Resumo de Português - Substantivo Abstrato

O substantivo abstrato é usado para denominar seres que não possuem existência própria ou dependem de outros seres para existir. Eles classificam objetos ou situações que podem indicar qualidades, noções, estados, ações, sentimentos e sensações.

Veja alguns exemplos de substantivos abstratos:

  • Sentimentos: amor, ansiedade, alegria, tristeza, ressentimento, saudade, medo, felicidade, compaixão, ódio, raiva, etc.
  • Sensações: sede, frio, calor, fome, enjoo, vertigem, cansaço, etc.
  • Qualidades: beleza, honestidade, gentileza, bondade, assertividade, dignidade, etc.
  • Ações: compra, viagem, arrumação, crescimento, desenvolvimento, etc.
  • Estados: juventude, riqueza, pobreza, doença, saúde, ilusão, velhice, etc.
  • Noções: largura, tamanho, comprimento, peso, cor, altura, espessura, etc.
  • Meses do ano: dezembro, outubro, janeiro, fevereiro.

Substantivo abstrato e substantivo concreto

No dia a dia é comum as pessoas confundirem o substantivo abstrato com o substantivo concreto. Para diferenciá-los  é necessário saber a diferença entre cada um.

Como foi dito, o substantivo abstrato indica seres dependentes de outros para existir, já no no caso do concreto ocorre ao contrário. Os substantivos concretos apresentam seres independentes, que não precisam do auxílio de outros.

Os substantivos concretos normalmente denominam pessoas, objetos, lugares, animais, flores/plantas, frutas, alimentos em geral, fenômenos da natureza e seres imaginários.

Veja alguns exemplos de substantivos concretos:

  • Pessoas: mulher, moça, menina, homem, rapaz, menino, criança, engenheiro, professor, mãe, pai, avô, tio, Gabriel, Lívia, Mário, Joaquim, Isabel.
  • Objetos: cadeira, celular, mesa, tapete, lápis, livro, caderno, prato, garrafa, esponja, chinelo, sabonete, camiseta, sapato.
  • Lugares: Inglaterra, Tailândia, Bolívia, Noruega, Rio de Janeiro, América, Belém, Campos do Jordão, Cristo Redentor, Museu de Arte Moderna, Pirâmides do Egito.
  • Animais: abelha, mosquito, rinoceronte, cachorro, cisne, pato, galinha, elefante.
  • Frutas: amora, abacate, banana, mamão, melão, laranja, maracujá.
  • Alimentos em geral: feijão, arroz, macarrão, lasanha, cenoura, alface, carne.
  • Fenômenos da natureza: chuva, frio, calor, tempestade, vento, noite.
  • Seres imaginários: duende, saci Pererê, lobisomem, fada.

Substantivo abstrato e substantivo concreto em frases

Para diferenciar um substantivo abstrato de um concreto em uma frase é necessário ficar atento ao contexto. Veja algumas situações:

Exemplo 1

  • A venda de sapatos está aumentando com a proximidade do Dia das Mães.
  • A venda do Sr. Adriano sempre tem as melhores frutas e verduras.

Na frase um a palavra “venda” está relacionada à venda de sapatos. Por esse motivo, ela é classificada como substantivo abstrato (depende de outro ser para existir).

Na frase dois a palavra “venda” exerce o papel de local onde se vende algo, isto é, refere-se a um lugar, sendo classificada como substantivo concreto.

Exemplo 2

  • Depois da aliança entre Estados Unidos e a Coreia do Sul foi possível selar a paz entre os países.
  • Mariele ganhou uma linda aliança de noivado.

No primeiro exemplo o termo “aliança” é dependente de países. Portanto, nesse contexto, a palavra exerce a função de substantivo abstrato.

Já no segundo caso, a palavra indica um objeto, exercendo o papel de substantivo concreto.

Confira como funciona o substantivo abstrato em outras frases:

1 – A alegria era marca registrada de Gabriel Diniz.

2 – Ela dirige visivelmente sem paciência.

3 – Wesley tinha muito medo de fracassar.

