Questões de Hidroelétrica (Engenharia Elétrica)

Limpar Busca

Uma pequena central hidrelétrica possui dez geradores síncronos com capacidade de produção de 2 [MVA] cada. A altura da coluna de água, que é responsável pela geração de eletricidade, é de 10 [m]. Considerando que a aceleração da gravidade é 10 [m/s2 ] e que não há quaisquer perdas nessa central, a vazão de água deve ser de

  • A 25 [m3 /s], quando a usina produz 10 [MVA], com fator de potência 0,8 (capacitivo).
  • B 50 [m3 /s], quando a usina produz 10 [MVA], com fator de potência 0,6 (capacitivo).
  • C 100 [m3 /s], quando a usina opera a plena carga.
  • D 200 [m3 /s], quando a usina opera a plena carga.
  • E 400 [m3 /s], quando a usina opera a plena carga.

Usinas hidrelétricas a fio d’água não dispõem de reservatórios ou os têm em pequenas dimensões. A opção pela construção desse tipo de usina, em detrimento de usinas hidrelétricas que possuem reservatório, implica redução na capacidade de armazenamento de energia do sistema elétrico em que estão conectadas. No contexto brasileiro,

  • A o desperdício de capacidade produtiva de energia a montante das usinas a fio d´água é perfeitamente reversível, o que torna dispensável o debate técnico e político para a decisão pela sua construção.
  • B a regularização da vazão de um curso de água é uma decisão que deve necessariamente englobar a dimensão socioambiental, resultando em uma escolha entre alternativas que precisam ficar definitivamente claras para a sociedade.
  • C a matriz de geração nacional tem forte predominância hidrotérmica e, portanto, quando há escassez de recursos hídricos, as usinas a fio d’água podem contribuir para reduzir a necessidade de uso de energia de fonte térmica, mais cara e mais poluidora que a hidrelétrica.
  • D as eólicas podem suprir a necessidade de armazenamento de energia, visto que se configuram como opção para a base da matriz elétrica nacional, e garantem acréscimo anual de energia compatível com as projeções de crescimento econômico.
  • E o crescimento do mercado consumidor de energia e a implantação de usinas a fio d’água podem contribuir para o aumento da confiabilidade do sistema, permitindo ao Operador Nacional do Sistema resguardar-se do gerenciamento anual dos estoques de água nas usinas.

Uma usina de geração elétrica capta água a 100 [m] de altura e a conduz para as turbinas. São dados:


● rendimento das turbinas: 90%

● rendimento dos geradores: 90%

● vazão de água total por turbina: 700 [m3/s]

● aceleração da gravidade: 10 [m/s2]


A potência ativa máxima por turbina, em [MW], que essa usina é capaz de produzir é

  • A 567.
  • B 700.
  • C 820.
  • D 864.
  • E 1130.

Uma usina hidrelétrica pretende utilizar a área da barragem de enrocamento para instalação de placas fotovoltaicas e possui as alternativas apresentadas na tabela.


Tabela: opções de soluções fotovoltaicas

Empresa Área da Potência nominal Rendimento do

placa [m2] da placa [W] conversor [%]

SoleMio 1,00 120 90

SunUp 1,20 120 90

FratelloSole 0,75 100 95

BeyondTrees 0,85 100 95

MrSun 1,25 120 95


Dado que a área da barragem de enrocamento que será utilizada para produção de eletricidade é de 10000 [m2], a solução que é capaz de produzir mais energia, considerando o rendimento do conversor, é a da empresa

  • A SoleMio.
  • B SunUp.
  • C FratelloSole.
  • D BeyondTrees.
  • E MrSun.

Desde 17 de abril de 2012, quando entrou em vigor a Resolução Normativa ANEEL nº 482/2012, o consumidor brasileiro pode gerar sua própria energia elétrica a partir de fontes renováveis ou cogeração qualificada e, inclusive, fornecer o excedente para a rede de distribuição de sua localidade. Trata-se da micro e da minigeração distribuídas de energia elétrica, inovações que podem aliar economia financeira, consciência socioambiental e autossustentabilidade. Com o objetivo de reduzir os custos e tempo para a conexão da microgeração e minigeração; compatibilizar o Sistema de Compensação de Energia Elétrica com as Condições Gerais de Fornecimento (Resolução Normativa nº 414/2010); aumentar o público alvo; e melhorar as informações na fatura, a ANEEL publicou a Resolução Normativa nº 687/2015 revisando a Resolução Normativa nº 482/2012.
A respeito da Geração Distribuída, assinale a afirmativa correta.

  • A A geração por meio de painéis fotovoltaicos é totalmente limpa e com potencial de atender grandes centros consumidores.
  • B Vem crescendo no Brasil, devido à dificuldade de construir grandes usinas próximas aos centros consumidores.
  • C É utilizada principalmente para consumidores residenciais/comerciais, em virtude da menor solicitação de potência.
  • D É uma alternativa viável somente para os locais industrializados, em virtude da possibilidade de se utilizar a cogeração.
  • E É uma alternativa viável para os sistemas isolados no Brasil, por ter menor impacto ambiental e custos de investimento menores.