Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) - Engenheiro de Segurança do Trabalho (2020) Questão 51

Do ponto de vista da Higiene do Trabalho, interessa determinar as características do ruído, as formas de avaliação da exposição, os possíveis efeitos nocivos nos trabalhadores expostos e as possibilidades de controle, sendo verdadeiro que

  • A deve-se entender potência sonora como a variação dinâmica na pressão atmosférica que possui características que a tornam detectável pelo ouvido humano, sendo medida em Newton/m² , unidade de potência chamada Pascal
  • B na perda auditiva por exposição sistemática a níveis de pressão sonora elevados, ocorrem alterações nos limiares auditivos, do tipo sensorioneural, que têm como características principais a irreversibilidade e a progressão gradual com o tempo de exposição ao risco.
  • C na avaliação da exposição ocupacional ao ruído, considera-se grupo homogêneo o conjunto de trabalhadores que, uma vez expostos a níveis de pressão sonora semelhantes, apresentam nos exames periódicos perdas auditivas equivalentes nas frequências de 1 000 (mil), 2000 (dois mil), 3000 (três mil) e 4000 (quatro mil) Hertz.
  • D os níveis de ruído de impacto deverão ser avaliados em decibels (dB), com medidor de nível de pressão sonora operando em circuito de compensação “A” e circuito de resposta lenta (Slow), posicionados próximos ao ouvido do trabalhador.
  • E o nível de audibilidade é definido como o nível de pressão sonora do som padrão (NPS a 3000 Hertz) necessário para que um número significativo de indivíduos escutem o som padrão e o desconhecido com a mesma intensidade, estabelecendo uma relação linear entre nível de pressão sonora e audibilidade.

Encontre mais questões

Voltar