Questões de Regionalização Brasileira (Geografia)

Limpar Busca
O Semiárido brasileiro é uma região de condições climáticas que predomina a aridez, com baixa e irregular precipitação pluviométrica, tornando-se um desafio o desenvolvimento da atividade agrícola, também é atribuída às características do semiárido os baixos índices econômicos e sociais que os municípios localizados nessa região apresentam. De acordo com a Sudene, 1262 municípios estão localizados na região semiárida do Brasil. Estes municípios pertencem, aos seguintes Estados da Federação que contam com a atuação da Sudene. Os Estados são:
  • A Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia;
  • B Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia e Minas Gerais;
  • C Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe, Bahia e Minas Gerais;
  • D Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia
  • E Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Minas Gerais.
O Brasil, é um país com uma grande área territorial, um dos maiores produtores de alimentos, uma imensa diversidade da sua fauna e flora, dispõe de um grande potencial hídrico e energético. Do ponto de vista populacional o País dispõe de um "bônus"demográfico importante para o crescimento econômico. Contudo a pobreza e a desigualdade social continuam sendo um desafio para o País e especialmente para a região Nordeste. Nesse contexto podemos traçar as principais ações de desenvolvimento regional considerando a criação de instituições e instrumentos para o planejamento do desenvolvimento regional a partir da década de 1950. Nesse contexto é correto afirmar que:
  • A O Banco do Nordeste do Brasil (BNB) foi criado em 1962 para atuar como instituição promotora do desenvolvimento regional, através da oferta de crédito especificamente para o semiárido brasileiro;
  • B O Banco do Nordeste do Brasil (BNB) foi criado em 1952 para atuar no polígono das secas, através da oferta de crédito; posteriormente foi criada a Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (SUDENE) em 1959, a partir do relatório do Grupo de Trabalho para o Desenvolvimento do Nordeste (GTDN), com o objetivo de promover e coordenar o desenvolvimento da região em se constatava a ampliação das desigualdades entre o Nordeste e o Centro-Sul do país;
  • C Em 2009 o Departamento Nacional de Obras Contra a Seca completou 100 anos. Este órgão atuou para o planejamento de ações de grandes obras hídricas na região, o que ficou conhecido como "a invenção do Nordeste".
  • D O POLONORDESTE, foi criado em 1980 para tentar reverter a perda de dinamismo do Nordeste em relação às exportações brasileiras na década de 1960 pelo declínio do ciclo econômico do açúcar na região;
  • E Nos anos 2000 foi criado o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), semelhante ao Plano de Metas do gov. JK, buscou reorientar os investimentos no Nordeste por meio de infraestrutura hídrica, tendo como principal projeto a transposição do Rio São Francisco.
Acompanhando a conjuntura internacional nos últimos anos, a indústria calçadista nacional tem passado por um processo de relocalização regional e, apesar da presença de empresas calçadistas em quase todos os estados brasileiros, esse movimento ocorreu principalmente, em direção aos estados do Nordeste. Esse deslocamento para outras localidades, no entanto, não minimiza a importância das regiões produtoras tradicionais, visto que se trata de estratégias das grandes empresas do setor para se manterem competitivas no mercado interno e internacional, aproveitando-se de excedentes de mão-de-obra nos estados de destino, como também do forte incentivo fiscal implementado com a finalidade de atrair empresas para a região. Fonte: IPECE TEXTOS PARA DISCUSSÃO nº 101? agosto de 2012. Microsoft Word - TEXTO DISCUSSÃO 101 agosto 2012 (ipece.ce.gov.br) Acesso em 07/03/2021.

O texto acima faz referência ao deslocamento do setor de calçados para outros estados do Nordeste os quais podemos citar:
  • A Ceará Bahia e Paraíba
  • B Rio Grande do Norte Pernambuco e Alagoas
  • C Sergipe, Ceará e Bahia
  • D Alagoas, Maranhão e Ceará
  • E Pernambuco, Paraíba e Alagoas
Geograficamente, o Brasil está dividido em 5 (cinco) Regiões. De acordo com o processo histórico de ocupação do território quais foram as primeiras regiões ocupadas para colonização?
  • A Litoral, tendo como principal produto explorado o paubrasil; iniciando posteriormente o ciclo da cana-de-açúcar no Nordeste, sendo Salvador (BA) a primeira sede do governo português. Posteriormente, a ocupação foi ampliada para o interior, início da pecuária. A expansão da ocupação do território avançou para o sudeste, expansão da pecuária e da exploração de minérios.
  • B Interior, avançando para o sudeste, tendo o Rio de Janeiro como principal sede do governo português, tornando-se o centro de planejamento de ocupação do espaço.
  • C Amazonas, com o ciclo da borracha dando início às primeiras vilas, expandindo-se para o sudeste com a pecuária e mineração e por último o semiárido nordestino por ser uma região desfavorável para lavouras.
  • D Sul, com os primeiros migrantes Europeus que povoaram o território, seguindo para o Sudeste, com destaque para o litoral paulista com a expansão da pecuária e Minas Gerais, iniciando o ciclo do ouro. Sendo São Paulo a primeira sede do governo português.
  • E Iniciou com o povoamento da região Centro-Oeste e Sul, tendo como principal produto explorado o pau-brasil, iniciando posteriormente o ciclo da cana-deaçúcar no Nordeste, sendo Salvador (BA) a primeira sede do governo português.

O Brasil é um país de dimensões continentais e este é um dos motivos que fazem com que, em termos culturais, tenhamos uma das maiores diversidades do mundo. Neste contexto, um termo muito usado é o "regionalismo", que pode-se definir como sendo:

  • A Hábitos e costumes que são comuns à cultura de todas as regiões do país.
  • B Cultura separatista disseminada em uma região do país.
  • C Influência de heranças históricas que se manifestam exclusivamente na gastronomia de uma determinada região.
  • D Características encontradas em manifestações culturais, que expressam costumes e tradições de uma determinada região.