Questões de Concursos do Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH)

Limpar Busca

O principal executivo, ao assumir o comando de uma empresa, posicionou-se junto aos demais gestores com uma fala em que destacava a importância de se seguir um passo a passo que incluía o planejamento, a modelagem, a simulação, a execução, o monitoramento e, finalmente, a melhoria. Ou seja, esse executivo defendeu

  • A a gestão de processos.
  • B o processo PDCA.
  • C a matriz SWOT de gestão.
  • D o modelo Kanban.
  • E o modelo 5S.

Um investidor estrangeiro está interessado no mercado brasileiro e gostaria de receber uma sugestão de estratégia genérica. Em particular, esse investidor tem se empenhado em abrir uma rede de lanchonetes para o público de baixa renda ou para clientes de alta renda. Diante dos seus conhecimentos sobre o mercado competitivo e estratégia, a sua recomendação de estratégia genérica para as duas redes de lanchonete, correta e respectivamente, são

  • A preço e diferenciação.
  • B preço baixo e qualidade.
  • C nicho e exclusividade.
  • D foco no cliente e negócio.
  • E padronização e personalização.

O trecho do texto que está reescrito corretamente, considerando as regras de emprego da vírgula é:

  • A Desde o início, nós os instigamos a nos imitar e ansiamos, pelo que talvez seja o elogio mais profundo da vida: o fato de eles escolherem viver de acordo com nosso sistema de valores.
  • B O uso generalizado da palavra “reprodução” para essa atividade, com a implicação de que duas pessoas estão quase se trançando juntas, é, na melhor das hipóteses, um eufemismo.
  • C A paternidade nos joga, abruptamente em uma relação permanente com um estranho, e quanto mais alheio o estranho, mais forte a sensação de negatividade.
  • D Tendo previsto a marcha para a frente de nossos genes egoístas, muitos de nós não estamos preparados para filhos que, apresentam necessidades desconhecidas.
  • E Devemos amá-los por si mesmos e, não pelo melhor de nós mesmos neles, e isso é muito mais difícil de fazer.

O Sistema Único de Saúde (SUS) é uma conquista da sociedade e foi criado para promover a justiça social e superar as desigualdades na assistência à saúde da população.


Assinale a alternativa correta.

  • A Antes de 1988, o sistema público de saúde atendia apenas quem não contribuía para a Previdência Social.
  • B A Constituição de 1988 garantiu a saúde como direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas.
  • C O SUS, quando foi criado, tinha como principal característica ser centralizado e de responsabilidade federal, sem a participação dos usuários.
  • D A 8ª Conferência Nacional de Saúde, realizada em 1988, foi um marco da Reforma Sanitária, que tratou da saúde como direito, da reformulação do sistema nacional de saúde e do financiamento setorial.
  • E O Ministério da Saúde, criado nos primórdios da história da Saúde Pública Brasileira em 1808, tinha como responsabilidade a organização e elaboração de planos e políticas públicas voltados a promoção, prevenção e assistência à saúde dos brasileiros.

José e João são comodatários de um bem indivisível e infungível de propriedade de Pedro. Após o término do prazo do contrato de comodato, José e João não devolveram o bem objeto do contrato de comodato a Pedro. Este vai procurar o bem objeto do contrato de comodato e descobre que ele encontra-se totalmente destruído, por culpa exclusiva de José. Nesse contexto, é correto afirmar:

  • A após a destruição do bem objeto do contrato de comodato, a obrigação deixou de ser indivisível, de modo que José e João são responsáveis, cada um, por apenas 50% do equivalente acrescido das perdas e danos.
  • B se João pagar a dívida, sub-roga-se nos direitos de Pedro.
  • C subsiste, para José e João, o encargo de pagar o equivalente, mas pelas perdas e danos só responde José.
  • D se João falecer, seus herdeiros poderão ser obrigados a pagar o valor total da dívida, tendo em vista que as obrigações decorrentes de comodato são indivisíveis, por determinação legal.
  • E apenas José é obrigado a pagar o equivalente acrescido de perdas e danos, por ter causado a destruição do objeto da obrigação.