Questões de Classificação de Processos Técnicos em Biblioteconomia (Biblioteconomia)

Limpar Busca

Quanto às características dos sistemas de classificação, numere a coluna da direita de acordo com a da esquerda.
1. CDU 2. CDD
( ) É um mapa completo das áreas do conhecimento, mostrando todos os seus conceitos e suas relações. É considerada por todos, na verdade, como a primeira classificação verdadeiramente bibliográfica no sentido moderno. ( ) A indicação de tais relações e a criação de verdadeiros subsistemas (ou minissistemas) de conceitos secundários, ou blocos de ideias acessórias, permitiram ao novo instrumento combinar num só esquema as características de hierarquia rígida (de seu antecessor) com as riquezas de detalhamento oferecidos pelo recurso da síntese na pós-coordenação, tanto através dos Dois Pontos (influência Ranganathiana) quanto através de quase duas dezenas de símbolos para representar conceitos secundários consubstanciados nas conhecidas Tabelas Auxiliares (Comuns e Especiais). ( ) É um sistema hierárquico, em que as ideias, os conceitos são representados em suas múltiplas relações de coordenação, de subordinação e de superordenação. ( ) É o resultado de um projeto que visava transformar uma classificação enumerativa numa classificação facetada; exibe quatro grandes características estruturais de que derivam outras menos evidentes (mas certamente relevantes): a decimalidade, a universalidade, a estrutura hierárquica e a síntese dos contrários. ( ) Sua estrutura básica possui: dez classes gerais de assuntos predominantes; quatorze minissistemas de assuntos secundários, àqueles eventualmente associados nos documentos; e um índice alfabético relativo para acesso aos conceitos, representados no Sistema por símbolos convencionais, preponderantemente numéricos. ( ) É um sistema de classificação cujo princípio fundamental está na divisibilidade do todo, que é o conhecimento, em dez partes, baseando-se numa divisão inicial desse mesmo conhecimento em disciplinas e subdisciplinas. As disciplinas são encaradas como grandes ramos do conhecimento, que englobam conceitos ou ideias menores, vistos como subdivisão ou derivação daquelas.
Assinale a sequência correta.

  • A 2, 2, 1, 1, 2, 1
  • B 2, 1, 2, 1, 1, 2
  • C 1, 2, 2, 1, 2, 1
  • D 1, 1, 1, 2, 1, 2

Assinale a alternativa correta sobre os sistemas de classificação bibliográfica.

  • A A Classificação dos Dois Pontos criada por Ranganathan possui edições integrais detalhadas e edições abreviadas; a notação apresenta números decimais e indicadores de facetas especiais e não proporciona regras, o que a torna um esquema bem flexível.
  • B A Classificação Decimal Universal começou como um esquema enumerativo sem elementos de análise e síntese, apresentando, em sua notação, números decimais puros, e possui índices alfabéticos muito bons em todas as edições.
  • C A Classificação Bibliográfica de Brown tem uso limitado à Grã-Bretanha e foi baseada na Classificação de Bliss, ordena os assuntos como Matéria, Vida, Mente e Registro e utiliza letras maiúsculas, números e letras minúsculas para subdivisões.
  • D A Classificação da Biblioteca do Congresso dos Estados Unidos tem sua estrutura baseada na Classificação Expansiva de Cutter, utiliza notação de letras e números, é uma classificação não-hierárquica e não-mnemônica.
  • E A Classificação Decimal de Dewey é um sistema de classificação semienumerativo, tem notação de números decimais e letras, regras adequadas para assegurar sua consistência como esquema e apresenta pouco uso na atualidade.
Uma obra pode abordar múltiplos assuntos, tratados separadamente ou relacionados uns com os outros, sob o ponto de vista de uma mesma disciplina. No caso de uma obra que trata de dois assuntos interrelacionados (um assunto é utilizado para explicar ou introduzir o outro), abordados igualmente no documento a ser classificado, qual seria o procedimento mais adequado para categorizá-la de acordo com a Classificação Decimal de Dewey:
  • A Classificar de acordo com o autor - tabela de Cutter;
  • B Classificar no assunto que aparece primeiro no Esquema da CDD - regra primeiro-de-dois;
  • C Classificar no assunto que recebe menos tratamento na obra;
  • D Classificar na classe 000 - regra do zero;
  • E Considerar a hierarquia dos assuntos e classificar no assunto mais geral, o qual aborda ambos os assuntos interrelacionados - regra de aplicação.
Na Classificação Decimal de Dewey, esta seção consiste em uma lista alfabética de assuntos com as respectivas disciplinas nas quais eles são tratados. Inclui os termos mais encontrados no Esquema principal e tabelas:
  • A Manual;
  • B Glossário;
  • C Índice relativo;
  • D Notação;
  • E Sumário.
Sobre o "ponto"[.] na notação da Classificação Decimal de Dewey:
  • A é um elemento decimal, de acordo com a lógica matemática convencional.
  • B equivale a dois zeros seguidos;
  • C é requerido logo após notações terminadas em zero;
  • D é uma pausa psicológica que quebra a monotonia dos dígitos e facilita o entendimento da lógica hierárquica notacional;
  • E é utilizado apenas no caso de síntese/construção de números.