Resolver o Simulado Residência - Nível Superior

0 / 30

Acessibilidade

1
A respeito dos direitos da pessoa com deficiência, assinale a alternativa incorreta:
  • A A Convenção sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência e seu Protocolo Facultativo, ratificados pelo Congresso Nacional e promulgados pelo Presidente da República, são equivalentes às emendas constitucionais.
  • B Segundo entendimento do Superior Tribunal de Justiça, em concurso público, o portador de surdez unilateral não se qualifica como pessoa com deficiência para o fim de disputar as vagas reservadas, enquanto o portador de visão monocular tem direito de concorrer às vagas reservadas à pessoa com deficiência.
  • C O Estatuto da Pessoa com Deficiência prevê a concessão de passe livre à pessoa com deficiência, comprovadamente carente, no sistema de transporte coletivo interestadual.
  • D Quando esgotados os meios de atenção à saúde da pessoa com deficiência no local de residência, será prestado atendimento fora de domicílio, para fins de diagnóstico e de tratamento, conforme o Estatuto da Pessoa com Deficiência.
2
No tocante à legislação federal que versa sobre direitos da pessoa com deficiência, é incorreto afirmar:
  • A Os serviços socioassistenciais destinados à pessoa com deficiência deverão contar com cuidadores sociais para prestar-lhes cuidados básicos e instrumentais.
  • B Em todas as áreas de estacionamento aberto ao público ou privado de uso coletivo e em vias públicas, devem ser reservadas 2% (dois por cento) do total de vagas, para veículos que transportem pessoa com deficiência com comprometimento de mobilidade, garantida, no mínimo, uma vaga devidamente sinalizada e com as especificações de desenho e traçado de acordo com as normas técnicas vigentes de acessibilidade.
  • C Na hipótese de não haver procura comprovada pelos espaços livres para pessoas em cadeira de rodas e assentos reservados para pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida, esses podem, excepcionalmente, ser ocupados por pessoas sem deficiência ou que não tenham mobilidade reduzida.
  • D Nos teatros, cinemas, auditórios, estádios, ginásios de esporte, locais de espetáculos e de conferência e similares com capacidade de lotação de até mil lugares, serão reservados dois por cento de espaços para pessoas em cadeiras de rodas, com garantia de, no mínimo, um espaço, e dois por cento de assentos para pessoas com deficiência ou com mobilidade reduzida, com garantia de, no mínimo, um assento.
3

A Lei nº 13.146, de 6 de julho de 2015, institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência. De acordo com a referida lei, assinale a alternativa CORRETA.

  • A A pessoa com deficiência deve ter acesso à Educação Superior e à Educação Profissional e Tecnológica diferenciado em relação às demais pessoas.
  • B Considera-se pessoa com deficiência aquela que tem impedimentos de longo e curto prazos de natureza física, mental, intelectual ou sensorial, os quais, em interação com uma ou mais barreiras, podem obstruir sua participação plena e efetiva na sociedade em igualdade de condições com as demais pessoas.
  • C A pessoa com deficiência tem direito à adoção de medidas individualizadas e coletivas em ambientes que dificultem o desenvolvimento acadêmico e social dos estudantes com deficiência, desfavorecendo o acesso, a permanência, a participação e a aprendizagem em instituições de ensino.
  • D O poder público deve prover meios para a oferta de educação bilíngue na modalidade escrita da língua portuguesa, como primeira língua, e em Libras, como segunda língua, em escolas e classes bilíngues e em escolas inclusivas.
  • E O profissional de apoio escolar é a pessoa que exerce atividades de alimentação, higiene e locomoção do estudante com deficiência e atua em todas as atividades escolares nas quais se fizer necessária, em todos os níveis e modalidades de ensino, em instituições públicas e privadas, excluídas as técnicas ou os procedimentos identificados com profissões legalmente estabelecidas.
4

Artur, com 8 anos, tem diagnóstico de Transtorno do Espectro Autista (TEA) e está matriculado no ensino fundamental em classe comum de ensino regular, no modelo de educação inclusiva. Insatisfeito com o atendimento que lhe é ofertado Artur, por seu representante legal, pode postular em face do poder público, comprovada a necessidade e porque expressamente previsto em lei federal e seu decreto regulamentador, que

