Resumo de Português - Regência Nominal

Regência nominal é a classificação dada à relação entre um substantivo, adjetivo ou advérbio transitivo e seu complemento nominal. Essa relação é estabelecida por uma preposição.

Para estudar a regência nominal, devemos levar em consideração que vários nomes atendem o mesmo regime dos verbos correspondentes.

Compreender o regime de um verbo expressa, nesses casos, compreender o regime dos nomes cognatos.

Exemplos de regência nominal

Veja a seguir diversos nomes acompanhados da preposição que os regem. Observe com atenção e tente, sempre que possível, relacionar esses nomes entre si ou a algum verbo cuja regência seja do seu conhecimento.

  • Substantivos
Admiração a, por Devoção a, para, com, por Medo de
Aversão a, para, por Doutor em Obediência a
Atentado a, contra Dúvida acerca de, em, sobre Ojeriza a, por
Bacharel em Horror a Proeminência sobre
Capacidade de, para Impaciência com Respeito a, com, para com, por
  • Adjetivos
Acessível a Entendido em Necessário a
Acostumado a, com Equivalente a Nocivo a
Agradável a Escasso de Paralelo a
Alheio a, de Essencial a, para Passível de
Análogo a Essencial a, para Passível de
Análogo a Fácil de Preferível a
Ansioso de, para, por Fanático por Prejudicial a
Apto a, para Favorável a Prestes a
Ávido de Generoso com Propício a
Benéfico a Grato a, por Próximo a
Capaz de, para Hábil em Relacionado com
Compatível com Habituado a Relativo a
Contemporâneo a, de Idêntico a Satisfeito com, de, em, por
Contíguo a Impróprio para Semelhante a
Contrário a Indeciso em Sensível a
Descontente com Insensível a Sito em
Desejoso de Liberal com Suspeito de
Diferente de Natural de Vazio de
  • Advérbios
Longe de Perto de

Atenção! Os advérbios terminados em “mente” costumam acompanhar o regime dos adjetivos de que são formados: paralela a; paralelamente a; relativa a; relativamente a.

O que é substantivo, adjetivo e advérbio?

Confira a seguir o que significa cada um desses nomes:

Substantivo

Os substantivos são tudo que existe e recebe um nome. Essa é uma das classes de palavras variáveis que nomeia os seres, objetos, pessoas e fenômenos.

Os substantivos podem ser: simples, compostos, primitivos, derivados, concretos, abstratos, comuns, próprios ou coletivos.

Adjetivo

Os adjetivos são palavras que exprimem uma qualidade ou característica do ser, essa palavra aparece ao lado de um substantivo.

Advérbio

Advérbios são palavras que alteram um verbo, um adjetivo ou outro advérbio. Os advérbios são flexionados em grau e são classificados em: advérbios de modo, intensidade, lugar, tempo, negação, afirmação, dúvida.

Regência verbal

A regência verbal analisa a relação existente entre o verbo e os termos que os complementam ou caracterizam. O objeto direto e o objeto indireto são os que complementam e os adjuntos adverbiais os que caracterizam.

Ao estudar a regência verbal é possível perceber as diferentes significações que um verbo pode assumir com a simples mudança ou retirada de uma preposição. Veja:

  • O padrinho agrada o afilhado – agradar significa acariciar.
  • O padrinho agrada ao afilhado – agradar significa “causar agrado ou prazer”, satisfazer.

Dessa forma, podemos concluir que “agradar alguém” é diferente de “agradar a alguém”.

Atenção! Conhecer as preposições é um dos aspectos principais para estudar a regência verbal e a regência nominal.

As preposições têm o poder de alterar por completo o sentido do que está sendo falado. Observe os exemplos:

  • Cheguei ao VLT.
  • Cheguei no VLT.

Nota-se que no primeiro caso, o VLT é o lugar a que alguém vai; no segundo caso é o é o meio de transporte utilizado.

A oração “Cheguei no VLT”, popularmente é usada para indicar o lugar a que se vai, e possui, no padrão culto da língua, sentido diferente. Com frequência ocorrem divergências entre a regência coloquial, cotidiana de alguns verbos, e a regência culta.

Revisão regência nominal

  • Regência nominal é a relação que se estabelece entre um nome e um complemento;
  • Quando o termo regente é um substantivo, adjetivo ou advérbio, chamamos de regência nominal ao modo como o complemento faz a ligação a ele;
  • É preciso conhecer as preposições para fazer a regência nominal correta;
  • No estudo da regência nominal é preciso ficar atento, pois vários nomes apresentam exatamente o mesmo regime dos verbos de que derivam.
Voltar

Questões