Questões da Prova do Conselho Federal de Contabilidade - Contador (2019)

Limpar Busca

Com base na NBC TG 01 (R4) – Redução ao valor recuperável de ativos, analise as afirmativas a seguir.

I. A perda por desvalorização do ativo deve ser reconhecida imediatamente na demonstração do resultado, a menos que o ativo tenha sido reavaliado. Qualquer desvalorização de ativo reavaliado deve ser tratada como diminuição do saldo da reavaliação.

II. As perdas por desvalorização reconhecidas para o ágio por expectativa de rentabilidade futura (goodwill) devem ser revertidas em períodos subsequentes.

III. A entidade deve avaliar ao fim de cada período de reporte, se há alguma indicação de que um ativo possa ter sofrido desvalorização. Se houver alguma indicação, a entidade deve estimar o valor recuperável do ativo.

Estão corretas as afirmativas

  • A I, II e III.
  • B I e II, apenas.
  • C I e III, apenas.
  • D II e III, apenas.

De acordo com a NBC TG 22 (R2) – Informações por segmento, um segmento operacional é um componente de entidade:

I. Para o qual haja informação financeira individualizada disponível.

II. Que desenvolve atividades de negócio das quais pode obter receitas e incorrer em despesas (incluindo receitas e despesas relacionadas com transações com outros componentes da mesma entidade).

III. Cujos resultados operacionais são regularmente revistos pelo principal gestor das operações da entidade para a tomada de decisões sobre recursos a serem alocados ao segmento e para a avaliação do seu desempenho.

Completam corretamente as informações do enunciado o disposto em

  • A I, II e III.
  • B I e II, apenas.
  • C I e III, apenas.
  • D II e III, apenas.

A Companhia Siderúrgica “A”, ao encerrar o exercício social de 20X1, apresentou o valor de R$ 2.750.000,00 referente ao lucro atribuível aos titulares de suas ações ordinárias. Com o objetivo de mensurar o resultado básico por ação no exercício social de 20X1, a Companhia Siderúrgica “A” levantou os seguintes dados sobre suas ações ordinárias:


Com base somente nas informações apresentadas e considerando a NBC TG 41 (R2) – Resultado por ação, assinale a alternativa que evidencia o valor mais próximo do resultado básico por ação atribuível aos titulares de ações ordinárias da Sociedade Empresária “A” no encerramento do exercício social de 20X1. Considere o exercício social de 20X1 com 365 dias e que ações em tesouraria são instrumentos patrimoniais readquiridos e mantidos pela própria entidade.

  • A R$ 152,00
  • B R$ 161,00
  • C R$ 200,00
  • D R$ 343,00
No que se refere à NBC TG 29 (R2) – Ativo biológico e produto agrícola, item 43, “a entidade é encorajada a fornecer uma descrição da quantidade de cada grupo de ativos biológicos, distinguindo entre consumíveis e de produção ou entre maduros e imaturos, conforme apropriado”. Com base nessa informação e considerando a NBC TG 29 (R2) – Ativo biológico e produto agrícola, são exemplos de ativos biológicos consumíveis, EXCETO:
  • A Plantações de milho e trigo.
  • B Árvores para a produção de madeira.
  • C Rebanhos de animais mantidos para a produção de carne.
  • D Plantas portadoras mantidas para produzirem frutos por mais de um período.

Em 02/10/20X1, a Sociedade Empresária “A” adquiriu, em condições usuais e taxa de juros compostos condizentes ao mercado, um imóvel por meio de financiamento para ser liquidado em 6 prestações trimestrais, periódicas, iguais e postecipadas, com a primeira prestação após três meses da aquisição do imóvel, conforme tabela demonstrada a seguir:


A Sociedade Empresária “A” manterá esse imóvel para uso no fornecimento de suas mercadorias e espera-se que ele seja utilizado por mais de um período para geração de benefícios futuros e econômicos à entidade. Com base nas informações apresentadas e, que a Sociedade Empresária “A”, no reconhecimento inicial, aplicou a Resolução CFC nº 1.151, de 23 de janeiro de 2009 – Aprova a NBC TG 12 – Ajuste a valor presente, NBC TG 27 (R4) – Ativo imobilizado e Lei nº 6.404/76 (Lei das SAs), assinale os lançamentos contábeis que refletem corretamente, em 02/10/20X1, o registro do imóvel, das prestações e dos juros no patrimônio da Sociedade Empresária “A”. Admita que os juros estão embutidos no valor das prestações e que o exercício social da Sociedade Empresária “A” finda-se em 31 de dezembro de cada ano. A Sociedade Empresária “A” considera que os lançamentos contábeis aludidos anteriormente apresentam efeito relevante aos usuários das informações contábeis.

  • A D – IMÓVEIS (ATIVO IMOBILIZADO) 140.000,00 D – ENCARGOS FINANCEIROS A TRANSCORRER (PASSIVO CIRCULANTE) 12.825,64 D – ENCARGOS FINANCEIROS A TRANSCORRER (PASSIVO NÃO CIRCULANTE) 2.236,26 C – FINANCIAMENTOS A PAGAR (PASSIVO CIRCULANTE) 103.374,60 C – FINANCIAMENTOS A PAGAR (PASSIVO NÃO CIRCULANTE) 51.687,30
  • B D – IMÓVEIS (ATIVO IMOBILIZADO) 140.000,00 D – ENCARGOS FINANCEIROS A TRANSCORRER (PASSIVO CIRCULANTE) 15.061,90 C – FINANCIAMENTOS A PAGAR (PASSIVO CIRCULANTE) 155.061,90
  • C D – IMÓVEIS (ATIVO IMOBILIZADO) 140.000,00 D – ENCARGOS FINANCEIROS A TRANSCORRER (PASSIVO NÃO CIRCULANTE) 15.061,90 C – FINANCIAMENTOS A PAGAR (PASSIVO NÃO CIRCULANTE) 155.061,90
  • D D – IMÓVEIS (ATIVO IMOBILIZADO) 140.000,00 D – JUROS: AJUSTE A VALOR PRESENTE (RESULTADO) 12.825,64 D – JUROS: AJUSTE A VALOR PRESENTE (RESULTADO) 2.236,26 C – FINANCIAMENTOS A PAGAR (PASSIVO CIRCULANTE) 103.374,60 C – FINANCIAMENTOS A PAGAR (PASSIVO NÃO CIRCULANTE) 51.687,30