  • A Artur seja atendido em escola especializada na educação de crianças com TEA ou, na sua ausência, em escola especial para pessoas com deficiência.
  • B a escola disponibilize para Artur acompanhante especializado no contexto escolar, apto a lhe oferecer apoio, entre outras, às atividades de comunicação e interação social.
  • C a classe comum onde Artur está matriculado não ultrapasse o limite máximo de vinte alunos.
  • D seja disponibilizado um professor auxiliar para ajudar o professor regente da classe comum de ensino regular onde Artur se encontra matriculado.
  • E a escola elabore e execute um plano individualizado de atendimento a Artur no contexto escolar que contemple simultaneamente suas demandas de natureza pedagógica e terapêutica.
5

Constitui atendimento prioritário previsto expressamente no Estatuto da Pessoa com Deficiência:

  • A Ser atendido em instituições bancárias dentro do período máximo de quinze minutos.
  • B Disponibilização de pontos de parada, estações e terminais acessíveis de transporte coletivo de passageiros e garantia de segurança no embarque e no desembarque.
  • C Disponibilização de recursos, tanto humanos quanto tecnológicos, que garantam atendimento mais vantajoso em relação às demais pessoas.
  • D Receber condição preferencial quando contratar com o Poder Público.
  • E Receber, sem qualquer custo pessoal, auxílio de cão guia.
6

Considerando o direito à igualdade de oportunidades e o direito à não discriminação, é correto afirmar que a pessoa com deficiência

  • A não sofrerá limitação aos seus direitos sexuais, mas não conservará amplamente seus direitos reprodutivos.
  • B não será necessariamente curatelada, mas não poderá ser curadora de outra pessoa.
  • C poderá casar-se, mas não lhe será reconhecida união estável.
  • D será contemplada com ações afirmativas, mas não está obrigada à fruição de benefícios delas decorrentes.
  • E poderá ser adotada, mas não poderá adotar.
7

A pessoa com deficiência, desde o ano de 2015, conta com um aparato legal, Lei nº 13.146, que apresenta à sociedade o Estatuto da Pessoa com Deficiência. Esta Lei visa à garantia do exercício dos direitos sociais e das liberdades fundamentais pelas pessoas com deficiência, com o intuito de lhes conferir inclusão social e cidadania. No que diz respeito ao direito à saúde, pode-se afirmar com base na Lei nº 13.416/2015 que

  • A as ações e serviços de saúde pública devem assegurar à pessoa com deficiência atendimento psicológico, não sendo este extensivo a familiares e atendentes pessoais.
  • B os profissionais que prestarão assistência à pessoa com deficiência, exclusivamente, em serviços de habilitação e reabilitação, devem ter garantida capacitação inicial e continuada.
  • C as ações e os serviços de saúde pública destinados à pessoa com deficiência devem assegurar diagnóstico e intervenção precoces, realizados, ou não, por equipe multidisciplinar.
  • D é assegurada atenção integral à saúde da pessoa com deficiência em todos os níveis de complexidade, por intermédio do Sistema Único de Saúde (SUS), garantindo acesso universal e igualitário.
  • E as instituições privadas que participem de forma complementar do Sistema Único de Saúde (SUS), ou que recebam recursos públicos para sua manutenção, não precisam seguir as mesmas diretrizes, atinentes à prestação de assistência à pessoa com deficiência, como fazem os serviços de saúde pública.
8

A Política Nacional para a Integração da Pessoa com Deficiência compreende o conjunto de orientações normativas que objetivam assegurar o pleno exercício dos direitos individuais e sociais das pessoas portadoras de deficiência. Essa Política tem como princípio:

  • A Estabelecer mecanismos que acelerem e favoreçam a inclusão social da pessoa com deficiência.
  • B Adoção de estratégias de articulação com órgãos e entidades públicos e privados, bem como com organismos internacionais e estrangeiros para a implantação desta Política.
  • C Estabelecimento de mecanismos e instrumentos legais e operacionais que assegurem às pessoas com deficiência o pleno exercício de seus direitos básicos que, decorrentes da Constituição e das leis, propiciam o seu bem-estar pessoal, social e econômico.
  • D Inclusão da pessoa com deficiência, respeitadas as suas peculiaridades, em todas as iniciativas governamentais relacionadas à educação, à saúde, ao trabalho, à edificação pública, à previdência social, à assistência social, ao transporte, à habitação, à cultura, ao esporte e ao lazer.
9

