Questões de Doença Meningocócica (Enfermagem)

Limpar Busca

No Brasil, a doença meningocócica é endêmica. Assim, nos surtos e nas epidemias, observam-se mudanças nas faixas etárias, sendo a instalação da antibioticoterapia a melhor conduta. São considerados antibióticos de primeira escolha:

  • A Meropenem, penicilina e ampicilina.
  • B Rifampicina, aciclovir e ciprofloxino.
  • C Cloranfenicol, penicilina e ampicilina.
  • D Penicilina, ampicilina e ceftriaxone.
  • E Ciprofloxino, Doxicilina e Fosfomicina.

Sobre a doença meningocócica é incorreto afirmar que:

  • A As taxas de incidência de portadores são maiores entre adolescentes e adultos jovens e em camadas socioeconômicas menos privilegiadas.
  • B Modo de transmissão: Contato direto pessoa a pessoa, por meio de secreções respiratórias de pessoas infectadas, assintomáticas ou doentes.
  • C A transmissão por fômites não é importante.
  • D Período de incubação: Em média, de 3 a 4 dias, podendo variar de 2 a 10 dias.
  • E O reservatório é o homem, sendo as meninges o local de colonização do microrganismo.

As precauções baseadas na transmissão das doenças são elaboradas de acordo com o mecanismo de contágio das patologias, sendo classificadas em transmissão por contato, transmissão aérea por gotículas, transmissão aérea por aerossóis. Com base nisso, ao prestar assistência a um paciente com meningite meningocócica, além da precaução padrão, é CORRETO o profissional de saúde utilizar a precaução:

  • A para gotículas.
  • B de contato.
  • C para aerossóis.
  • D de contato e de aerossóis.

Em relação a meningite, é INCORRETO afirmar que:

  • A O tratamento das formas virais se dá apenas com medidas de suporte e sintomáticos, enquanto, que a doença bacteriana necessita do uso de antibióticos, além das medidas adotadas nas formas virais.
  • B Existem as vacinas para meningococo dos tipos A, B, Y e W 135, e estão disponíveis na rede pública e privada.
  • C A meningite infecciosa está relacionada a qualquer infecção que possa acarretar uma invasão da corrente sanguínea por agentes infecciosos.
  • D Em geral, a transmissão é de pessoa para pessoa, através das vias respiratórias, por gotículas e secreções do nariz e da garganta. A transmissão fecal-oral (ingestão de água e alimentos contaminados e contato com fezes) é de grande importância para a meningite viral, em infecções por enterovírus.
Nos casos de meningite meningocócica, a enfermeira, como ação inicial, deverá colocar a criança em isolamento. Pelo caso clínico, o isolamento:
  • A Não é uma ação indicada.
  • B É indicado somente nas primeiras 24 horas após o início do tratamento. Isolamento em quarto privativo, com isolamento respiratório de gotículas + contato.
  • C É indicado somente nas primeiras 48 horas após o início do tratamento. Isolamento em quarto privativo, com isolamento respiratório de gotículas.
  • D É indicado somente nas primeiras 24 horas após o início do tratamento. Isolamento em quarto privativo, com isolamento respiratório de gotículas.
  • E É indicado somente nas primeiras 48 horas após o início do tratamento. Isolamento em quarto privativo, com isolamento respiratório por aerossóis.