Questões de Cultura de Plantas Sacarinas, Suculentas e Fibrosas (Engenharia Agronômica (Agronomia))

Limpar Busca
Assinale a alternativa que apresenta CORRETAMENTE os sintomas e métodos de controle da doença causada por Xantomonas albilineans em cana-de-açúcar:
  • A Fase Crônica: estrias brancas, brotação lateral. Fase Aguda: queima das folhas (escaldadura) e posterior seca total das folhas. Método de controle: Variedade resistente, mudas sadias e tratamento térmico (imersão de toletes de cana-deaçúcar para plantio a 52°C por 30 min).
  • B Estrias finas avermelhadas e longas de 5 cm a 60 cm na folha. Podridão do topo da planta, podendo se estender para o colmo. Método de controle: variedade resistente e adubação balanceada.
  • C Estrias finas paralelas à nervura das folhas de coloração vermelha a amarelada que atingem o limbo foliar da ponta até o meio. Afeta somente folhas. Método de controle: variedade resistente, evitar excesso de adubo e local úmido.
  • D Entupimento dos vasos, encurtamento de entrenós, subdesenvolvimento dos colmos rebrotados da touceira depois da colheita. Método de controle: variedade resistente, mudas sadias e tratamento térmico (imersão de toletes de cana-deaçúcar para plantio a 52°C por 30 min).
  • E Aparecimento de “virgulas” de coloração avermelhada na região nodal do colmo de canas adultas, podem não aparecer em algumas variedades. Método de controle: o tratamento térmico em água a 52°C por 30 minutos ou 50,5°C por 120 minutos.

Observe o esquema a seguir, relativo às técnicas de produção.

Assinale a alternativa que identifica corretamente os números 1, 2 e 3.

  • A 1 = agrossilviculturais; 2 = agrossilvipastoris; 3 = silvopastoris.
  • B 1 = agrossilviculturais; 2 = silvopastoris; 3 = agrossilvipastoris.
  • C 1 = agrossilvipastoris; 2 = silvopastoris; 3 = agropastoris.
  • D 1 = agropastoris; 2 = silvopastoris; 3 = agrossilviculturais.
  • E 1 = silvopastoris; 2 = agropastoris; 3 = agrossilviculturais.

Uma das tecnolgias que estão sendo utilizadas para melhorar a produtividade agrícola, especialmente da cana- -de-açúcar, é a muda pré-brotada de cana ou MPB. Sobre esta técnica, é correto afirmar que

  • A é utilizada principalmente no plantio inicial da cana- -de-açúcar no terreno.
  • B não é indicada para áreas que estão passando pelo processo de reforma do cultivo da cana.
  • C a grande mudança nesta técnica é reforçar o plantio baseado em toneladas de colmos plantados por área de cultivo.
  • D o MPB não é recomendado para plantios consorciados de leguminosas como soja ou amendoim.
  • E o IAC é referência nacional nesta tecnologia.

Conforme Instrução Normativa nº 33, de 24 de agosto de 2016 do MAPA, a Unidade de Produção (UP) no cultivo de planta ornamental, olerícola e medicinal é a área plantada com a mesma espécie. Poderão ser agrupados para a caracterização de uma UP tantos talhões descontínuos, de um mesmo produto, devendo esta UP ser identificada por um ponto georreferenciado de um dos talhões que a compõe e por croqui de localização dos talhões, desde que a soma dos talhões agrupados não exceda a:

  • A 50 hectares.
  • B 5 hectares.
  • C 30 hectares.
  • D 10 hectares.
  • E 20 hectares.

O conhecimento das relações entre as condições físicas do ambiente, em especial, solo e atmosfera, e as diversas espécies cultivadas permite a obtenção de informações mais precisas acerca da influência do tempo e do clima no crescimento, no desenvolvimento e na produtividade das culturas. A respeito desse tema, assinale a alternativa correta.

  • A A radiação solar é a principal variável meteorológica a ser considerada nos zoneamentos agroclimáticos, juntamente com a chuva.
  • B A chuva afeta diretamente os processos metabólicos das plantas.
  • C O fotoperíodo é uma variável do ambiente que não interfere no crescimento e no desenvolvimento das culturas.
  • D A radiação solar provê a energia necessária aos processos associados à fotossíntese, afetando, assim, a produção de carboidratos e, consequentemente, o crescimento da biomassa das plantas.
  • E Os ventos atuam de diversas formas sobre o metabolismo das culturas, afetando, inclusive, o poder evaporante do ar.