Questões de Diagnóstico Clínico e Radiográfico da Cárie (Odontologia)

Limpar Busca
Este tipo de cárie é o mais comum entre os idosos, que são mais susceptíveis a sofrer de recessão das gengivas. Esta cárie desenvolve-se sobre a superfície das raízes dos dentes. Esta é definição remete a:
  • A Cáries coronárias e/ou recorrentes.
  • B Cáries coronárias.
  • C Cáries radiculares.
  • D Cáries recorrentes.

Leia as afirmativas a seguir:


I. Em crianças até 6 anos de idade, a dentina é composta por 9% de material orgânico, 11% de material inorgânico e 2% de água.

II. O diagnóstico para a identificação da lesão de cárie é realizado exclusivamente mediante radiografia da face.


Marque a alternativa CORRETA:

  • A As duas afirmativas são verdadeiras.
  • B A afirmativa I é verdadeira, e a II é falsa.
  • C A afirmativa II é verdadeira, e a I é falsa.
  • D As duas afirmativas são falsas.
Sobre o tratamento das lesões de cárie, informe se é verdadeiro (V) ou falso (F) para o que se afirma e assinale a alternativa que apresenta a sequência correta.
( ) Em dentes decíduos com lesão de cárie restrita a esmalte ou ao terço externo da dentina pode-se realizar apenas o selante simples, sem a necessidade da remoção mecânica do tecido cariado. ( ) Em dentes decíduos assintomáticos com lesão de cárie profunda há a necessidade da remoção total do tecido cariado pela possibilidade de progressão da lesão caso fique tecido cariado remanescente. ( ) Quando houver lesão cariosa profunda em dentes permanentes assintomáticos, com risco de exposição pulpar, há a indicação de realizar a remoção total do tecido cariado em duas sessões.
  • A F – V – V.
  • B V – F – F.
  • C V – V – F.
  • D V – F – V.

O aspecto clínico das lesões de cárie é importante no diagnóstico e escolha da terapêutica adequada. Uma vez controlado o processo de desmineralização e remineralização do esmalte, o aspecto clínico esperado para uma lesão inativa é:

  • A aspecto endurecido e brilhante.
  • B aspecto endurecido e escurecido.
  • C superfície rugosa e brilhante.
  • D superfície rugosa e escurecida.
  • E superfície lisa e brilhante.

. A cárie é uma doença muito antiga, com pelo menos 500 mil anos de idade, como evidenciam registros esqueléticos. Pode ser definida como um processo dinâmico que ocorre na superfície dentária coberta por biofilme, e se caracteriza pelo desequilíbrio entre esse biofilme e os tecidos duros do dente, resultando, ao longo do tempo, em perda de tecido mineral.
Assinale a alternativa correta sobre a etiologia, o comportamento, o diagnóstico e o prognóstico da doença cárie.

  • A A perda mineral dos tecidos dentários (esmalte, dentina ou cemento) é causada por ácidos, especialmente o ácido ascórbico, produzidos pela fermentação bacteriana dos carboidratos da dieta, geralmente a sacarose.
  • B A queda do pH resultante da ação desses ácidos ocasiona a dissolução do tecido dentário através do transporte de íons cálcio, fosfato, hidroxila e oxigênio, para o meio bucal, caracterizando o fenômeno da desmineralização.
  • C A lesão de cárie é apenas o sinal clinicamente detectável da doença cárie, que teve início bem antes da detecção clínica da lesão cariosa.
  • D As características clínicas da lesão cariosa revelam se a doença está ocorrendo no momento presente (lesões inativas) ou se são sequelas de experiências passadas de doença (lesão ativa).
  • E Os sistemas tampões da polpa e do biofilme bacteriano, assim como a presença de flúor no meio bucal, podem promover a reposição mineral, caracterizando o fenômeno da remineralização.