Segundo o Decreto nº 9.451, de 26 de julho de 2018, que regulamenta o art. 58 da Lei nº 13.146, de 6 de julho de 2015, que institui a Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência - Estatuto da Pessoa com Deficiência, analise os itens seguintes:


(i) Unidade com adaptação razoável é unidade autônoma de edificação de uso privado multifamiliar cujas características construtivas permitam a sua adaptação, a partir de alterações de layout, dimensões internas ou quantidade de ambientes, sem que sejam afetadas a estrutura da edificação e as instalações prediais, observado o disposto no referido Decreto.

(ii) Nas unidades autônomas com mais de um pavimento, será previsto espaço para instalação de equipamento de transposição vertical para acesso a todos os pavimentos da mesma unidade autônoma.

(iii) Ficam dispensados do disposto no referido Decreto, entre outros, unidades autônomas com, no máximo, um dormitório e com área útil de, no máximo, trinta e cinco metros quadrados.


Qual(is) item(ns) está(ão) correto(s)?

  • A (i), (ii) e (iii).
  • B Apenas (ii) e (iii).
  • C Apenas (i) e (iii).
  • D Apenas o (i).
10

O Art. 28 da Lei Brasileira de Inclusão da Pessoa com Deficiência incumbe ao poder público assegurar, criar, desenvolver, implementar, incentivar, acompanhar e avaliar:


I. O sistema educacional inclusivo nos anos iniciais do ensino fundamental, bem como o aprendizado ao longo da conclusão do ensino médio.

II. A participação dos estudantes com deficiência e de suas famílias nas diversas instâncias de atuação da comunidade escolar.

III. As pesquisas voltadas para o desenvolvimento de novos métodos e técnicas pedagógicas, de materiais didáticos, de equipamentos e de recursos de tecnologia assistiva.


Quais estão corretas?

  • A Apenas I.
  • B Apenas II.
  • C Apenas I e II.
  • D Apenas II e III.
  • E I, II e III.

Psicologia

11

Elisa compareceu à Policlínica com queixas de fortes dores de cabeça e diagnóstico recente de diabetes tipo II. Orientada por sua tia, pergunta se é possível ter uma consulta com o médico, depois com a enfermeira, em seguida com a nutricionista e por fim com o psicólogo, para ver se eles, conversando entre si, conseguem ajudá-la a criar maneiras de melhorar a saúde.


A noção de trabalho em equipe pensada por Elisa se refere ao modelo:

  • A Holístico.
  • B Intersubjetivo.
  • C Transpessoal.
  • D Interdisciplinar.
  • E Multidisciplinar.
12

Glaucia compareceu à Policlínica com paralisia nos membros inferiores. Em avaliação neurológica, os achados físicos evidenciam incompatibilidade entre o sintoma e as condições médicas encontradas. Relata estar emocionalmente mobilizada com o quadro, essencialmente por já apresentar perdas no trabalho e no convívio social.


O quadro descrito é compatível com os critérios diagnósticos do transtorno:

  • A delirante.
  • B conversivo.
  • C neuroimunológico.
  • D dismórfico corporal.
  • E factício e simulação.
13

Trentini et al (2009) conceituam a personalidade como o conjunto de características dos indivíduos, sendo única e que o diferencia dos demais, baseada em padrões consistentes de sentimentos, pensamentos e comportamentos.


Há ainda __________________, que representa(m) tendências relativamente estáveis na forma de pensar, sentir e atuar com as pessoas, caracterizando, contudo, possibilidades de mudanças, como produto das interações das pessoas com seu meio social (SISTO; OLIVEIRA, 2007 apud TRENTINI et al, 2009).


A alternativa que preenche, corretamente, a lacuna do trecho acima é

  • A as estruturas clínicas
  • B os aspectos do caráter
  • C os elementos neuróticos
  • D o modelo dos cinco fatores
  • E os traços de personalidade
14

Cordioli (2008) discorre que, embora sejam listadas pela literatura mais de 250 modalidades de psicoterapias, há um relativo consenso sobre sua efetividade como método de tratamento.


