Resumo de História - Medusa

Medusa é uma figura da mitologia grega que, de acordo com a lenda, tinha o corpo e o rosto de uma linda mulher, asas de ouro e presas de bronze. Ela e suas irmãs, Esteno e Euríale, eram conhecidas como as irmãs Górgonas. Os seus pais, Fórcis e Ceto, eram divindades marinhas.

De acordo com a lenda, Medusa teria se deitado com Poseidon (deus do mar) em um dos templos da deusa Grega Atena – divindade da sabedoria. Atena então, furiosa, transformou Medusa e suas irmãs em seres horríveis, com pele escamosa e serpentes na cabeça.

Afirma-se que Medusa era uma mulher muito bonita e que até mesmo os deuses a desejavam, mas por escolher ser sacerdotisa de Atena, tinha que cumprir a castidade eterna. Dessa maneira, nenhum homem ou deus poderia tê-la.

Mito da Medusa

Após serem transformadas em seres tenebrosos, Medusa e suas irmãs passaram a viver dentro de uma caverna, localizada no extremo ocidente da Grécia, próximo a um país chamado Hespérides.

Segundo a lenda, nos arredores da gruta existiam várias estátuas de homens e animais petrificados. Por isso, as irmãs Górgonas eram temidas por toda Grécia.

Então, um rei tirano que habitava uma ilha chamada Cíclades, ordenou ao jovem herói, Perseu, que decepasse e lhe trouxesse a cabeça de Medusa. Caso Perseu não cumprisse a ordem, a sua mãe seria violentada.

Atena ficou sensibilizada e decidiu ajudar Perseu. A deusa da sabedoria deu a Perseu um elmo que lhe tornava invisível, sandálias aladas, um alforje chamado quíbis – para transportar a cabeça de Medusa – e um escudo de bronze para que ele pudesse enfrentar as irmãs Górgonas.

Perseu foi até o local e ao entrar na caverna encontrou as irmãs dormindo. Então se aproximou de costas, guiado pelo reflexo do escudo e usando o elmo que o deixava invisível. O jovem flutuou por cima de Esteno e Euríale, graças às sandálias aladas e chegou até Medusa.

Como não podia olhar diretamente para ela, Perseu mirou a cabeça através do reflexo do escudo e a cortou. Em seguida, guardou a cabeça no quíbis e seguiu sem que Esteno e Euríale pudessem segui-lo, já que estava invisível.

Por fim, Perseu presenteou Atena com a cabeça de Medusa, que a colocou em seu escudo para sua proteção.

Deusa Atena

Atena era a deusa grega da sabedoria e das artes. Entre os romanos, ela era conhecida como Minerva. Filha de Zeus e da Deusa Métis, Atena era uma deusa virgem, linda e guerreira que protegia seus heróis e sua cidade AtenasEla nasceu da cabeça de Zeus, o senhor dos deuses e, por esse motivo, era sábia e corajosa.

Quando soube da gravidez de Métis, Zeus consultou um oráculo de Gaia, que lhe disse que o filho que Métis estava esperando poderia nascer mais forte que ele. Por esse motivo, Zeus a engoliu.

Tempos depois, Zeus estava passando por uma forte dor de cabeça e para curá-la solicitou a Hefesto, seu filho com Hera, esposo da bela deusa Afrodite, que lhe cortasse a cabeça com um machado.

Hefesto então obedeceu à ordem de seu pai e deu um golpe. Nesse momento, Atena surgiu já crescida, armada e lançando um grito de guerra.

Mitologia grega

O mito da Medusa faz parte da mitologia grega. Mas, do que se trata isso?

Mitologia grega é a analise dos conjuntos de narrativas relacionadas com os mitos da Grécia Antiga, dos seus significados e da relação entre eles e os povos.

Para os estudiosos, compreender os mitos gregos é o mesmo que conhecer a sociedade grega antiga, seu comportamento, assim como suas práticas ritualísticas.

A mitologia grega desenha as origens do mundo, os modos de vida, aventuras de um grande número de deuses, deusas, heróis, heroínas e de outras criaturas mitológicas.

No decorrer dos anos, esses mitos, como o da Medusa, foram taxativos por meio de uma grande coleção de narrativas, que formam a literatura grega e também a representação de outros tipos de arte, como por exemplo a pintura e a cerâmica de figuras vermelhas.

A mitologia grega exerce uma influência muito grande na cultura, nas artes e na literatura da civilização ocidental até os dias atuais. Poetas e artistas se inspiraram na mitologia grega e descobriram que os temas mitológicos tem muita importância no mundo contemporâneo.

Seu legado também exerce influência na ciência, como no caso dos nomes dados aos planetas do Sistema Solar e em estudos teóricos, acadêmicos, psicanalíticos, antropológicos e muitos outros.

Seres mitológicos

Além da Medusa, a mitologia grega é repleta de outras figuras. Veja as mais importantes:

  • Heróis: eram considerados semideuses, ou seja, filhos de deuses com humanos. Podemos destacar: Perseu, Teseu e Belerofonte.
  • Ninfas: figuras mitológicas femininas sempre bonitas e alegres e que cuidavam das florestas. Pode-se citar: ninfas das flores e bosques; as Dríades, ninfas dos carvalhos; as Nereidas, ninfas da água.
  • Sereias: figuras femininas que cantavam e tinham o corpo de peixe. Podiam ser representadas com asas e cabeça e busto de mulher.
  • Centauros: seres híbridos e fortes. Seu corpo é metade humano e metade cavalo. Destaca-se Quíron, amigo de Herácles criado por Cronos.
  • Sátiros: tinham corpo de homem com patas de bode e chifres. Correspondem aos faunos da mitologia romana.
  • Górgonas: figuras femininas que possuíam cabelos de serpentes, assim como, a Medusa.

Deuses gregos

Os deuses gregos eram seres imortais e antropomórficos, eles possuíam formas e sentimentos humanos.

Principais deuses da mitologia grega

  • Zeus: O deus supremo do céu.
  • Deusa Hera: deusa protetora das mulheres, dos casamentos e da maternidade.
  • Poseidon: deus dos mares e dos oceanos.
  • Hades: deus dos infernos, dos mortos e do subterrâneo.
  • Deusa Afrodite: deusa do amor, do sexo e da beleza.
  • Héstia: deusa do lar e do coração.
  • Deus Apolo: deus da luz do sol, da música, da poesia, das artes, da beleza masculina e da adivinhação.
  • Ártemis: deusa da caça, da castidade, da luz e da vida selvagem.
  • Deus Ares: deus da guerra.
  • Deus Eros: deus da paixão, do sexo, do amor.
  • Atena: deusa da sabedoria, da justiça, das artes, da guerra e da serenidade. Considerada a protetora da cidade de Atenas.
  • Cronos: deus do tempo.
  • Deméter: deus da colheita e da agricultura.
  • Perséfone: rainha do submundo e deusa das flores e frutos.
  • Deus Dionísio: deus das festas, do prazer e do vinho.
  • Deus Hermes: deus do comércio e das comunicações; mensageiro dos deuses, protetor dos comerciantes e dos viajantes.
  • Hefesto: deus do fogo, dos metais e do trabalho.
  • Gaia: deusa da terra.
  • : deus das florestas, dos bosques, dos campos e dos pastores.
Voltar

Questões