Questões da Prova da Câmara Municipal de Marabá - PA - Tradutor Intérprete de Libras (2021)

Limpar Busca

De acordo com o texto, as pessoas têm se afastado de seus entes queridos porque

  • A são altos os índices de depressão.
  • B não administram suas emoções.
  • C estão ocupadas em se atualizar.
  • D o mundo atual as obriga a ter pressa.
  • E se miram no exemplo dos mais velhos.

Para o autor do texto, não damos atenção à tristeza das crianças

  • A quando elas choram.
  • B com alguma frequência.
  • C quando estamos deprimidos.
  • D em raros momentos.
  • E se estivermos assoberbados.

Segundo Maria Montessori, o choro frequente de uma criança

  • A tem o objetivo de chamar a atenção dos adultos.
  • B faz com que ela se habitue a atrair piedade.
  • C pode ser indício de tendências depressivas.
  • D é sinal de que não conhece seus sentimentos.
  • E leva à incapacidade de resolver seus problemas.

A mensagem que o texto passa é a de que

  • A cabe aos pais identificar a dor de seus filhos e ajudar a fortalecê-los.
  • B os adultos devem reservar tempo para a convivência com crianças.
  • C pais mais experientes têm maior sensibilidade para criar seus filhos.
  • D a estabilidade emocional dos pais define o caráter de uma criança.
  • E não se deve usar desculpas para ignorar o sofrimento dos pequenos.

A concordância não foi observada em

  • A A sobrecarga de tarefas e o infinito de informação nos fazem cada vez mais distanciados daqueles que amamos e, talvez, até mesmo daquilo que amamos em nós mesmos (linhas 1 a 3).
  • B Os números alarmantes sobre a depressão e até suicídio de crianças nos faz duvidar do caminho que estamos trilhando, na administração de nossas emoções e das emoções de nossos filhos (linhas 4 a 6).
  • C Não querer deixar a criança “manhosa”, “mimada”, dando atenção a ela quando chora ou se desestabiliza emocionalmente é uma dessas formas de desprezo (linhas 10 e 11).
  • D Acham que se intervierem com carícias e carinhos para confortá-lo vai se tornar caprichoso e acabará por tomá-lo por costume, com o único fim de obter atenção com cada birra (linhas 16 a 18).
  • E Saibamos antever a angústia e o sofrimento dos nossos filhos, acolhendo-os, afagando-os e amando-os de modo especial já nos primeiros indícios da sua tristeza (linhas 22 a 24).