Questões da Prova do Tribunal Regional do Trabalho da 16ª Região - Maranhão - Técnico - Área Administrativa (2009)

Limpar Busca

A frase que sintetiza corretamente o assunto do texto é:

  • A Nova teoria científica busca explicações para os contrastes do clima em diferentes regiões do planeta.
  • B Meteorologia tradicional explica as recentes discrepâncias climáticas que ocorrem no Brasil.
  • C Diferenças regionais acentuadas nas regiões brasileiras podem explicar alternância entre aridez e inundações.
  • D Cientistas se perdem em meio às novas teorias que tentam explicar fenômenos climáticos extremos.
  • E A direção dos ventos na Amazônia justifica todos os excessos dos fenômenos climáticos no Brasil.

A expressão "loucura a dois" refere-se, no 3º parágrafo,

  • A à situação climática tanto nas regiões Norte e Nordeste quanto na região Sul do país.
  • B a países em situação geográfica e climática bem diversificada.
  • C às chuvas torrenciais e às secas destruidoras das lavouras.
  • D a cientistas que divergem em suas explicações sobre as variações climáticas.
  • E à divergência entre metodologias de análise das condições climáticas.

Em relação ao 1º parágrafo do texto, está correto o que se afirma em:

  • A Considerando-se o assunto central do texto, não se justificam as informações referentes ao clima que aparecem nesse parágrafo.
  • B As informações nele constantes tentam comprovar a afirmativa dos cientistas russos de que as florestas são determinantes para o clima.
  • C As referências ao clima nas regiões brasileiras servem para demonstrar que pode haver um certo equívoco na teoria dos cientistas russos.
  • D A descrição das catástrofes que ocorrem no Brasil vai justificar a imagem da bomba, criada pela nova teoria científica.
  • E Desenha-se nele um quadro de contrastes causados pelas condições climáticas, para justificar todo o desenvolvimento posterior.

Ao falarem de chuva ... (3º parágrafo)

A frase acima está corretamente transcrita, sem alteração do sentido original, em:

  • A À medida que falam de chuva ...
  • B Como falam de chuva ...
  • C Visto que falam de chuva ...
  • D Conquanto falem de chuva ...
  • E Quando falam de chuva ...

... eles acabam falando de um dos mais atuais e globalizados temas: a devastação das matas. (3º parágrafo)

O emprego dos dois-pontos assinala, no contexto,

  • A introdução de comentário repetitivo.
  • B especificação da expressão anterior a eles.
  • C transcrição exata da fala dos especialistas.
  • D segmento que apresenta sequência de fatos.
  • E reforço no sentido da afirmativa anterior.