Sobre os elementos comuns às psicoterapias, analise as assertivas e identifique com V as verdadeiras e com F as falsas.

( ) As psicoterapias utilizam a comunicação verbal como principal recurso.

( ) As técnicas são planejadas pelo paciente/cliente sob anuência do terapeuta.

( ) A psicoterapia é um método realizado por um profissional de nível técnico e treinado.

( ) A psicoterapia ocorre no contexto de uma relação de confiança dirigida ao Terapeuta.


A alternativa que contém a sequência correta, de cima para baixo, é

  • A V F F V
  • B V F V F
  • C V V F F
  • D F V F V
  • E F V V F
15

Na prática do psicólogo clínico, a realização do psicodiagnóstico é um processo fundamental para diagnóstico e direção do tratamento.


A realização do psicodiagnóstico bem fundamentado requer que o psicólogo:

  • A reúna modalidades mistas de testagem psicológicas.
  • B privilegie a epistemologia cognitivista de compreensão psicológica.
  • C adapte e valide testes psicométricos de acordo com sua experiência.
  • D adote prioritariamente as leituras psicodinâmicas dos dados psicológicos.
  • E possua conhecimentos teóricos, e domine procedimentos e técnicas psicológicas.
16

Jéssica é uma psicóloga clínica que realiza o acompanhamento da paciente Paula. Dentro do percurso inicial de compreensão do funcionamento psíquico de sua paciente, realizou um processo de avaliação psicológica. Considerando os documentos consecutivos a este processo que Jéssica está profissionalmente amparada a produzir, analise as opções a seguir e identifique com V as verdadeiras e com F as falsas.


( ) Declaração.

( ) Parecer psicológico.

( ) Atestado psicológico.

( ) Relatório psicológico.


A alternativa que contém a sequência correta, de cima para baixo, é

  • A F F V V
  • B F V F V
  • C F V V F
  • D V F V F
  • E V V F F
17

“Os princípios da redução de danos se sustentam no pragmatismo de que o consumo de drogas sempre esteve e sempre estará presente na história da humanidade. Assim, o ideário de uma sociedade livre de drogas perde por completo o seu sentido. Se o consumo de drogas não pode ser suprimido da sociedade, é possível traçar estratégias para reduzir os danos a ele relacionados, tanto para os usuários quanto para a coletividade” (ALVES, 2009, p. 2312).


Sobre as diretrizes e atividades de atenção e de reinserção social de usuários ou dependentes de drogas, é correto afirmar que

  • A indicam o seguimento do projeto de institucionalização terapêutica, orientado para a inclusão social e para a redução de riscos e de danos sociais e à saúde.
  • B estabelecem a observância das orientações previstas no Conselho Nacional de Entorpecentes (CONFEN) sobre busca e apreensão de substâncias psicoativas ilícitas.
  • C orientam a adoção de estratégias de atenção e reinserção social do usuário e do dependente de drogas e respectivos familiares que considerem as premissas universais de não-uso.
  • D consideram as variáveis socioculturais associadas ao uso de drogas, autorizando a produção de compostos sintéticos derivados da cannabis sativa para fins terapêuticos, recreativos e comerciais.
  • E preconizam o respeito ao usuário e ao dependente de drogas, independentemente de quaisquer condições, observados os direitos fundamentais da pessoa humana, os princípios e diretrizes do Sistema Único de Saúde (SUS) e da Política Nacional de Assistência Social.
18

Reginaldo é um paciente que foi submetido a uma avaliação psicológica há um ano e meio, da qual resultou um laudo psicológico, que descrevia, dentre outras coisas, sintomatologia ansiosa, humor depressivo e baixo autoconceito. No presente momento, procura novamente o psicólogo Diogo, autor do laudo, para solicitar uma via com data atual, pois refere ter extraviado o laudo original.


