Resumo de Geografia - África do Sul

Localizado no extremo sul da África, entre os oceanos Atlântico e Índico, a África do Sul possui cerca de 50 milhões de habitantes, com uma área territorial de 1.221.037 km².

Principais Informações da África do Sul

Nome oficial: República da África do Sul

Localização: Sul da África

Capital: Pretória (Executiva), Cidade do Cabo (Legislativa) e Boemfontein (Judiciária)

Idiomas: africâner, inglês, sepedi, entre outros

PIB – Produto Interno Bruto: US$ 13.400 

Moeda: Rand

Economia

A economia da África do Sul é composta, em sua maioria, por países exportadores de matéria- prima e ao mesmo tempo importadores de produtos industrializados e de serviços, encontrando-se à margem da economia mundial, sendo manipulados pelos ricos países.

Esta situação acaba refletindo na falta de recursos financeiros para diversas áreas como saúde, educação e projetos sociais.

Essa economia está baseada principalmente na:

  • Agricultura
  • Recursos Minerais
  • Turismo
  • Indústria

Além disso, o país é um dos pertencentes, desde 2011, ao agrupamento econômico BRICS, que é um conjunto de países com economia emergente. Entre eles, além da África do Sul, estão Brasil, Rússia, Índia e China.

Os principais objetivos desse grupo está a criação de um banco financeiro para eventuais socorros econômicos e estabelecimento de uma cooperação nas áreas técnicas, científicas, culturais e no setor acadêmico.

Agricultura

Por estar situada na zona intertropical do planeta Terra, o clima é favorável para a agricultura de produtos tropicais. O sistema de produção utilizado na região é os plantations, que tem como característica grandes extensões de terra e utilização de mão de obra barata.

A produção tem destino certo: abastecer os grandes mercados das nações desenvolvidas. Entre os principais produtos produzidos no país estão:

  • Cacau
  • Café
  • Chá
  • Cana-de-açúcar
  • Algodão
  • Amendoim
  • Abacaxi
  • Banana

Recursos Minerais

A África do Sul pertence ao grupo de países que têm uma vasta quantidade de recursos minerais. Diante disso, destaca-se as reservas, principalmente de ouro, diamante, platina, cobre, ferro, manganês e carvão mineral. Essas matérias-primas contribuem para o crescimento industrial da nação.

No setor energético, a África do Sul é dependente de petróleo externo, já na produção de energia elétrica é autossuficiente, pois é composta por uma variedade de rios, possibilitando assim a construção de usinas hidrelétricas.

Turismo

O país é composto por diversas belezas naturais, sendo assim um local bastante favorável para atrações turísticas. Na região é possível encontrar diversas praias, florestas, desertos e montanhas, tento espaços para a realização de diversos eventos, principalmente na área da música e da arte.

Um grande atrativo são as trilhas ecológicas, pois existe uma rede de trilhas sinalizadas que envolve as províncias pertencentes ao país. As opções incluem caminhadas nas montanhas, florestas, cavernas, litoral, semiárido e desertos.

Atualmente, o país está entre os países mais escolhidos como destino turístico no mundo.

Saúde

As condições da saúde no país são bastante precárias, fazendo com que haja uma propagação de endemias pelo continente, causando assim um aumento no nível de mortalidade.

De acordo com a organização “Médico Sem Fronteiras”, de 10 pessoas infectadas por malária 9 são africanas. Ela é doença que mais causa mortes em crianças na África.

Além disso, segundo a Organização Mundial de Saúde, dois terços de todos os infectados pela AIDS no mundo estão nesse continente. A doença já resultou na morte de aproximadamente 17 milhões de pessoas.

Educação

Os problemas educacionais são evidentes no país, seja na falta de escolas públicas ou na ausência de profissionais da área de ensino. Em muitos países da África muitas crianças abandonam as escolas para se tornarem soldados nas guerras internas. Uma outra parcela acaba deixando a vida escolar em busca da sobrevivência, trabalhando em minas de ouro.

Cultura

Na África do Sul não há uma cultura específica, principalmente em virtude da variedade de etnias existentes no país. É possível encontrar na região aspectos culturais africanos e europeus. Essa variação pode ser vista inclusive na diversidade de línguas existente no país, tais como: inglês, zulus, sepedi, africâner, xhosa, entre outas.

Religião

Ela é uma região caracterizada por uma grande miscigenação religiosa. No país convivem religiões tradicionais africanas, que tiveram origem dos povos antigos da região, e religiões cristãs, hinduísmo e islamismo. Porém, mesmo com essa diversidade, 70% da população africana se consideram cristãs.

Conflitos étnicos

O motivo dos diversos conflitos etnológicos é derivado da longa dominação praticada pelos países ricos e a divisão desorganizada dos territórios realizada pelos colonizadores e, ao adquirirem a independência, muitos países africanos acabaram tendo grupos étnicos rivais dentro dos mesmos limites, ocasionando conflitos e guerras civis pelo controle do poder.

Culinária sul-africana

A culinária recebeu influências dos povos pré-colonizados, dos britânicos e dos holandeses. A base éa carne (vaca, frango e porco). O vinho também faz parte da culinária regional, pois a região é produtora da bebida.

Voltar

Questões