela crise.


Estão CORRETAS as afirmativas:

  • A Apenas I, III e V.
  • B Apenas I, II e IV.
  • C Apenas I, II, IV e V.
  • D I, II, III, IV e V.

No que se refere à cefaleia primária do tipo enxaqueca (migrãnea), analise os itens a seguir e, ao final, assinale a alternativa correta:


I – O paciente pode apresentar fotofobia e fonofobia.

II – O paciente refere que a dor é pulsátil.

III – O tratamento profilático pode ser feito com Verapamil.

  • A Apenas o item I é verdadeiro.
  • B Apenas o item II é verdadeiro.
  • C Apenas o item III é verdadeiro.
  • D Apenas os itens I e II são verdadeiros.
  • E Todos os itens são verdadeiros.

A cefaleia, popularmente conhecida como dor de cabeça, é uma das doenças mais comuns entre a população. Estima-se que 76% da população feminina e 57% masculina tenham pelo menos um episódio de dor de cabeça por mês. A classificação da Sociedade Internacional de Cefaleia reconhece mais de 150 tipos diferentes de dor de cabeça, que é um sintoma comum a diversas condições médicas. Em alguns casos, a dor de cabeça é o principal sintoma de uma condição na qual não são identificadas alterações estruturais, metabólicas, tóxicas ou infecciosas como causa. Com relação a cefaleia é correto afirmar:

  • A O diagnóstico correto das cefaleias depende principalmente de exames complementares de imagem.
  • B Alguns medicamentos são úteis para interromper uma crise de cefaléia, e mesmo quando consumidos em excesso ou por muito tempo não levam a complicações.
  • C A dor de cabeça é um sintoma que acompanha muitas doenças graves como infecções do sistema nervoso (chamadas meningites e encefalite), tumores, hemorragias intracranianas (rompimento de aneurismas, acidente vascular encefálico hemorrágico), isquemias, vasculites, trombose venosa, entre outras. No entanto, as dores de cabeça decorrentes de problemas graves como esses são minoria.
  • D Os sinais de alerta para as cefaleias primarias são: dor de início súbito, pior dor já referida pelo paciente, cefaleia associado à alterações de comportamento ou alterações na força e coordenação dos movimentos, associação de crises convulsivas, dor de cabeça frequente de início após a idade média de 60 anos.

O envelhecimento da divisão autônoma do sistema nervoso pode causar diversas alterações. Por exemplo, uma diminuição na eficácia da parte simpática pode causar:

  • A Hipotensão transitória e desmaios.
  • B Ataques isquêmicos transitórios.
  • C Diminuição na peristalse e cólicas abdominais.
  • D Dores musculares e fraqueza nos membros.

O sono é um dos comportamentos humanos mais significativos, ocupando aproximadamente um terço da vida. Estão correlacionados respectivamente, (1) estágios do sono e (2) critérios eletrofisiológicos. Assinale a alternativa CORRETA:

  • A (1) Acordado (2) EEG atividade de baixa voltagem e frequência mista; atividade alfa (8-13 cps) com olhos fechados.
  • B (1) Não REM estágio II (2) Eletromiograma (atonia com contrações fásicas).
  • C (1) Não REM estágio III (2) Eletromiograma (atonia com contrações fásicas).
  • D (1) Sono REM (2) Eletromiograma (atividade tônica e movimentos musculares elevados).