Neste sentido, a conduta profissionalmente correta a ser adotada por Diogo é:

  • A aceitar o pedido, uma vez que uma potencial recusa pode desestabilizar um paciente com histórico de transtorno de ansiedade.
  • B aceitar o pedido, uma vez que os dados psicológicos descritos no laudo são elementos de personalidade e, portanto, imutáveis.
  • C recusar o pedido, uma vez que os dados aferidos em uma avaliação psicológica são dinâmicos, não-definitivos e tangentes ao período avaliativo.
  • D recusar o pedido, uma vez que um paciente somente pode ser submetido a uma avaliação psicológica dentro de um intervalo de cinco anos.
  • E aceitar o pedido, uma vez que é direito do avaliado solicitar, sempre que necessário, uma cópia de documentos referentes aos seus dados psicológicos/subjetivos.
19

As Reformas Sanitária e Psiquiátrica no Brasil apontam um novo caminho na perspectiva do cuidado das pessoas com sofrimento psíquico, a exemplo da constituição dos Centros de Atenção Psicossocial (CAPS), assim como uma nova postura da família que as abriga e cuida, considerando o aumento da proximidade e do convívio, não só no contexto familiar, mas também com a comunidade em que vivem.


Sobre o cuidado às pessoas com sofrimento psíquico, é correto afirmar que

  • A os CAPS compõem uma política de reorientação da atenção em saúde mental, com abrangência nacional, sem possuir vinculação com os governos estaduais e municipais.
  • B os novos serviços de atenção à saúde mental buscam integrar a cidadania e a valorização da participação da família no tratamento, sem que, para tal, se torne necessário promover o processo de desmistificação da loucura junto à comunidade.
  • C a tendência da nova visão acerca da saúde mental prima pelo entendimento da pessoa, em sua totalidade, como um ser que sofre, passa por transformações, nem sempre livres de traumas, decorrentes do luto, carência afetiva, doenças, dentre outros motivos, que levem o indivíduo a requerer ajuda, podendo esta última, encontrar-se na criação e fortalecimento de vínculos entre aquele que apresenta o sofrimento psíquico, a sua família e a comunidade em que se encontra inserido.
  • D o novo modelo de atenção à saúde mental defende que à medida que a família assume o cuidado com o seu familiar, que apresenta sofrimento psíquico, as crises que venham a ocorrer já poderão ser contornadas pela própria família e respectiva comunidade, sem requerer o apoio e atendimento por parte dos serviços de saúde.
  • E a inclusão da família no tratamento da pessoa com sofrimento psíquico, com o apoio e intervenção dos serviços de saúde, não solicita, permanentemente, processos e momentos que envolvam trocas de informações com a equipe de saúde, participação na definição de mudanças no tratamento, que se façam necessárias, e debate em torno de temáticas atinentes à saúde mental.
20

O atendimento psicológico de qualidade procura ser assegurado à sociedade através da atuação do Conselho Federal de Psicologia, afinado com as unidades regionais.


O controle interno da profissão é feito através da fiscalização das condutas profissionais com dispositivos formais, entre os quais se destaca ________________________ do psicólogo.


A alternativa que preenche, corretamente, a lacuna do trecho acima é

  • A o Código de Ética
  • B a Cartilha de Testes
  • C a Diretriz Nacional de Boas Práticas
  • D o Código de Processamento Disciplinar
  • E o Manual de Vigilância Técnico-científica

Psiquiatria

21

O medo e a ansiedade são sinais de alerta, porém diferentemente deste a ansiedade representa uma resposta interpretada como ameaça a um objeto desconhecido, vago ou interno, podendo ser fisiológica ou não. Os transtornos de ansiedade frequentemente são associados a comorbidades, são crônicos e resistentes a tratamento.


Com relação à epidemiologia dos transtornos de ansiedade marque a afirmativa correta.

  • A As fobias específicas são mais comuns em homens. O medo é irracional e egossintônico, frequentemente possuem comorbidade com dependência de álcool e transtorno depressivo maior ao exame clínico
  • B Para o diagnóstico de transtorno de pânico pelo DSM-5 ao menos 2 sintomas de uma lista de 11 devem estar presentes, além da necessidade de excluir uso de substâncias psicoativas ou outra condição médica
  • C As mulheres têm três vezes mais probabilidade de desenvolverem transtorno de pânico do que os homens, frequentemente há associação com história recente de divórcio ou separação. A idade média de início é de 25 anos
  • D No transtorno de ansiedade generalizada os sintomas de ansiedade e preocupação excessivas devem estar presentes por no mínimo 3 meses, na maioria dos dias da semana, associadas a tremores, ou inquietação motora
  • E A buspirona é um agonista total dos receptores 5-HT2c e pode ser eficaz em 60-80% dos pacientes com transtorno de ansiedade generalizada. É indicada principalmente para pacientes que não responderam bem aos benzodiazepínicos
22

A declaração de óbito (DO) é um documento que serve para coleta de informações sobre mortalidade, as quais podem subsidiar políticas públicas em saúde direcionadas para tais agravos e também para que legalmente os corpos possam ser sepultados. Os médicos são responsáveis ética e juridicamente pelo preenchimento da DO.


