(2015) Questão 53

Fábricas e operários no Brasil (1889-1930) Ano Número de fábricas Número de operários
1889 636 54.169
1907 3.120 149.018
1920 13.436 275.514
1930 18.800 45.000
Fonte: Edgar Carone. A República Velha. São Paulo: DIFEL, 1971, pp. 70-92

Analise os dados da tabela acima e assinale a alternativa que melhor explica o fenômeno observado.
  • A O crescimento verificado no período deveu-se, sobretudo, à participação do Brasil na Primeira Guerra Mundial, pois permitiu acúmulo de divisas usadas na industrialização promovida pela Era Vargas.
  • B O final do Império no Brasil e início da República foi marcado pelo grande crescimento do número de fábricas e operários, marca alcançada em virtude da abertura do país ao capital externo.
  • C Na transição da Colônia para a República, a implantação de fábricas tornou-se política pública, pois assegurava o papel predominante da economia brasileira perante as demais nações latino-americanas.
  • D Impulsionado pela crise da economia cafeeira, pela Grande Guerra e pela Grande Depressão, o crescimento do número de fábricas e operários no Brasil coincidiu com as primeiras décadas da República.
  • E As práticas intervencionistas do New Deal, implantadas no Brasil a partir da década de 1920, contribuiu para o crescimento vertiginoso do número de fábricas e de operários, no período considerado.

Encontre mais questões

Voltar