Questões de Campo e Força Magnética (Física)

Limpar Busca

Um cilindro condutor oco e infinitamente longo com raio interno R/2 e raio externo R tem uma densidade de corrente uniforme ao longo de seu comprimento. A magnitude do campo magnético, ||, como função da distância radial do eixo do cilindro é melhor representada por

  • A
  • B
  • C
  • D

Uma partícula de massa m e carga q, em movimento com velocidade V, entra em uma região II seguindo uma trajetória normal à borda, como mostrado na figura a seguir.

A região II tem um campo magnético uniforme B, indicado na figura, perpendicular ao plano do papel. O comprimento da região II é L.
Verifica
-se que

  • A a partícula entra na região III somente se V > qLB/m
  • B a partícula entra na região III somente se V < qLB/m
  • C o comprimento da trajetória da partícula na região II é mínimo quando V = qLB/m
  • D o comprimento da trajetória da partícula na região II é máximo quando V = qLB/2m

No interior de um cilindro de diâmetro 2α existe uma cavidade cilíndrica de diâmetro α, conforme a seção transversal mostrada na figura a seguir. Considere que o cilindro e a cavidade têm comprimento infinito e que uma densidade de corrente uniforme flui através do comprimento do cilindro. Se a magnitude do campo magnético no ponto P é dada por é a permeabilidade magnética do vácuo, o valor de N é

  • A 2.
  • B 3.
  • C 4.
  • D 5.
Uma amostra de uma substância radioativa foi colocada numa caixa de chumbo. A partir de uma pequena abertura, existente na caixa de chumbo, a radiação proveniente da amostra radioativa foi analisada. Observou-se que, quando um feixe da radiação atravessava perpendicularmente um campo magnético, o feixe se dividia em dois feixes desviados em relação à trajetória sem campo magnético.
Com base nesta experiência, pode
-se dizer que a radiação proveniente da amostra radioativa era constituída de
  • A raios-α e raios-β.
  • B raios-α e raios-γ.
  • C raios-β e raios-X.
  • D raios-γ e raios-X.

Um elétron penetra com velocidade horizontal em um campo magnético de indução vertical e uniforme. Com base nessa informação, pode-se concluir que a trajetória do elétron é

  • A circular.
  • B hiperbólica.
  • C parabólica.
  • D retilínea.
  • E elíptica.