4 – O amor daquele pai é incomparável.

5 – A felicidade é o bálsamo da alma.

6 – A solidão doeu em Mariana.

7 – A tranquilidade é uma das melhores coisas da vida.

8 – O ressentimento e a raiva são como veneno a alma.

9 – André sentia infelicidade no trabalho.

10 – A compaixão é um nobre sentimento.

11 – A inveja adoece a alma.

12 – A viagem à África foi fascinante.

13 – Marina olhava com alegria para os filhos.

14 – Lazaro via com otimismo o futuro de sua empresa.

15 – A beleza de Anitta impactava a todos.

Agora veja exemplos com substantivos concretos:

1 – Juliana bebeu uma taça de vinho durante o almoço.

2 – Juliana costurou meu vestido para formatura.

3 – Dirigi com óculos escuros o caminho inteiro.

4 – Alguém comeu o bolo que estava sobre a mesa pela tarde?

5 – Você viu meu notebook ontem?

6 – Luana encomendou um prato de sopa de legumes.

7 – Maria foi a Salvador durante as férias de Janeiro.

8 – O documento estava no cofre?

9 – Deseja comer uma lasanha com frango?

10 – Pablo ficou sentado durante horas no banco da praça.

11 – Lucinha e Regina passam várias horas nas redes sociais.

12 – O pediatra prescreveu vários medicamentos.

13 – O pai não sabia mais como procurar.

14 – Veneza é uma cidade encantadora.

15 – Pedro não falava em outro assunto que não fosse sua nova namorada.

Substantivos

Substantivos são palavras que dão nome a seres, lugares, qualidades, sentimentos, noções, entre outros. Eles podem ser flexionados em gênero (masculino e feminino), número (singular e plural) e grau (diminutivo, normal, aumentativo).

Tipos de substantivos

Além do substantivo abstrato e concreto, os substantivos podem ser classificados em:

Substantivo simples: são categorias constituídas por um radical;

Exemplos: casa, carro, camiseta.

Substantivo composto: são tipos  formados por dois ou mais radicais;

Exemplos: guarda-chuva, guarda-roupa, beija-flor.

Substantivo primitivo: são classificações originadas de outras línguas, resultando em substantivos derivados;

Exemplos: casa, folha, chuva.

Substantivo derivado: São substantivos derivados de substantivos primitivos;

Exemplos: casarão (derivado de casa), folhagem (derivado de folha), chuvarada (derivado de chuva).

Substantivo comum: categorias que dão nomes genéricos, sem especificar, seres da mesma espécie que partilham características em comum;

Exemplos: pessoa, gente, país.

Substantivo próprio: são escritos com letra maiúscula e dão nome a seres individuais e específicos;

Exemplos: Brasil, São Paulo, Maria.

Substantivo coletivo: são tipos que, escritos no singular, caracterizam um conjunto de coisas ou de seres da mesma espécie;

Exemplos: flora (conjunto de flores), álbum (conjunto de fotos), colmeia (conjunto de abelhas).

Substantivo comum de dois gêneros: são substantivos que no masculino e feminino apresentam a mesma forma

Exemplos:

o estudante / a estudante;

o jovem / a jovem;

o artista / a artista.

Substantivo sobrecomum: são classificações que nomeiam pessoas e têm apenas um gênero para o masculino e o feminino.

Exemplos: a vítima, a pessoa, a criança, o gênio, o indivíduo, a estrela de cinema, a testemunha, o ídolo, o cônjuge, o neném

Substantivo epiceno: dão nome a animais e apresentam apenas um gênero para o masculino e o feminino.

Exemplos: a baleia, o besouro, o crocodilo, a formiga, a mosca.

Resumo sobre substantivo abstrato

  • Palavras que indicam seres que dependem de outro para que existam;
  • Costuma nomear palavras ligadas à imagem de sentimento, ação, qualidade, estadão ou sensação de outros indivíduos;
  • Alguns substantivos podem ser classificados como concretos ou abstratos, dependendo do contexto da frase.
Voltar

Questões