Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB) - Diversos Cargos (IADES - 2014) Questão 8

O Brasil e o Café

O café, no Brasil, destaca-se econômica e socialmente desde a chegada das primeiras mudas vindas da Guiana Francesa, em meados do século 18. Diante de sua rápida adaptação ao solo e ao clima, o produto adquiriu importância no mercado, transformando-se em um dos principais itens de exportação, desde o Império até os dias atuais. A princípio restrita aos estados do Pará e do Maranhão, a produção de café se expandiu e, atualmente, são 15 estados produtores, com destaque para Minas Gerais, Espírito Santo, São Paulo, Bahia, Paraná e Rondônia.

Devido à diversidade de regiões ocupadas pela cultura do café, o País produz tipos variados do produto, fato que possibilita atender às diferentes demandas mundiais, referentes ao paladar e até aos preços. Essa diversidade também permite o desenvolvimento dos mais variados blends (misturas de grãos diferentes), tendo como base o café de terreiro ou natural, o despolpado, o descascado, o de bebida suave, os ácidos, os encorpados, além de cafés aromáticos, especiais e de outras características.



No que se refere à acentuação gráfica dos vocábulos que aparecem no texto, é correto afirmar que

  • A “café” e “econômica”, na linha 1, são acentuados pela mesma regra.
  • B “século” (linha 3) é acentuado por ser proparoxítono; e “rápida” (linha 3), por ser paroxítono terminado em vogal.
  • C “Pará” (linha 7) e “Rondônia” (linha 10) são paroxítonos terminados em a, por isso são acentuados.
  • D o acento gráfico ocorre em “País” (linha 12) e “características” (linha 19), pois ambos os vocábulos contêm i tônico formando sílaba sozinho, seguido ou não de s.
  • E “princípio” (linha 6) e “Rondônia” (linha 10) são acentuados pela mesma regra.

Encontre mais questões

Voltar