Questões de Anomalias Dentárias e de Tecidos Moles (Odontologia)

Limpar Busca

Em odontologia preventiva, o Ministério da Saúde aponta que as anormalidades dentofaciais são avaliadas, nas idades de 12 e 15 a 19 anos, com base em informações relativas a 3 grupos de condições: dentição, espaço e oclusão. Tais condições compõem o:

  • A Índice de Má-Oclusão.
  • B Índice de Estética Dental.
  • C Índice de Desalinhamento.
  • D Índice de Fluorose Dental.
  • E Índice de Higidez Dentária.

Em relação aos diferentes estágios de desenvolvimento dentário, assinale a alternativa que possui uma anomalia causada durante o período de deposição de matriz de esmalte dentário:

  • A Odontodisplasia regional.
  • B Hipodontia.
  • C Displasia dentinária.
  • D Incisivos de Hutchinson.
  • E Fluorose
Leia as afirmativas a seguir:
I. O dente é o local onde a cárie se manifesta. Algumas condições dos elementos dentários os tornam mais suscetíveis à doença cárie, tais como a morfologia dental, que compreende anomalias na forma (fusão, dentes arredondados, superfícies regulares) e a macromorfologia (dentes posteriores que possuem saliências e reentrâncias que facilitam o controle do biofilme). II. A autoclave tem como função esterilizar materiais através de calor úmido sob pressão, em altas temperaturas; utiliza corpo interno metálico, podendo estar disposto na forma horizontal ou vertical, vedado por uma tampa fechada hermeticamente, garantindo a pressão interior. Um ciclo completo de esterilização constitui-se, basicamente, de três etapas: aquecimento, esterilização e secagem. É o aparelho que garante a eficiência do processo de esterilização, e seu uso deve ser sempre incentivado em substituição à estufa.
Marque a alternativa CORRETA:
  • A As duas afirmativas são verdadeiras.
  • B A afirmativa I é verdadeira, e a II é falsa.
  • C A afirmativa II é verdadeira, e a I é falsa.
  • D As duas afirmativas são falsas.

A maloclusão é a deformidade dentofacial que, na maioria das ocasiões, não provém de um único processo patológico específico.
São causas de maloclusão, EXCETO

  • A hereditariedade.
  • B amamentação prolongada.
  • C função mastigatória reduzida.
  • D exodontia prematura de dentes decíduos.
As nomenclaturas utilizadas no contexto das síndromes são importantes na prática, pois informam sobre o prognóstico, a possível repetição e os métodos diagnósticos. Desvios morfológicos isolados podem ser divididos em malformações, disrupções, deformidades e displasias. Relacione as duas colunas em relação às definições utilizadas nas síndromes e assinale a alternativa que apresenta a sequência correta.
1. Malformações. 2. Disrupções. 3. Deformidades. 4. Displasias.
( ) Defeitos morfológicos que resultam da influência de fatores exógenos sobre um órgão geneticamente normal e que apresentou desenvolvimento até então normal. ( ) Anomalias dos tecidos, locais ou generalizadas, tendo como resultantes desvios morfológicos. ( ) Anomalias morfológicas de órgãos, parte de órgãos ou parte do corpo que se baseiam em erros genéticos. ( ) Anomalias de forma e posição das partes do corpo que resultam da ação de fatores mecânicos, podendo ter origem na vida pós-natal.
  • A 1 – 3 – 2 – 4.
  • B 2 – 4 – 1 – 3.
  • C 4 – 2 – 3 – 1.
  • D 3 – 1 – 4 – 2.