Assinale a alternativa correta em relação à declaração de óbito.

  • A Cartórios de registro Civil e empresas funerárias também são unidades notificadoras que recebem formulários de DO das Secretarias Municipais de Saúde
  • B Em gestações abaixo de 20 semanas ou feto com peso corporal abaixo de 500g a DO não deve ser emitida, mesmo que o feto tenha respirado
  • C Membros amputados em atos cirúrgicos que serão sepultados devem ter declaração de óbito emitida pelo médico que realizou a cirurgia
  • D Em caso de morte natural para que o cadáver seja cremado é necessário que dois médicos assinem a DO
  • E Em casos de morte por acidente de trânsito o médico do SAMU que prestou o primeiro atendimento deve preencher a DO
23

Sísifo é um personagem da mitologia grega que foi condenado à tarefa de empurrar uma pedra até o topo de uma montanha de modo que chegando ao topo, a pedra rolava novamente montanha abaixo, fazendo-o reiniciar o árduo trabalho eternamente, a semelhança do que ocorre em um paciente com transtorno obsessivo compulsivo (TOC). Esse transtorno traz grande sofrimento à vida da pessoa, consome tempo e interfere em sua rotina.


Acerca do TOC e transtornos relacionados pode-se afirmar:

  • A O transtorno de escoriação é caracterizado pelo comportamento compulsivo e repetitivo de beliscar a pele, sendo o abdome o local mais comum. Este transtorno apresenta boa resposta ao tratamento medicamentoso
  • B A droga padrão-ouro para o tratamento do TOC é a clomipramina, o ISRS mais serotoninérgico da classe, porém, devido a seus efeitos adversos como ansiedade e inquietação deve ser utilizado quando outro ISRS foi tentado sem melhora do quadro
  • C A tricotilomania envolve a compulsão de arrancar os cabelos em resposta a uma tensão para puxá-los. Entre 35-45% desses pacientes engolem os cabelos arrancados e um terço destes formam bezoares, que podem obstruir o trato gastrintestinal
  • D No transtorno de acumulação a maioria dos pacientes possui insight em relação a seu problema, contudo demoram a buscar ajuda. É um transtorno crônico e de difícil tratamento, sendo uma indicação para eletroconvulsoterapia
  • E No TOC o padrão de comportamento mais comum são pensamentos obsessivos intrusivos sem atos compulsivos associados, podendo levar o paciente a confessar um pensamento de ato sexual a um padre ou a polícia
24

O sono é regulado por diversos mecanismos, quando há uma desorganização de algum dos sistemas ocorrem os transtornos do sono. Atualmente já foi demonstrada a importância de um sono reparador não só para a saúde mental do paciente, como para as áreas cardíacas e endócrinas, por exemplo, sendo os transtornos do sono associados à ocorrência de AVC, hipertensão e insuficiência cardíaca.


Relativo à insônia é alegar:

  • A A percepção inadequada do sono, conhecida como insônia subjetiva, caracteriza-se por uma dissociação da experiência de dormir do paciente com as medidas poligráficas objetivas do sono, ocorre em indivíduos sadios e hipocondríacos
  • B A insônia está frequentemente associada à depressão, e afim de não ocultar os sintomas depressivos, esta deve ser tratada primeiro. Melhorando a depressão consequentemente haverá melhora da insônia
  • C O tratamento da insônia deve ser continuado por longos períodos com a finalidade de evitar novos episódios. Uma breve recorrência desta condição já é indicativa de retorno do tratamento
  • D A insônia psicofisiológica apresenta-se como uma reclamação primária da dificuldade em iniciar o sono. Esses indivíduos demonstram inadaptação no tempo diurno, dificuldades no trabalho e em relacionamentos, apesar de dormirem bem em laboratório
  • E Vários medicamentos estão disponíveis para o tratamento da insônia como benzodiazepínicos, zolpidem, eszopiclona, trazodona e ramelteon. Todos eles são aprovados para terapias de longo prazo
25

Em 1884, Freud realizou um estudo sobre os efeitos farmacológicos da cocaína defendendo seu uso para cura de doenças e em 1903 esse estimulante passou a ser utilizado como princípio ativo da Coca-Cola®. Desde então a cocaína vem sendo consumida de todo desenfreado, tornando-se uma questão de saúde pública devido a problemas legais, psiquiátricos e sociais associados a esse uso.


