Questões de Circulações Verticais e Horizontais (Arquitetura)

Limpar Busca

Sobre o que estabelece a NBR 9050:2020 para escadas, corrimãos e guarda-corpos, está correto afirmar:

  • A Em rotas acessíveis, escadas com espelhos vazados são permitidas, desde que o bocel do degrau ultrapasse pelo menos 1,5cm do piso abaixo.
  • B Considera-se degraus isolados a sequência de até 4 degraus.
  • C Em escadas e rampas de rotas acessíveis, os corrimãos devem ser instalados em ambos os lados e devem prolongar-se pelo menos 0,30m nas extremidades.
  • D Exige-se a instalação de corrimão intermediário nas rampas e escadas com mais de 2,00m de largura.
  • E Nas rampas acessíveis, a dimensão longitudinal mínima dos patamares é de 1,50m.

Aspectos de Acessibilidade, como por exemplo, a instalação de corrimãos, devem ser observados durante o projeto e execução de prédios públicos. Nesse sentido analise as afirmações a seguir e responda conforme orientado.


I.Em situações de degrau isolado (um único degrau), deve ser instalado um corrimão com comprimento mínimo de 30 cm.

II.Em rampas ou escadas deve-se instalar corrimãos em ambos os lados a uma altura entre 0,70 e 1,10 m do piso.

III.Em rampas ou escadas, os corrimãos devem ser prolongados por no mínimo, 0,30 m nas extremidades destas escadas ou rampas.


Dentre as afirmações anteriores, quais estão CORRETAS?

  • A II e III, apenas.
  • B I, II e III.
  • C I e II, apenas.
  • D I e III, apenas.

A Norma ABNT 9.050/2015 – Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos, preconiza que a sinalização tátil de alerta dever ser instalada perpendicularmente ao sentido de deslocamento nas seguintes situações: I. Obstáculos suspensos entre 0,60m e 2,10m de altura do piso acabado, que tenham o volume maior na parte superior do que na base, devem ser sinalizados com piso tátil de alerta. A superfície a ser sinalizada deve exceder em 0,60m a projeção do obstáculo, em toda a superfície ou somente no perímetro desta. II. Nos rebaixamentos de calçadas, em cor contrastante com a do piso. III. No início e fim das escadas fixas, escadas rolantes e rampas, em cor contrastante com o piso, com largura entre 0,25m a 0,60m, afastada de 0,32m no máximo do ponto onde ocorre a mudança do plano; IV. Junto às portas de elevadores, em cor contrastante com a do piso, com largura entre 0,25m a 0,60m, afastada de 0,32m no máximo da alvenaria. V. Junto a desníveis, tais como plataformas de embarque e desembarque, palcos, vãos, entre outros, em cor contrastante com a do piso. Deve ter largura entre 0,25m e 0,60m, instalada ao longo de toda a extensão onde houver risco de queda, e estar a uma distância da borda de no mínimo 0,50m.
Das assertivas acima, quais estão corretas?

  • A Estão corretas as assertivas I, II, III, IV e V.
  • B Estão corretas as assertivas II, III e IV.
  • C Estão corretas as assertivas I, II e III.
  • D Estão corretas as assertivas III, IV e V.

A NBR-9050 – Norma de Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos, estabelece que nas rampas devem ser previstas áreas para descanso nos patamares, a cada 50m de percurso, quando estas tiverem inclinação situada entre:

  • A 6,75% e 8,33%.
  • B 6,25% e 8,25%.
  • C 6,25% e 8,33%.
  • D 7,25% e 8,33%.

Com a norma NBR 9050:2015, relativa a acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos, o Brasil avançou consideravelmente quanto à adoção de regras que busquem garantir segurança, conforto e acessibilidade aos portadores de deficiências ou mobilidade reduzida. Nas edificações que exijam a construção de rampas gerais de acesso e o seu dimensionamento, tais rampas devem ser calculadas conforme a seguinte equação: i = (h × 100)/c, em que i é a inclinação, expressa em porcentagem (%); h é a altura do desnível; e c é o comprimento da projeção horizontal.

No que se refere a esse assunto, é correto afirmar que, de acordo com a referida norma, as rampas devem ter inclinação i igual a

  • A 5%, com desnível máximo de cada segmento de rampa com altura de 0,10 m.
  • B 6,25%, com desnível máximo de cada segmento de rampa com altura de 2,00 m.
  • C 8,33%, com desnível máximo de cada segmento de rampa com altura de 0,80 m.
  • D 12,5%, com desnível máximo de cada segmento de rampa com altura de 3,00 m.
  • E 50%, com desnível máximo de cada segmento de rampa com altura de 0,80 m.