Resumo de Geografia - Fusos horários no Brasil

Antigamente os fusos horários no Brasil não eram unificados, isto é, no país existia apenas um fuso horário. O Brasil só se ajustou ao horário internacional usando o meridiano de Greenwich como modelo, em 1913, devido ao decreto N° 2.784.

Em 1913, o então presidente, Marechal Hermes da Fonseca, regulamentou a Hora legal no Brasil dividindo o território em quatro fusos horários.

Entretanto, em 2008, o Governo Federal mudou os fusos horários no Brasil, deixando-os em três. O estado do Acre e o sudoeste do Amazonas, que faziam parte do quarto fuso, foram incorporados ao terceiro fuso horário.

Em 2013, após um plebiscito junto à população do Acre e das cidades do sudoeste da Amazônia, o Governo Federal revogou a lei de 2008 e trouxe de volta o quarto fuso para o país.

Todavia, uma das mudanças feita em 2008 foi preservada, distinguindo a nova organização do quadro de horários em relação aos fusos horários no Brasil, que prevaleceu entre 1913 e 2008. O estado do Pará, que era dividido por dois fusos horários no Brasil, passou a ter apenas um em 2008, sendo preservada a alteração de 2013, pois a população do estado não participou do plebiscito.

Fusos horários no Brasil

Os fusos horários no Brasil são quatro. O país fica situado a oeste do meridiano de Greenwich e possui as horas atrasadas em relação a Londres, local onde passa o meridiano principal. Por essa razão, o Brasil, assim como qualquer outra nação localizada a oeste de Greenwich, é antecedido pelo sinal de menos (-), fazendo referência às horas atrasadas em relação ao leste.

Veja onde ficam os quatro fusos horários no Brasil:

1° Fuso horário

Fica situado no oceano Atlântico, isto é, ao leste da parte continental do país. Por isso, esse fuso horário possui uma hora adiantada, estando duas horas atrás em relação ao horário oficial de Greenwich (fuso GMT -2). Esse fuso horário envolve as ilhas de Fernando de Noronha, Trindade, Martim Vaz e Penedos de São Pedro e São Paulo.

2° Fuso horário

Esse é o mais importante dos fusos horários no Brasil. Ele corresponde à hora oficial do país, o horário de Brasília. Esse fuso tem uma hora a menos em relação ao primeiro fuso brasileiro e três horas em relação à hora de Londres (fuso GMT -3). Esse fuso horário envolve toda região Nordeste, região Sudeste e região Sul, além dos estados do Pará, Amapá, Tocantins, Goiás e o Distrito Federal.

3° Fuso horário

Esse fuso horário encontra-se atrasado em uma hora em relação ao horário oficial do país, e quatro horas em relação ao meridiano de Greenwich (fuso GMT -4). Abrange o Estado do Mato Grosso, Estado do Mato Grosso do Sul, Estado de Roraima, Rondônia e grande parte do estado do Amazonas.

4° Fuso horário

Esse fuso tem duas horas de atraso em relação ao horário de Brasília e cinco horas em relação a Londres (fuso GMT -5). Abrange o estado do Acre e o sudoeste do Amazonas.

Fusos horários no mundo

No total existem 24 fusos horários. Eles correspondem a 15° dos 360° da circunferência do Planeta Terra, isto é, 15° correspondem à uma hora, contando a partir da cidade de Greenwich, localizada na Inglaterra.

Dessa forma, para os fusos ao oriente desse meridiano, acrescenta-se as horas com o Greenwich (GMT), já para os que estão ao ocidente irão diminuir suas horas em relação à hora de Greenwich. Sendo assim, como o Brasil está no hemisfério ocidental, os fusos horários no Brasil são atrasados em relação à cidade da Inglaterra.

Horário Brasileiro de verão

Os fusos horários no Brasil podem ser alterados pelo horário de verão, um método adotado pelo governo para aproveitar as horas de sol e assim economizar energia elétrica. Desde 1931 que o país adotou esse horário na região Sudeste, região Centro-Oeste e região Sul, fazendo com que essas regiões adiantem o relógio em uma hora.

Os estados que aderem ao horário de verão são: Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal.

As regiões Norte e Nordeste não participam do horário de verão, por isso a diferença de horário entre as regiões diminui nesse período.

Fusos horários no Brasil e o horário de verão em 2019

Em 2019 não terá horário de verão no país. Dessa forma, os fusos horários no Brasil não sofrerão alteração.

O horário brasileiro de verão foi suspenso em 2019 pelo o atual presidente Jair Bolsonaro. A medida foi tomada após o Ministério de Minas e Energia apontar uma queda na economia de energia. Segundo o Ministério, o país economizou mais de R$1 bilhão desde 2010 por adotar o horário de verão. Além disso, nos últimos anos essa economia foi registrada devido à mudança no perfil de consumo.

Horário de verão no mundo

O horário de verão é praticado em países como Canadá, Austrália, Groenlândia, México, Nova Zelândia, Chile, Paraguai e Uruguai.

Rússia, China e Japão, por exemplo, não instituem essa medida.

Voltar

Questões