Qual alternativa está correta a respeito do transtorno por uso de estimulantes?

  • A A principal ação farmacocinética associada aos efeitos comportamentais da cocaína é o bloqueio competitivo da receptação de serotonina pelo transportador serotoninérgico.
  • B Os efeitos comportamentais da cocaína são sentidos quase de imediato e duram em média 10-120min, seus metabólicos podem estar presentes no sangue e na urina por até 5 dias.
  • C Transtornos psicóticos induzidos por estimulantes são mais comuns em mulheres, é fundamental a presença de delírios de grandeza e alucinações táteis.
  • D Aumento da atividade metabólica em regiões como amígdala, giro para-hipocampal, e córtex pré-frontal dorsolateral estão correlacionados a relatos de fissura por cocaína.
  • E Devido a sua alta potência como reforçador positivo de comportamento após o primeiro uso de cocaína o usuário pode desenvolver dependência fisiológica com abstinência intensa.
26

O diagnóstico em psiquiatria possui o mesmo valor e importância de outras especialidades médicas. Sem um diagnóstico psicopatológico realizado com excelência não se pode conhecer e nem compreender o paciente e seu sofrimento, tampouco definir a terapêutica apropriada.


Sobre a anamnese e exame mental do paciente psiquiátrico, pode-se afirmar:

  • A A qualidade da atenção a qual permite a pessoa mudar o foco de um objeto para outro se denomina tenacidade, enquanto que a capacidade de fixar a atenção em determinado objeto define-se como vigilância
  • B As alucinações ocorrem em condições como rebaixamento do nível de consciência, fadiga grave, estados afetivos e esquizofrenia. Caracterizam-se por percepções alteradas de objetos reais
  • C A ecmnésia trata-se de falseamento da memória, de modo que lembranças aparecem como fatos novos e os pacientes vivenciam como se tivessem descoberto naquele momento
  • D Sopor é um estado de turvação da consciência, em que o paciente pode ser despertado somente por estimulação enérgica, principalmente de natureza dolorosa, este é incapaz de ações voluntárias
  • E Na indiferença afetiva ocorre uma incapacidade total ou parcial de obter e sentir prazer com atividades anteriormente prazerosas ou com novas experiências da vida, como sentir prazer sexual
27

Nos setores de emergência psiquiátrica diagnósticos comuns são transtornos do humor, esquizofrenia e dependência de álcool. O principal objetivo é avaliar o mais rapidamente um paciente em crise, fazendo-se necessário fazer um diagnóstico inicial, identificar fatores precipitantes, necessidades imediatas e iniciar o tratamento adequado.


A respeito das emergências psiquiátricas marque a alternativa correta.

  • A Em casos de explosões episódicas de agressividade podem ser utilizados haloperidol, antagonistas dos receptores β-adrenérgicos, carbamazepina e lítio. Também pode ser administrado diazepam ou lorazepam via intravenosa rapidamente (30s)
  • B O médico deve sempre documentar minuciosamente o motivo pelo qual o paciente está sob uso de contenção, o curso de tratamento e a reação do paciente ao tratamento durante o período de contenção
  • C O risco de suicídio deve ser ponderado somente quando o paciente refere ideação suicida. Caso o paciente prefira não se internar o médico deve manter sigilo e respeitar a autonomia do paciente
  • D Ideação suicida define-se como expectativa subjetiva e desejo de que o ato autodestrutivo cause a morte enquanto intenção suicida é o pensamento de servir como agente da própria morte
  • E Quando um paciente se sente mais à vontade em frequentar um serviço de emergência do que o CAPS ou ambulatórios especializados o médico deve resguardá-lo de que isto é um direito dele
28

O uso de terapias convulsivas para o tratamento de transtornos psiquiátricos data do fim dos anos 1700. Inicialmente a cânfora era utilizada para induzir a convulsão e posteriormente foi introduzida a corrente elétrica com a mesma finalidade. Muito estigma se criou ao redor desse tipo de terapia, porém este é bastante eficaz quando corretamente indicado.


