Questões da Prova do Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (EBSERH) - Assistente Administrativo (2015)

Limpar Busca

Tendo em vista o sentido global do texto, podemos afirmar que a crônica de Artur Xexéo:

  • A desenvolve a temática carnavalesca sob o prisma cultural, focando a diversidade que impera nas festas de rua brasileiras.
  • B questiona a importância cultural do carnaval, tendo em vista os problemas logísticos que a festa traz para os moradores de bairros nobres.
  • C relativiza a hegemonia do samba enquanto ritmo representativo do carnaval carioca brasileiro.
  • D reflete acerca do carnaval de rua carioca a partir da existência de posicionamentos divergentes entre si.
  • E Contribui para o renascimento dos blocos de rua, que antes do texto eram relegados a uma posição inferior na hierarquia carnavalesca.

Segundo o texto, “altruísmo eficaz” é

  • A um movimento de pessoas engajadas em ações beneficentes sem fins lucrativos.
  • B um conjunto de ações de um grupo de pessoas mobilizadas pelo mesmo fim de gerar riquezas em prol de suas próprias empresas.
  • C um movimento que visa a um retorno financeiro significativo e ao bem-estar da sociedade.
  • D uma forma de envolvimento com o setor de investimento de impacto, de modo a obter ganhos rentáveis.
  • E um movimento que busca receitas de como gerar riquezas e fazer o bem a todos os cidadãos.

A contradição a que se refere a primeira frase do texto está corretamente apontada em:

  • A As escolas de samba fazem mais sucesso do que os blocos, embora sejam mais populares.
  • B Chico Buarque, embora não seja sambista, foi bastante feliz ao falar sobre a organização do Carnaval.
  • C As pessoas reclamavam do fim do carnaval de rua, mas quando ele voltou a ter força, isso gerou insatisfação.
  • D Os blocos de rua renasceram há pouco, mas já estão causando transtornos imensos para a população.
  • E Apesar da existência de blocos e das tradicionais escolas de samba, o carnaval do Rio ainda permanece com um ar melancólico.

Assinale as funções das aspas nas ocorrências destacadas no texto.

  • A Evidenciar nova forma de nomear; assinalar sigla; delimitar discurso direto.
  • B Ironizar nova expressão; esclarecer sigla; demarcar fala de alguém.
  • C Denunciar modo inadequado de expressar opinião; abreviar palavra extensa; esclarecer onde começa e onde termina o dizer de alguém.
  • D Expressar juízo de valor sobre algo; indicar abreviatura de palavra; delimitar forma genuína de expressão.
  • E Apresentar forma com que se expressa o colunista do jornal; assinalar uso de palavra estrangeira; estabelecer os limites do discurso direto.

Sobre o trecho indicado a seguir, assinale o único comentário INCORRETO:


"Não vai longe o tempo em que reclamava da decadência da folia nas ruas."

  • A O sujeito da segunda oração é "Rio", termo recuperável na frase anterior.
  • B Ao dizer "não vai longe o tempo", o cronista afirma "fazer pouco tempo".
  • C Nesse contexto, "folia" é sinônimo de carnaval.
  • D "Em que" traduz um valor semântico temporal.
  • E O sujeito da forma verbal "vai" é indeterminado.