Resumo de História - Conferência de Potsdam

Saiba o que foi discutido e as implicações desse evento


A Conferência de Potsdam constitui um dos marcos de encerramento da Segunda Guerra Mundial. O evento aconteceu no período entre os dias 17 de julho e 2 de agosto de 1945, na cidade alemã de Potsdam. E contou com a presença dos líderes que representavam os Países Aliados: o estadunidense Harry S. Truman, o russo Josef Stalin e os britânicos Winston Churchill e Clement Attlee. 
Ao passo em que definia os encaminhamentos para o período pós-guerra, a Conferência de Potsdam dava início a um novo conflito histórico, mas com contornos bem diferentes dos que já havia acontecido anteriormente. Continue a leitura do artigo e descubra quais foram as decisões tomadas pelos países vitoriosos e as implicações que elas tiveram para a história. 

O que foi discutido na Conferência de Potsdam? 


A Conferência de Potsdam dava continuidade às tratativas sobre a Segunda Guerra Mundial, as quais já tinham sido iniciadas na Conferência de Teerã e na Conferência de Yalta. Contudo, dessa vez, com a Alemanha já rendida, as sanções que seriam impostas ao país derrotado era a pauta principal a ser discutida pelos Países Aliados.
Já na Conferência de Yalta, em fevereiro de 1945, antes da rendição alemã, a União Soviética já havia proposto que os alemães pagassem uma indenização aos países vencedores. Segundo essa proposta, os soviéticos deveriam ficar com metade do valor pago, já que havia sido o mais afetado pelo conflito. 
Essa discussão foi retomada durante a Conferência de Potsdam pois, quando foi apresentada, os Estados Unidos, representado pelo presidente Franklin D. Roosevelt, manifestaram acordo. Contudo, seu sucessor Harry S. Truman estava disposto a impedir que a URSS obtivesse vantagens no acordo. 
Enquanto os “Três Grandes” - Harry S. Truman, Josef Stalin e Winston Churchill (que mais tarde foi substituído por Clement Attlee) - decidiam qual seria o futuro da Alemanha, os representantes da França e da República Nacionalista da China se ativeram à elaboração do tratado de paz com a Itália, Bulgária, Finlândia, Hungria e Romênia. 




O que ficou definido? 


As decisões tomadas pelos países que estiveram na Conferência de Potsdam resultaram em exploração do território alemão e enfraquecimento do nazismo e do fascismo, sendo a divisão da Alemanha entre França, Grã-Bretanha, Estados Unidos e URSS a decisão de maior impacto. Com essa repartição, cada nação teve o direito de explorar os recursos existentes em sua respectiva área. O mesmo se deu com a cidade de Berlim. 
Com o intuito de assegurar que a Alemanha não voltaria a se configurar como uma ameaça mundial, os Países Aliados determinaram sua desmilitarização. Com isso, todas as indústrias envolvidas na produção de armas foram desativadas. E como medida de combate ao nazismo o partido nazista foi declarado ilegal, as leis nazistas foram revogadas e foi promovida uma reestruturação no âmbito judicial, educacional e cultural do país, removendo todos os signos associados ao nazismo. 
Outras medidas tomadas pela Conferência de Potsdam foram: 
  • A formação do tribunal internacional que foi responsável pelo julgamento dos crimes cometidos pelos nazistas; 
  • A divisão da Áustria entre França, Grã-Bretanha, Estados Unidos e URSS; 
  • A definição da fronteira entre Alemanha e Polônia. O limite entre os países foi estabelecido nos rios Oder e Neisse; 
  • A reorganização da economia que a partir dali seria voltada para a produção agrícola em detrimento da produção industrial;
  • A desocupação dos territórios que haviam sido invadidos e anexados pela Alemanha. 

Os conflitos latentes na conferência 


Com o fim da guerra, a união que havia caracterizado a atuação dos Países Aliados frente ao fascismo e ao nazismo já começava a apresentar sinais de enfraquecimento. A expansão que o regime comunista vinha apresentando incomodava o novo presidente norte-americano, que tentava colocar em prática uma política oposta à qual tinha sido implementada pelo seu antecessor. 
Com isso, iam se delineando os contornos do que viria a ser conhecido como a Guerra Fria. Durante a Conferência de Potsdam, o americano Truman se viu dividido entre buscar apoio da URSS para atacar o Japão e o desejo de evitar que o país ocupasse aquela região. Também foi em Potsdam que a potência comunista se afastou dos países ocidentais. 
Anos depois, o conflito entre EUA e URSS é mais bem delineado quando a potência capitalista implementa a Doutrina Truman, que correspondeu a uma série de medidas de política externa tomadas pelo presidente norte-americano no sentido de conter o avanço do socialismo. Nesse sentido, os EUA ofereceram ajuda financeira aos países europeus para sua reconstrução, através do chamado plano Marshall. 
Voltar

Questões