Com relação às indicações e mecanismos de ação da eletroconvulsoterapia (ECT) pode-se afirmar:

  • A O fluxo sanguíneo cerebral e o uso de glicose diminuem durante as convulsões e aumentam após estas de modo acentuado principalmente nos lobos temporais, estando este metabolismo associado à melhor resposta terapêutica
  • B A principal indicação de ECT refere-se a casos de depressão, sendo mais efetiva no transtorno depressivo maior, particularmente se associado a transtornos de sintomas somáticos em pacientes idosos, também protegendo contra novos episódios
  • C Em episódios maníacos, a ECT equivale ao lítio, sendo tão eficaz quanto este em curto prazo. Essa terapia tem indicação em pacientes que não podem fazer uso ou não tem resposta ao tratamento com lítio.
  • D Outras indicações de ECT são transtornos de personalidade (histriônico, borderline, antissocial) e de ansiedade que não respondam a pelo menos três tentativas de tratamento com medicações otimizadas
  • E No decorrer do curso de uma série de tratamentos de ECT, o eletroencefalograma (EEG) interictal costuma se apresentar mais lento e de maior amplitude que o habitual, retornando a sua apresentação pré-tratamento entre um mês a um ano após a última sessão
29

A deficiência intelectual, anteriormente denominada retardo mental, pode ser causada por diversos fatores genéticos e ambientais, resultando assim em uma miscelânea de deficiências sociais e cognitivas. Para sua definição diagnóstica essas limitações devem estar presentes antes dos 18 anos de idade, envolvendo não só o desempenho intelectual como o comportamento adaptativo.


Quanto à deficiência intelectual é correto afirmar:

  • A Na quinta edição do Manual diagnóstico e estatístico de transtornos mentais (DSM-5) são descritos diversos níveis de gravidade de deficiência intelectual determinados com base nas pontuações do QI
  • B Na deficiência intelectual leve os adolescentes apresentam dificuldade de socialização, mantendo-os isolados, o QI varia de 35 a 50, sendo necessário grande suporte social e vocacional
  • C A deficiência intelectual não especificada engloba pessoas maiores de 5 anos com fortes suspeitas de deficiência intelectual em que a avaliação é extremamente difícil, como portadores de cegueira e ou surdez
  • D A sífilis é a principal causa de deficiência intelectual e de malformações congênitas produzidas por infecções maternas. Uma causa genética é a Síndrome de Prader-Willi decorrente de uma deleção envolvendo o cromossomo 5
  • E Epidemiologicamente esse distúrbio é mais comum no sexo feminino, com incidência mais elevada nas crianças em idade pré-escolar e prevalência entre 1 e 3% da população
30

Personalidade caracteriza-se por padrões de adaptação únicos em exposição a ambientes internos e externos os quais estão em constante transformação. Os transtornos de personalidade definem padrões contínuos de experiência interna associados a comportamentos que se desviam intensamente das expectativas da cultura da pessoa.


Marque a alternativa correta em relação aos transtornos de personalidade.

  • A Indivíduos com transtorno de personalidade esquizoide muitas vezes buscam conforto e satisfação dentro de si mesmas, criando vidas e amigos imaginários e costumam apresentar indiferença à interação social
  • B Dissociação é a substituição de afetos desagradáveis por agradáveis. Pacientes que exibem esse sintoma são vistos como teatrais e superficiais classificados por isso com personalidade borderline
  • C No transtorno de personalidade evitativa os pacientes suspeitam, sem embasamento, de outras pessoas em geral, costumam ser hostis, mal-humorados e cônjuges patologicamente ciumentos
  • D Pacientes com transtorno de personalidade histriônica com frequência permitem que outras pessoas tomem decisões importantes sobre sua vida e preocupam-se em serem abandonados
  • E Características do transtorno de personalidade narcisista incluem perfeccionismo que interfere na execução de tarefas, preocupação com detalhes, regras ou listas, além de inflexibilidade em assuntos de moralidade
Voltar para lista